Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

A Gestão Social como Base  Metodológica de Avaliação de Projetos de Responsabilidade Social de Empresas1

DOI: http://dx.doi.org/10.15601/1983-7631/rt.v8n15p150-162

http://www3.izabelahendrix.edu.br/ojs/index.php/tec 

downloadpdf

Marcelo S. Rennó2 & Ediméia M. R. de Mello3

 

Resumo: Este trabalho busca promover uma contribuição metodológica por meio de revisão da literatura sobre avaliação de projetos de responsabilidade social de empresas (RSC) em suas áreas de influência, sob a ótica da gestão social. Nas avaliações normalmente desenvolvidas e aplicadas a esses projetos, percebe-se que a construção de indicadores está mais atrelada às necessidades internas das empresas, em detrimento de outros capazes de aferir a efetividade na promoção do desenvolvimento local e da sustentabilidade dos processos desencadeados pelos projetos. Nesse sentido, como avaliar a sustentabilidade dos projetos de RSC em sua capacidade de promover desenvolvimento local? Acredita-se que a sustentabilidade dessas inciativas está diretamente associada à afinidade metodológica dos projetos com a gestão social. Sendo assim, propõe-se a aferição de seus impactos com base em aspectos qualitativos e que traduzam valores intangíveis locais, tais como: o capital social, a participação, o empoderamento e o protagonismo comunitário na condução dos processos.

Palavras-chave: gestão social; capital social; responsabilidade social corporativa; avaliação de projetos sociais; desenvolvimento local.

 

Abstract: This work seeks to promote a methodological contribution through review of the literature of social corporate responsibility project evaluations (RSC) in their areas of influence, from the perspective of social management. In the evaluations usually developed and applied in these projects, it is clear that the construction of indicators is more tied to domestic needs of companies at the expense of others to assess the effectiveness in promoting local development and sustainability of processes triggered by the projects. In this sense, how to assess the sustainability of these CSR projects in its ability to promote local development? It is believed that the sustainability of these initiatives is directly related to methodological affinity of projects with social management. Therefore, we propose the measurement of its impact based on qualitative aspects and reflecting intangibles values such as the social capital, participation, empowerment and community leadership in the conduct of proceedings.

Key words: social management; social capital; corporate social responsibility; social projects evaluation; local development.

 

1 Trabalho de pesquisa realizado para fins de dissertação de mestrado do Programa de Pós-Graduação UNA em Gestão Social, Educação e Desenvolvimento Local.
2 Mestre em Gestão Social, Educação e Desenvolvimento local pelo Centro Universitário UNA. Graduado em Turismo pelo Unicentro Newton Paiva, especialista em Ecoturismo: interpretação e educação ambiental. marcelo_renno@yahoo.com.br
3 Doutora em Geografia/Organização do Espaço pelo Instituto de Geociências/Universidade Federal de Minas Gerais. Mestre em Desenvolvimento Econômico pela Universidade Federal de Uberlândia. Graduada em Ciências Econômicas pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais. Professora adjunta do Centro Universitário UNA. profa.edimeiamaria@gmail.com

 

Literatura Citada

BANCO MUNDIAL (World Bank). What is Social Capital? Disponível em: <http://goo.gl/5OfoIT>. Acesso em: 15 set. 2014.

BUVINICH, Manuel Rojas. Ferramentas para o monitoramento e avaliação de programas e projetos sociais. Cadernos de políticas sociais. Série documentos para discussão n. 10. UNICEF, 1999. Disponível em: <http://www.aleixo.com/biblioteca/ssocial/2 semestre2006/D1/Ferramentas_para_avaliacao_monitoramento_de_programas_projetos_sociais.pdf>. Acesso em: 05 mai. 2014.

CABRAL, Eloísa Helena de Souza. Valores e espaço público: referenciais e instrumentos para a avaliação de projetos sociais. Rev. Adm. Pública [online]. v. 45. N. 6. 2011. p. 1915-194. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0034-76122011000600014&script=sci_arttext>. Acesso em: 24 mai. 2014.

