Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

Coisas do Sexo e da Sexualidade na Literatura Maldita do Marquês de Sade: As Delícias e Prazeres do Vício


http://periodicos.ufpb.br/ojs/index.php/artemis 

downloadpdf

Josilene B. do Nascimento1

 

Resumo: Possuidor de uma vida considerada de excessos, uma vida como acontecimento, este texto trata de problematizar alguns escritos do Marquês de Sade, perscrutando, principalmente, as transgressões sexuais presentes em sua literatura, caracterizadas pela existência da relação dor/prazer, a partir da discussão “daquilo” que influenciou a invenção do seu pensamento “maldito”. Também discutiremos, a partir do ponto de vista foucaultiano, os monstros sexuais/morais expressos nos contos de Sade e, posteriormente, apresentaremos a dicotômica relação entre a virtude e o vício, o bem e o crime, representada em suas heroínas.

Palavras-chave: Sexo e sexualidade em Sade. Monstro sexual. Transgressão sexual feminina. Literatura maldita.

 

Abstract: By owning a considerable life, with excesses, a life lived as a happening, this text describes concerns written by Marquês de Sade, exploring mainly the sexual transgressions presented in his literature, characterized by the existence towards the relationship between pain/pleasure and based on the debate of “those” which influenced the invention of the “cursed” thought. Also it will be discussed based on Foucault’s perspective where sexual/moral monsters expressed in Sade's tales and later on presented the dichotomy relationship between virtue and vicious, good and crime represented by his female heroes.

Key words: Sex and sexuality in Sade. Sexual monster. Female sexual transgression. Damned Literature.

 

1 Doutoranda do PPGSC (UFCG) Membro do Grupo de Estudos de Gênero Flor e Flor (UEPB) Membro do Grupo de Pesquisa Mídia, Cultura e Consumo (UFPB) e-mail: ninjosibn@gmail.com