Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Implicações do Novo Modelo de Administração Pública na Gestão das Pessoas na Prefeitura Municipal de Uberlândia, MG

DOI: http://dx.doi.org/10.15601/1983-7631/rt.v8n15p163-183

http://www3.izabelahendrix.edu.br/ojs/index.php/tec 

downloadpdf

Walter Miquelanti Júnior1, Edileusa Godói-de-Sousa2, José E. F. Lopes3 & Cintia R. de O. Medeiros4

 

Resumo: O objetivo deste trabalho foi identificar e analisar implicações na gestão de pessoas na Prefeitura Municipal de Uberlândia (PMU), no que refere a Integração e Acolhimento, Treinamento e Desenvolvimento, Avaliação de Desempenho, Motivação e Gestão de Carreira. A coleta dos dados foi por meio de questionário respondido por 102 funcionários de sete secretarias. Para as análises foi utilizado a Escala de Likert. Os resultados indicaram que há a utilização de técnicas de gestão de pessoas no âmbito da administração pública para aumentar a produtividade de seus servidores. Contudo, existem problemas na gestão de pessoas, principalmente, no tocante ao Treinamento e Desenvolvimento.

Palavras-chave: prefeitura de Uberlândia; gestão de pessoas; administração pública.

 

Abstract: The aim of this study was to identify and analyze the implications for the management of people in the municipality of Uberlândia (PMU), which refers to the reception and integration, training and development, performance appraisal, motivation and career management. Data collection was conducted through a questionnaire answered by 102 employees in seven municipal departments. For the analyzes the Likert scale was used. The results indicated that there is the use of techniques of managing people in the municipality of Uberlândia to increase the productivity of your servers. However, there are problems in the management of people, mainly regarding the Training and Development.

Key words: prefecture Uberlandia; people management; public administration.

 

1 Graduado em Administração pela Faculdade de Gestão e Negócios da Universidade Federal de Uberlândia - FAGEN/UFU. walter.miquelanti@gmail.com
2 Doutora em Administração pela Universidade de São Paulo (USP). Mestra em Administração pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU). Graduada em Comunicação Social - Jornalismo – Faculdades Integradas do Triângulo - atual UNITRI. Graduada em Educação Física e em Artes Plásticas pela Universidade Federal de Uberlândia. edileusagodoi@uol.com.br
3 Doutor em Administração pela FEARP - Universidade de São Paulo (USP). Mestre em Administração, MBA em Marketing Estratégico, especialista em Estatística Aplicada e graduado em Administração pela Universidade Federal de Uberlândia e Cientista da Computação pela Universidade Federal de Viçosa. jeflopes@fagen.ufu.br
4 Doutora em Administração pela Fundação Getulio Vargas – EAESP. Mestra em Administração pela Universidade Federal de Uberlândia. Mestra em Administração pelo Centro Universitário de Franca. cintia@fagen.ufu.br

 

Literatura Citada

ALMEIDA, S. de; MARÇAL, R. F. M.; KOVALESKI, J. L. Metodologias para avaliação de desempenho - XXIV Encontro Nac. de Eng. de Produção - Florianópolis, SC, Brasil, 03 a 05 de nov de 2004. Disponível em: <http://www.abepro.org.br/biblioteca/ENEGEP2004_Enegep0115_0755.pdf> Acesso em: 16/10/2015.

ARAÚJO, C. A. de A. Gestão de Pessoas. UNICEUMA, 2010.

BLOG DO TRABALHO. RAIS e Caged indicam crescimento da participação da mulher no mercado de trabalho. 2013. Disponível em: <http://blog.mte.gov.br/trabalho/detalhe-1062.htm>. Acesso em: 16/10/2015.

BOOG, G. e M. Manual de gestão de pessoas e equipes. Volume II São Paulo: Editora gente, 2002.

BRESSER-PEREIRA, Luiz Carlos. Os primeiros passos da Reforma gerencial do Estado em 1995. Revista Brasileira de Direito Público. RBDP, Belo Horizonte, ano 6, n 23, p. 145-186, out./dez. 2008. Disponível em: <http://bresserpereira.org.br/papers/2008/08.13.Primeiros.Passos.Reforma.Gerencial.pdf> Acesso em: 16/10/2015.

CARVALHO, A. V.; NASCIMENTO, L. P. Administração de Recursos Humanos. São Paulo: Pioneira, 1998.

CARVALHO, K. S. Análise Da Satisfação De Funcionários Da Prefeitura Municipal De Jaicós - PI Em Relação Às Práticas De Recursos Humanos Aplicadas. Trabalho de conclusão do Curso de Bacharelado em Administração da Universidade Federal do Piauí – UFPI. PICOS – PI, 2011.

DI PIETRO, M. S. Z. Direito Administrativo. São Paulo: Jurídico Atlas, 2003.

DUTRA, J. de S. Gestão de pessoas: modelo, processos, tendências e perspectivas. 1.ed. São Paulo: Atlas, 2011.

DUTRA, J. S. Competências: Conceitos e Instrumentos para a Gestão de Pessoas na Empresa Moderna. São Paulo: Atlas, 2004.