CATTANI, Antônio David; FERRARINI, Adriane Vieira. Participação, desenvolvimento local e política pública: estratégias articuladas para a superação da pobreza. In: Rev. Katálysis. v. 13, n. 2. Florianópolis, 2010. p. 164-172. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/katalysis/article/view/S1414-49802010000200003/15097. Acesso em: 22 mar 2014.

COELHO, Michelle Queiroz; GONÇALVES, Carlos Alberto. Uma proposta de avaliação de investimento social privado Revista Gestão Social e Ambiental. v.1 n.2. 2007. p. 22-40. Disponível em: <http://www.revistargsa.org/rgsa/article/view/21/11>. Acesso em: 17 set. 2014.

COELHO, Michelle Queiroz; GONÇALVES, Carlos Alberto. Avaliação de projetos sociais: a perspectiva da comunidade. Revista Alcance - Eletrônica, v. 18. n. 4. 2011. p. 436-447. Disponível em: http://siaiweb06.univali.br/seer/index.php/ra/article/view/3391. Acesso em: 17 set. 2014.

COHEN, Ernesto; FRANCO, Rolando. Avaliação de projetos sociais. 9. ed. Petrópolis, RJ: Editora Vozes, 2011.

COLEMAN, James Samuel. Foundations of a Social Theory. Cambridge: Harvard University Press, 1990.

COSTA, Frederico da Costa Lustosa; CASTANHAR, José Cézar. Avaliação de programas públicos: desafios conceituais e metodológicos. RAP. Rio de Janeiro v. 37. n. 5. 2003. p. 969-992. Disponível em: <http://bibliotecadigital.fgv.br/ojs/index.php/rap/article/viewFile/6509/5093>. Acesso em: 14 set. 2014.

DOWBOR, Ladislau. O Que é Poder Local? Coleção Primeiros Passos. São Paulo: ed. Brasiliense, 2008.

FERREIRA, Erika Sales; PESSÔA, Vera Lúcia Salazar. Capital social e desenvolvimento territorial: uma abordagem teórico-conceitual. Campo-território: revista de geografia agrária. v. 7, n. 14. 2012. p. 1-33. Disponível em: <http://www.seer.ufu.br/index.php/campoterritorio/article/view/17207/11185>. Acesso em: 15 set. 2014.

FISCHER, Rosa Maria; BOSE, Mônica; MENDONÇA, Luciana Rocha de; FEDATO, Cristina. Monitoramento de Projetos Sociais: um Desafio para as Alianças Intersetoriais In: XXVII ENANPAD. Anais eletrônicos... Atibaia, São Paulo. 2003. p.1-11. Disponível em: <http://www.anpad.org.br/diversos/trabalhos/EnANPAD/enanpad_2003/GSA/2003_GSA1179.pdf>. Acesso em: 08 set. 2014.

FURTADO, Juarez Pereira; LAPERRIÈRE, Hélène. Parâmetros e paradigmas em meta-avaliação: uma revisão exploratória e reflexiva. Ciência & Saúde Coletiva, v.17. n.3. 2012. p. 695-705. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/csc/v17n3/v17n3a16.pdf>. Acesso em: 11 jun. 2014.

GLOBAL REPORTING INITIATIVE (GRI). An Introduction to G4. The Next Generation of Sustainability Reporting, 2014. Disponível em: <http://www.globalreporting.org/resourcelibrary/GRI-An-introduction-to-G4.pdf>. Acesso em: 05 set. 2014.

GROOTAERT, Christiaan; NARAYAN, Deepa; JONES, Veronica Nyhan; WOOLCOCK, Michael. Questionário Integrado para medir capital social (QI-MCS). Banco Mundial, 2003. Disponível em: <http://www.empreende.org.br/pdf/Capital%20Social%20e%20Cidadania/Question%C3%A1rio%20Integrado%20para%20Medir%20Capital%20Social.pdf>. Acesso em: 19 mai. 2014.

