Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

O Estatuto Posicional Pode Influenciar o Desempenho Tático ente Jogadores da Categoria Sub-13?

DOI: http://dx.doi.org/10.18511/0103-1716/rbcm.v21n4p73-79

http://portalrevistas.ucb.br/index.php/RBCM/index 

downloadpdf

Maickel B. Padilha1-2, José C. Moraes3 & Israel T. da Costa1

 

Resumo: Com a importância do processo de formação dos jogadores de Futebol, as características peculiares em diferentes estatutos posicionais podem apresentar desempenhos táticos distintos quando consideradas as diferentes fases de jogo (defensiva e ofensiva). Este trabalho tem por objetivo verificar se o estatuto posicional pode influenciar o desempenho tático entre jogadores da Categoria Sub-13. A amostra foi composta por 100 jogadores de futebol da Categoria Sub-13, divididos em 27 Defensores, 38 Meio Campistas e 35 Atacantes. Foram analisadas um total de 5213 ações Ofensivas e Defensivas, com a seguinte distribuição por princípios: Ofensivos: “Penetração” [n=319; (12,99%)]; “Cobertura Ofensiva” [n=692; (28,19%)]; “Mobilidade” [n=182; (7,42%)]; “Espaço” [n=929; (37,84%)] e “Unidade Ofensiva” [n=333; (13,56%)]; Defensivos: “Contenção” [n=664; (24,07%)]; ”Cobertura Defensiva” [n=220; (7,98%)]; “Equilíbrio” [n=639; (23,17%)]; “Concentração” [n=340; (12,33%)] e “Unidade Defensiva” [n=895; (32,45%)]. O instrumento utilizado para coleta e análise dos dados foi o FUT-SAT, Os resultados foram tratados através da estatística descritiva e os testes de Kolmogorov-Smirnov, ANOVA One Way, Kruskal Wallis e Post Hoc de Tukey. Para o cálculo da fiabilidade recorreu-se ao teste Kappa de Cohen . Para o tratamento dos dados foi utilizado o software SPSS for Windows, versão 18.0. Adotou-se um nível de significância de p <0,05. Os resultados demonstraram diferenças estatisticamente significativas entre o Índice de Performance Tática e os estatutos posicionais para o princípio tático ofensivo “Unidade Ofensiva” entre Meio Campistas e Atacantes. Para os demais princípios táticos não foram encontradas diferenças estatísticas. Conclui-se com este estudo, que o estatuto posicional influencia no desempenho tático por parte dos Meio Campistas em relação aos Atacantes. Sobretudo, em movimentações ofensivas afastadas do centro de jogo e em apoios ofensivos que ocorrem atrás da linha da bola. Desta forma, os Meio Campistas da categoria Sub-13 apresentam desempenho superior para o princípio tático “Unidade Ofensiva”.

Palavras-chave: Futebol, Desempenho, Avaliação.

 

Abstract: With the importance of the process of formation of the Football players, the peculiar characteristics in different positional statutes may provide distinct tactical performances when considering the different phases of the game (defensive and offensive).This paper aims to verify whether positional role can influence the tactical performance of U-13 youth soccer players. The sample comprised 100 U-13 youth soccer players divided into 27 defenders, 38 midfielders and 35 forwards. 5213 offensive and defensive actions were analyzed, with the following distribution: Offensive Principles: “Penetration” [n=319; (12,99%)]; “Offensive Coverage” [n=692; (28,19%)]; “Mobility” [n=182; (7,42%)]; “Width and Length” [n=929; (37,84%)] and “Offensive Unity” [n=333; (13,56%)]; Defensive: “Delay” [n=664; (24,07%)]; “Defensive Coverage” [n=220; (7,98%)]; “Balance” [n=639; (23,17%)]; “Concentration” [n=340; (12,33%)] and “Defensive Unity” [n=895; (32,45%)]. FUT-SAT was used to data collection and analysis. Results were processed through descriptive statistics and Kolmogorov-Smirnov, ANOVA One Way, Kruskal Wallis and Tukey’s Post Hoc tests. For data processing the software SPSS for Windows, version 18.0 was used. The significance level was set to p<0.05. Results presented significant differences between the Tactical Performance Index and positional roles for the tactical principle “Offensive Unity” among midfielders and forwards. For the remaining tactical principles no significant differences were found. It is concluded with the present study that the positional role influences the tactical performance of midfielders in comparison with forwards, mainly in offensive movements away from the game center and offensive supports occurred behind the ball line. Thereby, U-13 midfielders showed higher performance for the tactical principle “Offensive Unity”.

Key words: Performance, Evaluation, Soccer.

 

1 Universidade Federal de Viçosa, Núcleo de Pesquisa e Estudos em Futebol - NUPEF
2 Universidade do Porto
3 Universidade Federal do Rio Grande do Sul

 

Literatura Citada

Teoldo I, Garganta J, Greco PJ, Mesquita I. Princípios Táticos do Jogo de Futebol: conceitos e aplicação. Motriz. 2009;15(3):657-68.

