Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Uso de Imagens na Avaliação da Dessecação de Plantas Daninhas com Uso de Glifosato

DOI: http://dx.doi.org/10.12971/2179-5959/agrotecnologia.v6n1p66-79

http://www.prp.ueg.br/revista/index.php/agrotecnologia/index 

downloadpdf

Danilo G. de Oliveira1, Gabriel E. C. da Silva2, Elton F. dos Reis3 & Sueli M. F. Alves4

 

Resumo: O uso de agrotóxicos pode garantir eficiência no controle de pragas, doenças e plantas daninhas, no processo de produção. Objetivou-se com este trabalho analisar o percentual de plantas daninhas dessecadas por meio de imagens em diferentes doses de glifosato e adjuvantes utilizando um pulverizado costal. O experimento foi conduzido no delineamento em blocos casualizados, com arranjo fatorial 3x2x3, sendo dezoito tratamentos e quatro repetições por tratamento. Os tratamentos foram constituídos da combinação de três doses de glifosato (1080, 1440 e 1800 g ha-1), com ou sem adição do adjuvante, e três dias de análise (7, 9 e 12 dias). A verificação da porcentagem de plantas daninhas foi feito em quatro estágios após a aplicação, o primeiro dia, correspondendo ao dia da aplicação, e sete, nove e dose dias após aplicação. Foram utilizados dois métodos, a análise de imagens digitais e da fita métrica, onde no método digital consistiu em obter imagens de cada tratamento nos quatro dias por meio de uma câmara digital e o método da fita métrica, consistiu em esticar uma fita métrica de 10 metros de comprimento demarcada a cada 0,01 m, onde foi verificado, a cada 0,10 m, a presença ou ausência de plantas daninhas. Já o espectro de gotas foi avaliado utilizando etiqueta de papel hidrossensível. A adição de adjuvante e doses de glifosato não influenciaram no espectro de gotas. O método digital pode ser considerado um método de boa precisão para avaliação do controle. O uso de adjuvante não influenciou na porcentagem de plantas daninhas dessecadas ao longo dos dias e nem das doses utilizadas.

Palavras-chave: glifosato, tecnologia de aplicação e Cerrado.

 

Abstract: The use of pesticides can ensure efficient control of pests, diseases and weeds in the production process. The objective of this study was to analyze the percentage of weed desiccated through images in different rates of glyphosate and adjuvants sprayed using a backpack. The experiment was conducted in a randomized block design with factorial arrangement 3x2x3, being eighteen treatments and four replicates per treatment. Treatments consisted of glyphosate combination of three doses (1080, 1440 and 1800 g ha-1), with or without addition of adjuvant, and three test days (7, 9 and 12 days). Verification of percentage weed was done in four stages after application, the first day corresponding to the day of the application, seven, nine days after dose application. Two methods were used to image analysis and measuring tape where the digital method consisted in obtaining images of each treatment during the four days by a digital camera and method of the tape measure consists in stretching a tape 10 meters long demarcated every 0.01 m, which was checked every 0.10 m, the presence or absence of weeds. Since the droplet spectrum was evaluated using water sensitive paper label. The addition of adjuvant and glyphosate doses did not influence the spectrum of droplets. The digital method can be considered a good method for accurately controlling the evaluation. The adjuvant use did not influence the percentage of weed desiccated over the day nor the doses used.

Key words: glifosato, application technology and Cerrado.

 

1 Mestrando em Engenharia Agrícola, Universidade Estadual de Goiás, Campus Anápolis – GO, Brasil, danilogomes.engenharia@gmail.com
2 Engenheiro Agrícola, Universidade Estadual de Goiás, Campus Anápolis – GO, Brasil.
3 Engenheiro Agrícola, Prof. Doutor, Universidade Estadual de Goiás, Campus Anápolis – GO, Brasil.
4 Engenheira Agrônoma, Prof.ª Doutor, Universidade Estadual de Goiás, Campus Anápolis – GO, Brasil.

 

Literatura Citada

ANTUNIASSI, U. R. Conceitos básicos da tecnologia de aplicação de defensivos para a cultura da soja. Boletim de pesquisa de Soja 2009. Rondonópolis: Fundação MT, v. 13, p. 299-317, 2009.

CARVALHO, S. J. P.; DIAS, A. C. R.; SHIOMI, G. M.; CHRISTOFFOLETI, P. J. Adição simultânea de sulfato de amônio e ureia à calda de pulverização do herbicida glifosato. Planta daninha, v.28, n.3, pp. 575-584, 2010. https://doi.org/10.1590/S0100-83582010000300014

CONTIERO, R.; CONSTANTIN, J.; OLIVEIRA JR., R. S.; BIFFE, D. F. Efeito de adjuvantes e pontas de pulverização no volume e uniformidade da deposição de calda em plantas de brachiaria. Anais... VI SINTAG - Simpósio Internacional de Tecnologia de Aplicação, Londrina - PR, 2013.

