Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Muito Além do Moralismo: As Causas da Improbidade no Brasil

DOI: http://dx.doi.org/10.18766/2446-6549/interespaco.v1n2p169-187

http://www.periodicoseletronicos.ufma.br/index.php/interespaco 

downloadpdf

Fábio J. da S. Nascimento1

 

Resumo: Apresenta a histórica ausência de participação política de expressiva parcela da população brasileira como condição sine qua non à perpetuação da improbidade no país. Destaca o desinteresse de candidatos honestos no preenchimento de cargos públicos. Envereda pelo debate acerca da qualidade da democracia brasileira a partir das inferências de Wanderley Guilherme dos Santos (2006), Celina Souza (2006), Rodrigo Cavalcante e Alexandre Versignassi (2015). Discute a contribuição da herança patrimonialista no cenário vigente de crise política decorrente de malversação. Trata da utilização de empreendimentos públicos como contrapartida ao financiamento de campanhas políticas (enfoque na hidrelétrica Belo Monte) e discorre sobre a relação entre a questão federativa e os casos recentes de corrupção. Aponta as principais propostas de combate à corrupção em pauta no país.

Palavras-chave: Improbidade; Participação Política; Financiamento Eleitoral; Herança Patrimonialista.

 

Abstract: It presents the historical lack of participation of political significant portion of the population as a condition sine qua non to the perpetuation of misconduct in Brazil. Highlights the lack of interest of honest candidates in filling public positions. Debate the quality of Brazilian democracy from the inferences of Wanderley Guilherme dos Santos (2006), Celina Souza (2006), Rodrigo Cavalcante e Alexandre Versignassi (2015). Discusses the contribution of patrimonial heritage in the current scenario of political crisis resulting from malpractice. This use of public enterprises in exchange for the financing of political campaigns (focus on hydroelectric Belo Monte) and discusses the relationship between federal issue and the recent cases of corruption. It outlines the main proposals to combat corruption on the agenda in the country.

Key words: Misconduct; Political Participation; Electoral Funding; Patrimonial Heritage.

 

1 Mestrando em Geografia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro – PUC-RIO. Professor da Rede Estadual de Educação do Estado do Maranhão e da Rede Municipal de São José de Ribamar, Maranhão. fabiojosenascimento@gmail.com

 

Literatura Citada

AB‟SÁBER, Aziz Nacib. Os domínios de natureza no Brasil: potencialidades paisagísticas. São Paulo: Ateliê Editorial, 2003, p. 9-26.

ALENCAR, Chico. A reforma política que não há. Disponível em: <http://www.revistaforum.com.br/blog/2015/05/a-reforma-politica-que-nao-ha/>. Acesso em: 28 maio 2015.

BRASIL. Secretaria da Educação Básica. Formação de professores do ensino médio, Etapa II – Caderno I, Organização do Trabalho Pedagógico no Ensino Médio / Ministério da Educação, Secretaria da Educação Básica; [autores: Erisevelton Silva Lima...et al.]. – Curitiba: UFPR/Setor de Educação, 2014, p. 11-43.

BERMANN, Célio. A perspectiva da sociedade sobre a definição e implementação de uma política energética sustentável – uma avaliação da política oficial, In: ORTIZ, Lúcia Schild (Org.). Fontes Alternativas: opção para uma política energética sustentável para o Brasil. Campo Grande: Fundação Heinrich Böll, 2002, p. 51-66.

BRECHT, Bertolt. Poemas: 1913-1956. São Paulo: Brasiliense, 1986.

CASTRO, Iná Elias de. O poder e o poder político como problemas. In CASTRO, Iná Elias de. Geografia e Política. Território, escalas de ação e instituições. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2006, p. 95-137.

CAVALCANTE, Rodrigo. VERSIGNOSSI, Alexandre. As raízes da corrupção e como combatê-la. Superinteressante, São Paulo: Abril, Ano 29, n. 5, maio. 2015, p. 28-35.