Gréhaigne JF, Bouthier D, Davids B. Dynamic-system analyses of opponent relationship in collective action in soccer. J Sports Sci. 1997;15(2):137-49. https://doi.org/10.1080/026404197367416

Szwarc A. The Efficiency Model of Soccer Player´s Actions in Cooperation With Other Team Players at The FIFA Word Cup. Hum Mov 2008;9(1):56-61.

Garganta J, Gréhaigne JF. Abordagem sistêmica do jogo de futebol: moda ou necessidade? Mov. 1999;5(n.10).

Grehaigne JF, Godbout P, Bouthier D. The teaching and learning of decision making in team sports. Quest (00336297). 2001;53(1):59-76.  https://doi.org/10.1080/00336297.2001.10491730

Bayer C. O ensino dos desportos colectivos. Lisboa: Dinalivro; 1994.

Bradley PS, Carling C, Archer D, Roberts J, Dodds A, Di Mascio M, et al. The effect of playing formation on high-intensity running and technical profiles in English FA Premier League soccer matches. J Sports Sci. 2011;29(8):821-30. https://doi.org/10.1080/02640414.2011.561868

Dellal A, Owen A, Wong DP, Krustrup P, van Exsel M, Mallo J. Technical and physical demands of small vs. large sided games in relation to playing position in elite soccer. Hum Mov Sci. 2012 Feb 16.

Oliveira JGG. Conhecimento Específico em Futebol. Contributos para a definição de uma matriz dinâmica do processo ensino-aprendizagem/treino do jogo [Dissertação]. Porto: Universidade do Porto; 2004.

Memmert D, Harvey S. Identification of non-specific tactical task in invasion games. Phys Educ Sport Ped. 2010.

Garganta J. Modelação táctica do jogo de futebolestudo da organização da fase ofensiva em equipas de alto rendimento. Faculdade de Ciências do Desporto e de Educação Física da Universidade do Porto, Porto. 1997:312.

Teoldo; I, Garganta J, Greco PJ, Mesquita I, Maia J. Sistema de avaliação tática no futebol (FUT-SAT): Desenvolvimento e validação preliminar. Motricidade. 2011;7(1):69-84.

Lee M, Ward P. Generalization of tactics in tag rugby from practice to games in middle school physical education. Phis Educ Sport Ped. 2009;14(2):189-207. https://doi.org/10.1080/17408980801974937

Holt NL, Strean WB, Bengochea EG. Expanding the Teaching Games for Understanding Model: New Avenues for Future Reserch and Practice. J Teach Phys Educ. 2002;21:162-76. https://doi.org/10.1123/jtpe.21.2.162

Willians AM, Reilly T. Talent identification and development in soccer. J Sports Sci. 2000;18(9):657-67. https://doi.org/10.1080/02640410050120041

Greco PJ. Iniciação esportiva universal 2: metodologia da iniciação esportiva na escola e no clube. Escola de Educação Física da UFMG, Belo Horizonte. 1998.

Hughes MD, Bartlett RM. The use of performance indicators in performance analysis./Utilisation des indicateurs de performance pour analyse de cette performance. J Sports Sci. 2002;20(10):739-54. https://doi.org/10.1080/026404102320675602

Robinson G, O'Donoghue PG. A weighted kappa statistic for reliability testing in performance analyses of sport. Int J Perform Anal Sport. 2007;7(1):12-9.

Tabachnick BG, Fidell LS. Using Multivariate Statistics. Harper e Row Publishers, New York. 2007;5:p.17-30.

Garganta J, Pinto J. Contributo da modelação da competição e do treino para a evolução do nível do jogo no futebol. In: Oliveira J, Tavares F, editors. Centro de Estudos dos Jogos Desportivos FCDEF-UP1995.

Silva BSR. Estudo dos comportamentos táticos de jogadores de Futebol em jogos reduzidos e por estatuto posicional. [Dissertação de Mestrado]. Porto - Portugal: Faculdade de Desporto da Universidade do Porto; 2011.

Souza CR. Análise do comportamento tático no futebol: estudo em função do estatuto posicional e análise da eficácia das sessões de treino sobre o aprendizado de jogadores [Dissertação de Mestrado]. Porto: Faculdade de Desporto da Universidade do Porto; 2010.

Greco PJ, Benda RN. Iniciação Esportiva Universal 1: da aprendizagem motora ao treinamento técnico. Escola de Educação Física da UFMG, Belo Horizonte. 1998.

Di Salvo V, Baron R, Tschan H, Calderon Montero FJ, Bachl N, Pigozzi F. Performance Characteristics According to Playing Position in Elite Soccer. Inter J Sports Med. 2007;28(3):222-7. https://doi.org/10.1055/s-2006-924294

Amaral R, Garganta J. A modelação do jogo em Futsal: Análise sequencial do 1x1 no processo ofensivo. Rev Port Cien Desp. 2005;5:298-310. https://doi.org/10.5628/rpcd.05.03.298

Gallahue DL, Ozmun JC, Araújo MA, Ribeiro JM, e Silva JPS. Compreendendo o desenvolvimento motor: bebês, crianças, adolescentes e adultos: Phorte; 2005.

Ford PR, Yates I, Williams AM. An analysis of practice activities and instructional behaviours used by youth soccer coaches during practice: Exploring the link between science and application. J Sports Sci. 2010;28. 5:483-95. https://doi.org/10.1080/02640410903582750