CUNHA, J. P. A. R.; TEIXEIRA, M. M.; COURY, J. R.; FERREIRA, L. R. Avaliação de estratégias para redução da deriva de agrotóxicos em pulverizações hidráulicas. Planta Daninha, Viçosa, v.21, n.2, p.325-332, 2003.

CHRISTOFFOLETI, P. J.; LÓPEZ-OVEJERO, R. F. Resistência das plantas daninhas a herbicidas: definições, bases e situação no Brasil e no mundo. In: Aspectos de resistência de plantas daninhas a herbicidas. 3. ed. Campinas: Associação Brasileira de Ação a resistência de Plantas aos Herbicidas (HRAC-BR), p.9-32 e 78-87. 2008.

CUNHA, J. P. A. R. Simulação da deriva de agrotóxicos em diferentes condições de pulverização. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 32, n. 5, p. 1616-1621, 2008.

CUNHA, J. P. A. R.; ALVES, G. S. Características físico-químicas de soluções aquosas com adjuvantes de uso agrícola. Interciência, v. 34, n. 9, p. 655-659, 2009.

CUNHA, J. P. A. R; BUENO, M. R.; FERREIRA, M. C. Espectro de gotas de pontas de pulverização com adjuvantes de uso agrícola, Planta Daninha, Viçosa, v. 28, p. 1153-1158, 2010.

EMPRESA BRASILEIRA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA – EMBRAPA. Laboratório de Imagem. Softwares Gratuitos. Afsoft. Disponível em: <http://labimagem.cnpdia.embrapa.br/Ferramentas.aspx?ferramenta=2> Acesso em: 27 out. 2014.

FERREIRA, F. B. Resposta do arroz irrigado (Oryza sativa) a subdoses de glifosato e butroxydim simulando efeito de deriva. 2003. 52p. Dissertação (Mestrado em Fitossanidade) - Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, 2003.

FERREIRA, D. F. Sisvar: A computer statistical analysis system. Ciência e agrotecnologia, Lavras, v.35, n.6, p.1039 -1042. 2011.

FERREIRA, M. C.; LEITE, G. J.; LASMAR, O. Cobertura e depósito de calda fitossanitária em plantas de café pulverizadas com equipamento original e adaptado para plantas altas. Bioscience Journal, Uberlandia, v. 29, supplement 1, p. 1539-1548, 2013.

FRITZ, B. K.; HOFFMANN, W. C.; MARTIN, D. E.; THOMSON, S. J. Aerial application methods for increasing spray deposition on wheat heads. Applied Engineering in Agriculture, v.23, n.6, p.709-715, 2007. https://doi.org/10.13031/2013.24052

INMET - INSTITUTO NACIONAL DE METEOROLOGIA. Disponível em: < http://www.inmet.gov.br/portal/index.php?r=tempo2/meteograma&code=5208707>.

JAMAR, L.; MOSTADE, O.; HUYGHEABAERT, B.; PIGEON, O. Comparative performance of recycling tunnel and conventional sprayers using standard and drift-mitigating nozzles in dwarf apple orchards. Crop Protection, v.29, n.6, p.561 – 566. 2010. https://doi.org/10.1016/j.cropro.2009.12.018

JESUS, M. G.; CARVALHO, F. K.; GANDOLFO, U. D.; ANTUNIASSI, U. R.; MOTA, A. A. B.; CHECHETTO, R. G. Lavagem de produtos pela chuva em caldas contendo fungicidas e adjuvantes baseados em glicerina. Anais... VI SINTAG - Simpósio Internacional de Tecnologia de Aplicação, Londrina - PR, 2013.

KOZLOWSKI, L. A; ONZELLI JÚNIOR, P; PURISSIMO, C; DAROS, E; KOEHLER, H. S. Interferência de plantas daninhas na cultura do feijoeiro comum em sistema de semeadura direta. Planta Daninha, Viçosa, v. 20, n. 2, p. 213-220, 2002.

LAFLEN, J.M. AMEMIYA, M. HINTZ, E. A. Measuring crop residue cover. Journal of Soil and Water Conservation, Ankeny, v.36, n.6, p.341-343, 1981.

