Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Adubação Nitrogenada e Herbicidas como Reguladores de Crescimento nas Concentrações de Micronutrientes da Grama Esmeralda

DOI: http://dx.doi.org/10.12971/2179-5959/agrotecnologia.v6n1p27-44

http://www.prp.ueg.br/revista/index.php/agrotecnologia/index 

downloadpdf

Raíssa P. D. Gazola1, Salatiér Buzetti2, Rodolfo de N. Gazola3, Regina M. M. de Castilho4 & Thiago de S. Celestrino5

 

Resumo: A realização de adubação nitrogenada em gramados propicia a manutenção da cor verde, ideal no aspecto estético, porém há maior crescimento da parte aérea, aumentando o número de cortes e, assim, os gastos com manutenção. Os micronutrientes são essenciais ao crescimento e desenvolvimento dos gramados, apesar de serem exigidos em menores quantidades. Portanto, faz-se necessário monitorar seu estado nutricional. Dessa forma, objetivou-se avaliar a adubação nitrogenada e o efeito de herbicidas como reguladores de crescimento nas concentrações foliares de micronutrientes da grama esmeralda (Zoysia japonica Steud.). O experimento foi conduzido em Argissolo Vermelho, de junho/2012 a dezembro/2013. Utilizou-se o delineamento em blocos casualizados com 20 tratamentos dispostos num fatorial 5 x 4, com quatro repetições, sendo quatro herbicidas: glyphosate, imazaquin, imazethapyr e metsulfuron-methyl (200, 420, 80 e 140 g ha-1 do ingrediente ativo (i.a.), respectivamente) e a testemunha (sem herbicida); e três doses de nitrogênio (N) (fonte ureia): 5, 10 e 20 g m-2, parceladas em cinco aplicações ao ano, além do tratamento sem N. Posteriormente, avaliaram-se as concentrações foliares de micronutrientes. Doses de 10 a 20 g m-2 de N, parceladas em cinco vezes ao ano, propiciaram concentrações adequadas de micronutrientes foliares da grama esmeralda e não houve influência dos herbicidas nas concentrações de micronutrientes nas folhas, portanto, recomenda-se o glyphosate (200 g ha-1 do i.a.), herbicida de baixo custo, como regulador de crescimento da espécie estudada.

Palavras-chave: Nutrição de plantas. Zoysia japonica Steud. Manutenção de gramados.

 

Abstract: The realization of nitrogen fertilization in grasses provides the maintenance of the green color, ideal aesthetic aspects, but there is more shoot of growth, increasing the number of cuts and thus the maintenance costs. Micronutrients are essential to the growth and development of grasses, although required in smaller quantities. Therefore, it is necessary to monitor their nutritional status. Thus, this study aimed to evaluate the nitrogen fertilization and the effect of herbicides as growth regulators on foliar micronutrients of zoysiagrass (Zoysia japonica Steud.). The experiment was conducted on an Ultisol, from June 2012 to December 2013. It was used a randomized block design with 20 treatments arranged in a factorial scheme 5 x 4 with four replications, being four herbicides: glyphosate, imazaquin, imazethapyr and metsulfuron-methyl (200, 420, 80 and 140 g ha-1 active ingredient (a.i.), respectively) besides a control (without herbicide); and three nitrogen (N) rates (source urea): 5, 10 and 20 g m-2 besides a control (without N) split in five times during the year. After, were evaluated the concentration of micronutrients in leaves of turfgrass. Nitrogen rates of 10 to 20 g m-2, split in five times during the year, provided adequate concentrations of the foliar micronutrients of zoysiagrass and was not influence of herbicides on micronutrient concentrations in the leaves, therefore, it is recommended the glyphosate (200 g ha-1 of a.i.), herbicide of low cost, as growth regulator of the studied species.

Key words: Plant nutrition. Zoysia japonica Steud. Maintenance of grasses.

 

1 Engenheira Agrônoma, Doutoranda. Departamento de Fitossanidade, Engenharia Rural e Solos, Universidade Estadual Paulista, Campus de Ilha Solteira, Rua Monção, 226, Zona Norte, 15385-000, Ilha Solteira, São Paulo, Brasil. raissa_dinalli@terra.com.br
2 Engenheiro Agrônomo, Professor Titular. Departamento de Fitossanidade, Engenharia Rural e Solos, Universidade Estadual Paulista, Campus de Ilha Solteira, Rua Monção, 226, Zona Norte, 15385-000, Ilha Solteira, São Paulo, Brasil.
3 Engenheiro Agrônomo, Doutorando. Departamento de Fitossanidade, Engenharia Rural e Solos, Universidade Estadual Paulista, Campus de Ilha Solteira, Rua Monção, 226, Zona Norte, 15385-000, Ilha Solteira, São Paulo, Brasil.
4 Engenheira Agrônoma, Professora Doutora. Departamento de Fitotecnia, Tecnologia de Alimentos e Sócio Economia, Universidade Estadual Paulista, Campus de Ilha Solteira, Rua Monção, 226, Zona Norte, 15385-000, Ilha Solteira, São Paulo, Brasil.
5 Engenheiro Agrônomo, Doutorando. Departamento de Fitossanidade, Engenharia Rural e Solos, Universidade Estadual Paulista, Campus de Ilha Solteira, Rua Monção, 226, Zona Norte, 15385-000, Ilha Solteira, São Paulo, Brasil.

