Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Frações Fibrosas dos Materiais Originais e das Silagens de Três Genótipos de Milheto [Pennisetum glaucum (L). R. BR.], em Diferentes Períodos de Fermentação

DOI: http://dx.doi.org/10.18512/1980-6477/rbms.v4n2p243-250

http://rbms.cnpms.embrapa.br/index.php/ojs/index 

downloadpdf

Roberto Guimarães Júnior1, Lúcio C. Gonçalves2, José A. S. Rodrigues3, Ana L. C. C. Borges2, Norberto M. Rodriguez2, Eloísa O. S. Saliba2, Iran Borges2, Daniel A. de A. Pires4, Diogo G. Jayme4 & Gustavo H. F. Castro4

 

Resumo: Foram determinadas as frações fibrosas (FDN, FDA, celulose, hemicelulose e lignina) do material original e das silagens de três genótipos de milheto (CMS-1, BRS- 1501 e BN-2) após um, três, cinco, sete, 14, 28 e 56 dias de fermentação, em silos de laboratório. Os teores de FDN variaram de 46,96 a 62,43% e os de FDA de 27,86 a 34,56%. Os teores de hemicelulose no material original foram significativamente maiores do que os encontrados para as silagens, após 56 dias de fermentação. Os valores médios de FDN, FDA, celulose, hemicelulose e lignina encontrados no material original e nas silagens após 56 de fermentação, foram, respectivamente, de 60,76 e 51,80%; 33,58 e 31,54%; 29,25 e 27,66%; 27,18 e 20,26% e 4,33 e 3,89%. Os teores médios de FDN e FDA encontrados neste experimento foram menores do que os normalmente relatados na literatura para a silagem de milheto. A fração hemicelulose serviu como fonte de substrato adicional ao longo do processo fermentativo. Os menores teores de FDN e FDA foram obtidos para o genótipo BRS-1501.

Palavras-chave: forragem, nutrição animal, carboidratos estruturais, ensilagem, milheto

 

Abstract: It was determined the fibrous fraction (NDF, ADF, cellulose, hemicellulose and lignin) in green forage and pearl millet silages (CMS-1, BRS-1501 and BN-2). The genotypes were planted at Embrapa Milho e Sorgo, ensiled in PVC laboratory silos and evaluated after one, three, five, seven, 14, 28 and 56 days. NDF values ranged from 46.96 to 62.43% and ADF from 27.86 to 34.56%. Hemicellulose contents in green forage were significantly lower than in silages after 56 days ensiling. The NDF, ADF, cellulose, hemicellulose and lignin mean values in green forages and silages after 56 days of fermentation were 60.76 and 51.8%, 33.58 and 31.54%, 29.25 and 27.66%, 27.18 and 20.26%; 4.33 and 3.89%, respectively. The NDF and ADF average values found in this work were lower than those reported in other studies. The hemicellulose fraction contributed as an additional subtract source to the fermentation process. BRS-1501 genotype showed the lower NDF and ADF contents.

Key words: forage, animal nutrition, structural carbohydrates, ensiling, pearl millet

 

1 Médico Veterinário, Doutorando em Ciência Animal na EV-UFMG. Escola de Veterinária da UFMG. AV. Antônio Carlos 6627, Pampulha. Belo Horizonte/MG - CEP: 30123-970. Tel: 3499-21-91, robertogjunior@hotmail.com
2 Professor do Departamento de Zootecnia da Escola de Veterinária da UFMG. AV. Antônio Carlos 6627, Pampulha. Belo Horizonte/MG - CEP: 30123-970.
3 Pesquisador da EMBRAPA Milho e Sorgo, Sete Lagoas/MG.
4 Médico Veterinário, Doutorando em Ciência Animal na EV-UFMG. Escola de Veterinária da UFMG. AV. Antônio Carlos 6627, Pampulha. Belo Horizonte/MG - CEP: 30123-970.

 

Literatura Citada

 

ANTUNES, R. C. Padrão de fermentação das silagens de seis genótipos de milho (Zea mays L.). 2001. 50 f. Dissertação (Mestrado em Zootecnia) - Escola de Veterinária, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte.

ALMEIDA, M. F. Composição química, digestibilidade e consumo voluntário das silagens de sorgo (Sorghum vulgare, Pers.) em dois momentos de corte, girassol (Helianthus annus, L.) e milho (Zea mays, L.) para ruminantes. 1992. 100 f. Lavras: Dissertação (Mestrado em Zootecnia) - Escola Superior de Agricultura de Lavras, Lavras.