INOJOSA, Rose Marie. Sinergia em políticas e serviços públicos: desenvolvimento social com intersetorialidade. In: Cadernos FUNDAP. nº 22. 2001. p.102-110. Disponível em: <http://www.pucsp.br/prosaude/downloads/bibliografia/sinergia_politicas_servicos_publicos.pdf>. Acesso em: 14 mar. 2014.

INSTITUTO ETHOS DE EMPRESAS E DE RESPONSABILIDADE EMPRESARIAL. Indicadores Ethos para Negócios Sustentáveis (Glossário), 2013. Disponível em: <http://www3.ethos.org.br/wp-content/uploads/2013/09/Gloss%C3%A1rio-Indicadores-Ethos-V2013-09-022.pdf>. Acesso em 19 maio 2014

INSTITUTO ETHOS DE EMPRESAS E DE RESPONSABILIDADE EMPRESARIAL. Indicadores Ethos para Negócios Sustentáveis, 2014. Disponível em: <http://www3.ethos.org.br/wp-content/uploads/2014/10/Indicadores_Ethos_20141.pdf >. Acesso em 19 maio 2014.

MACKE, Janaina; CARRION, Rosinha. Indicadores e Metodologia para a Avaliação de Programas de Responsabilidade Social Empresarial: Foco no Desenvolvimento Local In: XXX ENANPAD: Anais eletrônicos... Salvador. 2006. p.1-17. Disponível em: <http://www.anpad.org.br/enanpad/2006/dwn/enanpad2006-eorc-0627.pdf>. Acesso em: 18 jul. 2014.

MORIN, Edgar. A Cabeça Bem-Feita: repensar a reforma, reformar o pensamento. 17ª ed. – Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2010. 128p.

NAHAPIET, Janine; GHOSHAL, Sumantra. Social Capital, Intellectual Capital, and the Organizational Advantage. The Academy of Management Review, v.23, n.2. 1998, p. 242-266. Disponível em: <http://staffweb.hkbu.edu.hk/vwschow/lectures/ism3620/rp01.pdf>. Acesso em: 17 set. 2014. PUTNAM, Robert David. Comunidade e Democracia: A Experiência da Itália Moderna Tradução: Luiz Alberto Monjardim. 5 ed. Rio de Janeiro: Ed. FGV, 2006, 260p.

RANGEL, Sander. A.; SAÍZ, Jorge. E. Índice de gestión social empresarial (IGS): uma aplicación de la medición de capital social. Revista CIFE, v.17. n.12. 2011. p. 73 - 101. Disponível em: <http://revistas.usantotomas.edu.co/index.php/cife/article/view/789/1071>. Acesso em: 06 ago. 2014.

TENÓRIO, Fernando Guilherme. (Re)visitando o conceito de gestão social. Desenvolvimento em Questão, v. 3, n.º5. Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul, Ijui/SC. 2005. p. 101-124. Disponível em: <http://www.redalyc.org/pdf/752/75230506.pdf> Acesso em: 26 abr. 2014.

THEUER, Daniela. Public Administration and Corporate Social Responsibility: How the State Can Promote Better Social Bonds Cadernos Gestão Pública e Cidadania, São Paulo, v. 18, n. 63, 2013. p. 290-309. Disponível em: <http://bibliotecadigital.fgv.br/ojs/index.php/cgpc/article/view/7413/13481> Acesso em: 02 mai. 2014.

VASCONCELOS, Isabella Francisca Freitas Gouveia de.; ALVES, Mario Aquino; PESQUEUX, Yvon. Responsabilidade social corporativa e desenvolvimento sustentável: olhares habermasianos. RAE. v. 52, n. 2, março-abril, 2012. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/rae/v52n2/v52n2a02.pdf>. Acesso em: 06 abr. 2014.

VINTRÓ, Carla; COMAJUNCOSA, Josep. Responsabilidad social corporativa en la minería: criterios e indicadores. Revista Dyna, v. 77, n. 161. Medellín, Colombia, 2010. p. 31-41. Disponível em: <http://www.redalyc.org/pdf/496/49615347003.pdf> Acesso em 14 set. 2014.