 

Literatura Citada

BACKES, C. Aplicação e efeito residual do lodo de esgoto em sistemas de produção de tapetes de grama esmeralda. 2008. 152p. (Doutorado em Agronomia) – Universidade Estadual Paulista, Botucatu-SP. Disponível em: http://www.pg.fca.unesp.br/Teses/PDFs/Arq0276.pdf

DINALLI, R. P. Reabilitação de gramado de Zoysia japonica Steud., em Ilha Solteira/SP. 2011. 46p. (Graduação em Agronomia) - Universidade Estadual Paulista, Ilha Solteira -SP.

EMPRESA BRASILEIRA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA – Embrapa. Centro Nacional de Pesquisa de Solos. Sistema brasileiro de classificação de solos. 3. ed. Brasília, DF: Embrapa, 2013. 353p.

FERREIRA, D. F. SISVAR: um programa para análises e ensino de estatística. Revista Symposium, Lavras, v. 6, n. 1, p. 36-41, 2008.

GODOY, L. J. G. Adubação nitrogenada para produção de tapete de grama Santo Agostinho e Esmeralda. 2005. 106p. (Doutorado em Agronomia) –Universidade Estadual Paulista, Botucatu- SP. Disponível em: http://infograma.com.br/textos/godoy_ljg_dr_botfca.pdf

GODOY, L. J. G.; BACKES, C.; VILLAS BÔAS, R. L.; SANTOS, A. J. M. Nutrição, adubação e calagem para produção de gramas. Botucatu: FEPAF, 2012. 146p.

GODOY, L. J. G.; VILAS BÔAS, R. L. Nutrição de gramados. In: SIMPÓSIO SOBRE GRAMADOS, 1, 2003, Botucatu. Anais... Botucatu: FCA/UNESP/GEMFER, 2003. p. 114-160.

GURGEL, R. G. A. Tendência Mundial do mercado de gramas: manejo e uso das espécies. In: BACKES, C.; GODOY, L. J. G.; MATEUS, C. M. D.; SANTOS, A. J. M.; VILLAS BÔAS, R. L.; OLIVEIRA, M. R. (Org.). Tópicos atuais em Gramados III. Botucatu: FEPAF, 2012. p.133-147.

JIMÉNEZ, R. J. M. Céspedes ornamentales y desportivos. Sevilla: Ed. Junta de Andalucía, 2008. 527p.

MALAVOLTA, E. Manual de nutrição mineral de plantas. São Paulo: Agronômica Ceres, 2006. 638p.

MALAVOLTA, E.; VITTI, G. C.; OLIVEIRA, S. A. Avaliação do estado nutricional das plantas: princípios e aplicações. 2. ed. Piracicaba: POTAFÓS, 1997. 317p.

MESCHEDE, D. K.; CARBONARI, C. A.; VELINI, E. D.; SANOMYA, R. Efeitos de baixas doses de glyphosate na nutrição de plantas. In: VELINI, E. D.; MESCHEDE, D. K.; CARBONARI, C. A.; TRINDADE, M. L. B. Glyphosate. Botucatu: FEPAF, 2009. p.401-411.

MILLS, H. A.; JONES JUNIOR, J. B. Plant analysis handbook II: a practical sampling, preparation, analysis and interpretation guide. Athens: Micro-Macro, 1996. 422p.

RAIJ, B. van.; ANDRADE, J. C.; CANTARELLA, H.; QUAGGIO, J. A. Análise química para avaliação da fertilidade de solos tropicais. Campinas: IAC, 2001. 285p.

RAIJ, B. van.; CANTARELLA, H.; QUAGGIO, J. A.; FURLANI, A. M. C. Recomendações de adubação e calagem para o estado de São Paulo (Boletim Técnico 100). 2. ed. Campinas: IAC, 1997. 285p.

TAIZ, L.; ZEIGER, E. Fisiologia vegetal. 5. ed. Porto Alegre: Artmed, 2013. 918p.