CAFÉ, M. B.; STRINGHINI, J. H.; FRANÇA, A. F. S. Utilização do milheto na alimentação animal. In: SIMPÓSIO SOBRE INGREDIENTES NA ALIMENTAÇÃO ANIMAL, 2., 2002. Uberlândia. Anais... Uberlândia: Colégio Brasileiro de Nutrição Animal, 2002. p. 5-38.

CHAVES, C. Produção e valor nutritivo das silagens de capim sudão [Sorghum sudanense (Piper) Stapf, milheto (Pennisetum americanum (L.) Leeke], teosinto (Euchlaena mexicana Schrad) e milho (Zea mays L.). 1997. 56 f. Dissertação (Mestrado em Zootecnia) - Universidade Federal de Lavras, Lavras.

HENDERSON, N. Silage additives. Animal Feed Science and Technology, Amsterdam, v. 45, n. 1, p. 35-56, 1993. https://doi.org/10.1016/0377-8401(93)90070-Z

HORWITZ,W. (Ed.). Official methods of analysis of the Association of Official Analytical Chemists. 13. ed. Washington: Association of Official Analytical Chemists, 1980. 1080p.

MATOS, L. L. A importância da fibra para as vacas. Forragens para o gado leiteiro. São Paulo: Tortuga; Juíz de Fora: Embrapa - CNPGL, 1997. 98 p.

MACHADO FILHO, L. C. P.; MÜHLBACH, P. R. F. Efeito do emurchecimento na qualidade da silagens de Capim – Elefante (Pennisetumpurpureum Schumach.) e de Milheto (Pennisetum americanum (l.) Leeke), avaliadas quimicamente. Revista da Sociedade Brasileira de Zootecnia, Viçosa, v. 15, n. 3, p. 224 – 233, 1986.

MESSMAN, M.; WEISS W. P.; HENDERLONG, P. R.; SHOCKEY, W. L. Evaluation of Pearl Millet and Field Peas Plus Triticale Silages for Midlactation Dairy Cows. Journal of Dairy Science, Champaign, v. 75, n. 10, p. 2759 – 2775, 1992. https://doi.org/10.3168/jds.S0022-0302(92)78040-0

MORRISON, I. M. Changes in the cell wall components of laboratory silages and the effect of various additives on these changes. Journalof Agricultural Science, Cambridge, v. 93, p. 581-586, 1979. https://doi.org/10.1017/S0021859600038983

MUCK, R. E. Factors Influencing silage quality and their implications for manegement. Journal of Dairy Science, Champaign, v. 71, p. 2992- 3002, 1988. https://doi.org/10.3168/jds.S0022-0302(88)79897-5

PEREIRA, L. G. R. Potencial forrageiro da cultura do girassol (Helianthus annuus L.) para a produção de silagem. 2003. 134 f. Dissertação (Doutorado em Ciência Animal) - Escola de Veterinária, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte.

PEREIRA, O. G.; OBEID, J. A; GOMIDE, J. A.; QUEIROZ, A. C.; FILHO, S. C. V. Produtividade e valor nutritivo de aveia (Avena sativa), milheto (Pennisetum americanum) e de um híbrido de Sorghum bicolor X S. sudanense. Revista da Sociedade Brasileira de Zootecnia, Viçosa, v. 22, n. 1, p. 22-30, 1993.

ROCHA JÚNIOR, V. R. Qualidade das silagens de sete genótipos de sorgo (Sorghum bicolor L. Moench) e seus padrões de fermentação. 1999. 132 f. Dissertação (Mestrado em Zootecnia) - Escola de Veterinária, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte.

SOUZA, B. P. S. Avaliação das silagens de quatro genótipos de girassol (Helianthus annuus L.) M742, MG4, PM92007, VDH483, colhidos em 5 épocas de corte. 2002. 54 f. Dissertação (Mestrado em Zootecnia) - Escola de Veterinária, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte.

TOMICH, T. R. Avaliação do potencial forrageiro das silagens de treze cultivares de girassol (Heliantus annuus L.). 1999. 131 f. Dissertação (Mestrado em Zootecnia) - Escola de Veterinária, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte. VAN SOEST, P. J. Nutritional ecology of the ruminant. 2. ed. Ithaca: Cornell University Press, 1994. 476p.

VAN SOEST, P. J.; ROBERTSON, J. B.; LEWIS, B. A. Methods for dietary fiber, neutral detergent, and nonstarch polysaccharides in relation to animal nutrition. Journal of Dairy Science, Champaign, v. 74, n. 10, p. 3583-3597, 1991. https://doi.org/10.3168/jds.S0022-0302(91)78551-2

ZAGO, C. P. Cultura de sorgo para produção de silagem de alto valor nutritivo. Capinópolis: Sementes Agroceres S.A., 1991. 34 p.