CLAVAL, Paul. Espaço e Poder. Rio de Janeiro: Zahar Editores, 1978. p. 95-192.

COSTA, Raymundo. FERNANDES, Maria Cristina. A política por trás da reforma. Valor Econômico, São Paulo, 22 maio 2015, Caderno Eu & Fim de Semana, p. 6.

ENGERMANN, Carlos. OLIVEIRA, Rogério Ribeiro de. História da paisagem e paisagens sem história: a presença humana na floresta atlântica do sudeste brasileiro. Revista Esboços, Florianópolis, v. 18, n. 25 p. 9-31, ago. 2011.

FONT, Joan; RUFI, Joan. A crise e a reestruturação do estado-nação. Geopolítica, Identidade e Globalização. São Paulo: Annablume. 2006. Cap. 3, p. 95-128.

FREITAS, Jânio de. A derrota. Folha de São Paulo, São Paulo, Ano 95, n. 31.466, 28 maio 2015, p. A6.

LEFEBVRE, Henri. A produção do espaço. Trad. Grupo “As (Im)possibilidades do urbano na metrópole contemporânea” do Núcleo de Geografia Urbana da UFMG (do original: La production de I‟espace. 4. ed. Páris: EditionsAntrophos, 2000). Belo Horizonte: Editora UFMG, 2006, cap. 1.

NEVES, Rafael. MPF quer „testes de integridade‟ para servidores. Metro, Rio de Janeiro, Ano 5, n. 1121, 4 maio 2015, p. 6.

WERNECK, Antônio. Prefeito de Itaguaí: de falido a uma vida de luxo a bordo de Ferrari e helicópteros. Disponível em: <http://oglobo.globo.com/rio/prefeito-de-itaguai-defalido-uma-vida-de-luxo-bordo-de-ferrari-helicopteros-14886314>. Acesso em: 25 maio 2015.

PREFEITO do PSDB frauda SUS em R$ 5 milhões. Até mulheres foram operadas de fimose. Disponível em: <http://br29.com.br/prefeito-do-psdb-frauda-sus-em-r-5-milhoesate-mulheres-foram-operadas-de-fimose/>. Acesso em: 08 maio 2015.

SANTOS, Milton. A natureza do espaço. Técnica e tempo, razão e emoção. São Paulo. HUCITEC, 2002.

SANTOS. William. O DNA da corrupção: Elite empresarial e financeira que brada contra a corrupção sonega impostos e está na raiz de escândalos no Brasil. Caros Amigos, Ano XIX, n. 218, maio 2015, p. 24-28.

SANTOS, Wanderley Guilherme dos. O paradoxo de Rousseau: uma interpretação democrática da vontade geral. Rio de Janeiro: Ed. Rocco, 2006, p. 7-40. (prólogo e partes I e II).

SARTRE, Jean-Paul. Entre quatro paredes. São Paulo: Abril, 1977.

SOUZA, Celina. Desenho Constitucional, instituições federativas e relações intragovernamentais no Brasil pós-1988. In: FLEURY, Sonia (Org.). Democracia, descentralização e desenvolvimento: Brasil & Espanha. Rio de Janeiro: Editora FGV, 2006, p. 187-212.

SILVA, Adriana Carneiro da. Federalismo e gestão do território: os consórcios públicos como prática de cooperação territorial. In: I Congresso Brasileiro de Geografia Política, Geopolítica e Gestão do Território. 2014. Rio de Janeiro. Anais... Porto Alegre: Editora Letra1; Rio de Janeiro: REBRAGEO, 2014, p. 1024-1036.

SILVA, Cláudio Humberto Rosa e. PODER SEM PUDOR Política é uma piada. Folha do Estado da Bahia, Feira de Santana: Ano XIX, n. 4731, 23 maio 2015, p.6.

VIANA, Rodolfo. Você paga este político para. Superinteressante, São Paulo, Editora Abril, Ano 29, n. 5, maio. 2015, p. 13.