Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

O Discurso Amoroso e a Solidão dos Personagens do Conto Noites Brancas

DOI: http://dx.doi.org/10.18304/1984-6614/scripta.alumni.n9p207-218

http://www.uniandrade.br/revista-scripta-alumni.php 

downloadpdf

Beatriz de C. da Cruz1

  

Resumo: Este artigo analisa o tema da solidão e do amor no conto Noites brancas, de Fiódor Dostoiévski, tomando como base a obra Fragmentos do discurso amoroso, de Roland Barthes, e os pressupostos teóricos de Mikhail Bakhtin em Problemas da poética de Dostoiévski. A história tem como personagem principal um sonhador que se apaixona perdidamente por uma linda jovem. Dostoiévski utiliza o cenário das noites brancas de São Petersburgo para o encontro dessas duas almas solitárias. A análise do texto se apoia na tese do romance polifônico, de Bakhtin, especialmente no que se refere à dialogia, e interage com a obra de Barthes, mostrando que a solidão e o discurso amoroso dependem essencialmente da voz do outro para se concretizarem.

Palavras-chave: Amor. Solidão. Dialogismo. Discurso amoroso.

 

Abstract: This article studies loneliness and love as themes in the short story White nights by Fyodor Dostoyevsky, based on the work by Roland Barthes A Lover's Discourse: fragments, and the theoretical assumptions of Mikhail Bakhtin in his study Problems of Dostoievsky's poetics. The main character of Dostoyevsky‘s novel is a dreamer that falls hopelessly in love with a beautiful girl. Dostoyevsky uses the white nights of Saint Petersburg as the backdrop of his story, where two lonely souls meet. The analysis of the text is based on Bakhtin‘s polyphonic novel theory, especially in relation to dialogism, and the interaction with Barthes‘ work, where both loneliness and love discourse are depicted as factors that essentially depend on mutual resonance in order to be concretized.

Key words: Love. Loneliness. Dialogism. A Lover's Discourse.

 

1 Mestranda do Curso de Teoria Literária do Centro Universitário Campos de Andrade. E-mail: beatruz@gmail.com

 

Literatura Citada

SOLIDÃO. In: ABBAGNANO, N. Dicionário de filosofia. 4. ed. Tradução Ivone Castilho Benedetti. São Paulo: Martins Fontes, 2000.

BAKHTIN, M. M. Problemas da poética de Dostoiévski. 5. ed. Tradução de Paulo Bezerra. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2010.

BARTHES, R. Fragmentos de um discurso amoroso. Tradução de Hortênsia dos Santos. Rio de Janeiro: F. Alves, 1988.

DOSTOIÉVSKI, F. M. Noites brancas. Tradução de Natália Nunes. Porto Alegre: L & PM, 2008.

DOSTOIÉVSKI, F. M. Obra completa, v. 1. Tradução de Natália Nunes e Oscar Mendes. Rio de Janeiro: Aguilar, 1963.

VEJA. Lazer e cultura. Disponível em: <http://vejasp.abril.com.br/atracao/noites-brancas>. Acesso em: 16 nov. 2012.