DUTRA, J. S. Administração da carreira: uma proposta para repensar a gestão de pessoas. São Paulo: Atlas, 1996.

DUTRA, J. S. Gestão de Pessoas. São Paulo: Atlas, 2002.

EL BAYEH, M. G. M. G. Gestão Estratégica de Pessoas: Uma Abordagem Para Mudança. V Congresso CONSAD de Gestão Pública. Brasília/DF, 2012. Disponível em: <http://goo.gl/O8N4Af> . Acesso em: 18/10/2015.

FERREIRA, P. Administração de pessoal: relações industriais. 5.ed. São Paulo: Atlas, 1979

FISCHER, R. M.; FLEURY M. T. L.Cultura e poder nas organizações. São Paulo: Atlas, 1996.

FLEURY, M. T; FISCHER, R. M. Relações de trabalho e políticas de gestão: uma história das questões atuais. Revista de Administração, São Paulo, v. 27, n. 4, p. 5-15, out./ dez. 1992. Disponível em: <http://www.rausp.usp.br/busca/artigo.asp?num_artigo=408>. Acesso em: 18/10/2015.

GIL, A. C. Gestão de Pessoas: enfoque nos Papéis Profissionais. São Paulo: Atlas, 2001.

MAGALHÃES, E.; OLIVEIRA, A.; ABREU, S.; MAGALHÃES, E. Política de Treinamento dos técnicos de nível superior da Universidade Federal de Viçosa na percepção de ex-dirigentes da instituição. Anais do XXX EnANPAD. Salvador: ANPAD, 2006. Disponível em: <http://www.anpad.org.br/admin/pdf/enanpad2006-apsb-1984.pdf>. Acesso em: 17/10/2015.

MALIK, A. M. Gestão de Recursos Humanos. Volume 9. São Paulo: Fundação Peirópolis Ltda, 1988

MARE - MINISTÉRIO DA ADMINISTRAÇÃO FEDERAL E REFORMA DO ESTADO. Disponível em <http://www.planejamento.gov.br/secretarias/upload/Arquivos/publicacao/seges/PUB_Seges_Mare_caderno15.pdf>. Acesso em 08/06/2015

MARQUES, M. Administração Pública: uma abordagem prática. Rio de Janeiro: Ferreira, 2008

MARREIROS, J. Gestão De Recursos Humanos Na Administração Pública - Implicações Do Novo Serviço Público Na Gestão Das Pessoas. Disponível em: http://docslide.com.br/documents/gestao-de-recursos-humanos-na-administracao-publica.html>. Acesso em 18/10/2015.

MAXIMIANO, A. C. A. Introdução à administração. 7.ed.rev.ampl. São Paulo: Atlas, 2010.

MELLO, Celso Antônio Bandeira de. Curso de Direito Administrativo. 12. ed. São Paulo: Malheiros, 2000.

PIMENTA, C. C. A reforma gerencial do Estado brasileiro no contexto das grandes tendências mundiais. In: Revista de Administração Pública, Rio de Janeiro, 32 (5), set./out. 1998, p. 173-199. Disponível em: <http://www.spell.org.br/documentos/ver/13118/a-reforma-gerencial-do-estado-brasileiro-no-contexto-das-grandes-tendencias-mundiais/i/pt-br>. Acesso em: 18/10/2015.

RAPASSI, Rinaldo Guedes. Direito de greve de servidores públicos. São Paulo: LTR, 2005.

Relação Anual de Informações Sociais – Rais. Disponível em <http://portal.mte.gov.br/imprensa/cresce-a-participacao-da-mulher-no-mercado-de-trabalho/palavrachave/mercado-de-trabalho-rais-mulheres-crescimento-das-mulheres.htm>. Acesso em 08/06/ 2015

RIBEIRO, A. de L. Gestão de Pessoas – São Paulo: Saraiva, 2006.

ROBBINS, S. P. Comportamento Organizacional. 11. ed. Rio de Janeiro, RJ: Pearson Prentice Hall, 2005.

SILVA, P. B.; AMARAL, H. K. Perspectivas da gestão pública no Brasil contemporâneo. Revista do Serviço Público, Brasília, ed. Especial, 2007. Disponível em: http://goo.gl/stO4z5. Acesso em: 18/10/2015.

SILVA, R. O. Teorias da administração. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2008.

UBERLÂNDIA. Lei Complementar nº 343, de 10 de fevereiro de 2004. Dispõe sobre o plano de cargos, carreira e remuneração dos servidores da administração direta do município de Uberlândia. Disponível em <http://www.uberlandia.mg.gov.br/uploads/cms_b_arquivos/9389.pdf>. Acesso em 18/10/2015.

VARGAS, M. R. M. Treinamento e desenvolvimento: reflexões sobre seus métodos. Revista de Administração, v. 31, n. 2, p. 126-136, abr./jul. 1996. Disponível em: http://www.rausp.usp.br/busca/artigo.asp?num_artigo=238. Acesso em: 18/10/2015.