Lamego, F. P., Fleck, N. G., Bianchi, M. A., Schaedler, C. E. Tolerância à interferência de plantas competidoras e habilidade de supressão por genótipos de soja - II. Resposta de variáveis de produtividade. Planta Daninha, Viçosa, v.22, p.491-498. 2004.

MOTA, A. A. B. Quantificação do ar incluído e espectro de gotas de pontas de pulverização em aplicações com adjuvantes. 2011. 74 f. Dissertação (Mestrado em Agronomia/Energia na Agricultura), Faculdade de Ciências Agronômicas, Universidade Estadual Paulista, Botucatu, 2011.

OLIVEIRA, R. B. Caracterização funcional de adjuvantes em soluções aquosas. 2011. 134 f. Tese (Doutorado em Agronomia/Energia na Agricultura), Faculdade de Ciências Agronômicas,Universidade Estadual Paulista, Botucatu, 2011.

PALLADINI, L. A.; RAETANO, C. G.; VELINI, E. D. Choice of tracers for the evaluation of spray deposits. Science agriculture. Piracicaba, v. 62, n. 5, p. 440-445. 2005.

PICCININI, F.; REIMCHE, G.; MACHADO, S. L. O.; CECHIN, J.; RECK, L. Dessecação de plantas daninhas e seletividade de herbicidas para soja (rr) cultivada no sistema de plantio direto. Anais... SEPE-XV Simpósio de ensino pesquisa e extensão, Rio de Janeiro - RJ, 2011.

RAMOS, H. H.; CHUBACI, C. F.; BUCKER, D. C.; SCAPIN M. S.; AGUIAR, V. C. Efeito de diferentes adjuvantes utilizados em pulverizações agrícolas na redução da tensão superficial. Anais... VI SINTAG - Simpósio Internacional de Tecnologia de Aplicação, Londrina - PR, 2013.

RODRIGUES, A. C. P.; FILHO, S. I. B. S.; MARTINS, D.; COSTA, N. V. ; ROCHA, D. C.; SOUZA, G. S. F. Avaliação qualitativa e quantitativa na deposição de calda de pulverização em Commelina benghalensis. Planta Daninha, Viçosa, v. 28, n. 2, p. 421-428, 2010.

SOARES, D. J.; VERTUAN, H. V.; MOTOMIYA, W. R.; MACEDO, F. B.; DOURADO, P. M.; OLIVEIRA, W. S.; LÓPEZ-OVEJERO, R.F. Controle de plantas voluntárias de milho geneticamente modificado tolerante ao glifosato na cultura da soja. In: XXVII CONGRESSO BRASILEIRO DA CIÊNCIA DAS PLANTAS DANINHAS. Resumos expandidos... Ribeirão Preto: SBCPD, 2010. p.1513-1516. CD-ROOM.

SOUZA, L. A.; CUNHA, J. P. A. R.; PAVANIN, L. A. Eficácia e perda do herbicida 2,4-D amina aplicado com diferentes volumes de calda e pontas de pulverização. Planta Daninha, Viçosa, v. 29, n. 2, p. 1149-1156, 2011.

HARTZLER, B. Wich glyphosate products is best? Disponível em: <http://www.weeds.iastate.edu/glyphosateformulations>. Acesso em: 11 jan.

VARGAS, L., ROMAN, E. S. 2008. Manual de Manejo e Controle de Plantas Daninhas.1. Ed. Embrapa Trigo. Passo Fundo, Brasil. 779 p.

VILELA, C. M.; CHECHETTO, R. G.; ANTUNIASSI, U. R.; GANDOLFO, U. D.; JESUS, M. G.; MOTA, A. A. B. Ângulo de contato e tensão superficial de gotas de caldas contendo fungicidas e adjuvantes depositadas em superfície. Anais... VI SINTAG - Simpósio Internacional de Tecnologia de Aplicação, Londrina - PR, 2013.

WOLF, R. E.; DAGGUPATI, N. P. Nozzle type effect on soybean canopy penetration. Applied Engineering in Agriculture, v.25, n.1, p.5-10, 2009.

ZYL, V. J. G.; FOURIE, P. H.; SCHUTTE, G. C. Spray deposition assessment and benchmarks for control of Alternaria brown spot on mandarin leaves with copper oxychloride. Crop Protection, v. 46, n. 4. p. 80-87, 2013.

ZHU, H.; DORNER, J. W.; ROWLAND, D. L.; DERKSEN, R. C.; OZKAN, H. E. Spray penetration into peanut canopies with hydraulic nozzle tips. Biosystems Engineering, v.87, n.3, p.275- 283, 2004. https://doi.org/10.1016/j.biosystemseng.2003.11.012