Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Pilar de Controle Inicial do TPM como Ferramenta de Maximização de Projetos – Proposta de Modelo de Implantação

DOI: http://dx.doi.org/10.13084/2175-8018.v03n05a13

http://www.incubadora.ufsc.br/index.php/IJIE/index 

downloadpdf

Marcos A. Bonifácio1 & Marcos R. C. Bonifácio2

 

Resumo: Nestas últimas décadas inúmeras ferramentas foram introduzidas no cenário das organizações, buscado cada um a sua maneira um único resultado, o de melhorar ou maximizar os resultados. Na manutenção industrial não foi diferente, também em seu cenário de atuação, várias destas ferramentas buscaram melhorar ou mesmo atualizar sua forma de atuação, projetando-o para um setor, que estrategicamente, pode ser considerado um diferencial. Neste trabalho de pesquisa, buscar-se-á apresentar e discutir uma destas ferramentas, a denominada de TPM – Manutenção Produtiva Local, que se estrutura em oito diferentes vertentes de atuação (ou pilares, como são denominados), mas que para sua implantação não exige que todos sejam efetivamente implantados, fazendo com que, alguns, mesmo importantes, sejam deixados de lado por desconhecimento da importância ou mesmo dos resultados que podem oferecer. Assim, este trabalho irá propor um modelo para implantação do pilar de CI – Controle Inicial, que visa praticar a “Prevenção da Manutenção” atuando nos projetos durante sua concepção e construção, pilar este diretamente relacionado com a confiabilidade e manutenabilidade dos equipamentos e sistemas instalados.

Palavras-chave: manutenção industrial, TPM, controle inicial, projetos

 

Abstract: In recent decades a number of tools have been introduced in the scenario of organizations, each one sought his way to a single result, to improve or maximize results. In industrial maintenance was no different, also in his field of action, several of these tools have sought to improve or even upgrade their way of acting, projecting it to an industry that strategically, can be considered a plus. In this research, it will seek to present and discuss one of these tools, called TPM - Total Productive Maintenance Site, which is organized in eight different strands of activity (or pillars, as they are called), but not for its implementation requires that everyone be effectively implemented, causing some, even important, are left out for lack of importance or even the results they offer. Thus, this paper will propose a model for implementation of the pillar of HC - Home Control, which aims to practice the "Prevention Maintenance" working on projects during their design and construction, this pillar directly related to reliability and maintainability of equipment and systems installed.

Key words: industrial maintenance, TPM, home control, projects

 

1 Faculdade de Tecnologia de Jahu Mestre em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente pela UNIARA Rua Frei Galvão, S/N, Jardim Pedro Ometto. CEP: 17212-599, Jaú – SP, Brasil. bonifacio@process.com.br
2 Faculdade de Agudos Especialista em Gestão de Pessoas Av. Celso Morato Leite, 1200. Caixa Postal 40, CEP: 17120-000, Agudos – SP, Brasil. prof.marcosbonifacio@gmail.com

 

Literatura Citada

ABERNETHY, Robert B. The New Weibull Handbook. 4th edition, Published and distributed by Robert B. Abernethy, 2002.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 5462: Confiabilidade e Mantenabilidade, 1994.

BONIFÁCIO, Marcos Antonio. Manutenção industrial: uma discussão entre a relação dos investimentos aplicados e os resultados operacionais e ambientais obtidos. Dissertação (Mestrado) Centro Universitário de Araraquara/Araraquara – Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente, 2005.

BRANCO, Gil Filho. Dicionário de termos de manutenção, confiabilidade e qualidade. Rio de Janeiro: Abraman, 1996.

FREITAS, A. J. N. TPM na Linha da Confiabilidade. São Paulo: Loos Prevention/ABRAMAN, 2007.

KARDEC, A.; LAFRAIA, J. R. Gestão estratégica e Confiabilidade. Rio de Janeiro: Qualitymark, 2002.

MIRSHAWKA, V.; OLMEDO, N. L. TPM à moda brasileira. São Paulo: Makron Books, 1994.

MOURA, R.A. MPT Manutenção Produtiva Total. São Paulo: IMAM, 2003.

PALMEIRA, N. J.; TENÓRIO, G. F. Flexibilização Organizacional. Rio de Janeiro: FGV, 2002.

SEIXAS, E.S. Engenharia da Confiabilidade Aplicada à Manutenção. São Paulo: ABRAMAN, 2006.

TAVARES, Lourival Augusto. Excelência na Manutenção – Estratégias, Otimização e Gerenciamento. Salvador: Casa da Qualidade, 1996.

TEIXEIRA JÚNIOR, R.F. Manutenção produtiva total (notas de aula). São Paulo: UNESP, 2007.