Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Manifestações Simbólicas nos Sonhos de Adultos-Jovens

DOI: http://dx.doi.org/10.18256/2175-5027/psico-imed.v1n1p10-19

https://seer.imed.edu.br/index.php/revistapsico/index 

downloadpdf

Helen L. Wagner1, Gabriel C. Gauer2 & Andréa Beheregaray3

  

Resumo: O presente estudo se propõe a apresentar a análise de sonhos de adultos-jovens com o objetivo de levantar hipóteses interpretativas. A análise dos sonhos é feita com base no referencial psicodinâmico, em especial na teoria de C. G. Jung, segundo a qual os sonhos funcionam como complementação e compensação da visão do ego vigil. Conforme é apresentado no decorrer do texto, foram analisados três relatos de sonhos cedidos por dois participantes: um do sexo masculino e um do sexo feminino. Nos casos analisados, entre outros aspectos, pode-se observar que em um dos participantes, os conflitos mais evidentes se relacionam a questões familiares, enquanto que no outro caso questões narcisistas parecem ter maior peso.

Palavras-chave: sonhos; adultos-jovens; teoria analítica; símbolos; inconsciente.

 

Abstract: This study presents analyses of dreams of young adults with the aim of creating interpretative hypotheses. The analysis of the dreams is based in psychodynamic references, in special the theory of C.G. Jung, according to which the dreams function as complementation and compensation for the visions of the vigil ego. Three stories of dreams, given by two participants, one male and one female, were analyzed. In these stories, among other aspects, it can be observed that one of the participants has evident conflicts regarding family relations, whereas in the other case narcissist issues seem to be the most important factor.

Key words: dream; young adult; analytical theory; symbols; unconscious.

 

1 Psicóloga pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.Mestranda pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul.
2 Pós-Doutor pela University of Maryland System U.M.S Estados Unidos. Prof. do Programa de Pós- Graduação da Faculdade de Direito e Departamento de Pós-Graduação da Faculdade de Psicologia da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.
3 Psicóloga. Especialista em Ciências Penais pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul. Mestre em Ciências Criminais pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul

 

Literatura Citada

Beebe, J. (2004). Can there be science of the symbolic? Journal of analytical psychology, 49 (2), 177-91.

Hall, J. (1983). Jung e a interpretação dos sonhos: manual de teoria e prática. São Paulo: Cultrix.

Jung, C. G. et al. (1992). O homem e seus símbolos. Rio de Janeiro, Nova Fronteira.

Jung, C.G. (2001). Os arquétipos e o inconsciente coletivo. Petrópolis: Vozes.

Stein, M. (1998). Jung: o mapa da alma: uma introdução. São Paulo: Cultrix.

Vieira, A. (2006). A função da história e da cultura na obra de C. G. Jung. Aletheia, 23, 89-100.

Von Franz, M. (1998). O caminho dos sonhos. São Paulo: Cultrix.

Whitmont, E., & Perera. S. (1995). Sonhos: um portal para a fonte. São Paulo: Summus.