Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

A Educação Profissional no Brasil – Contexto e Reformas: Anos 1990

DOI: http://dx.doi.org/10.19180/1809-2667.v18n116-02

http://essentiaeditora.iff.edu.br/index.php/vertices 

downloadpdf

Carlos A. M. Gama1 & Judith M. D. Araújo2

 

Resumo: Neste trabalho procuramos contextualizar alguns marcos da Educação Profissional no Brasil na segunda metade dos anos de 1990, durante a Reforma da Educação Profissional promovida pelo governo Fernando Henrique Cardoso. Particularmente daremos ênfase ao Decreto 2208/97 que tinha, na separação entre ensino médio e ensino técnico, seu eixo central, resultando na perda da equivalência construída desde os anos 1940 com a Reforma Capanema, restabelecendo a velha dualidade estrutural, instituindo, assim, trajetórias distintas e não equivalentes nesse nível de ensino.

Palavras-chave: Decreto 2208/97. Neoliberalismo. PROEP.

 

Abstract: This paper seeks to contextualize some landmarks of Vocational Education in Brazil in the 1990s, during the Reform of Vocational Education promoted by the Fernando Henrique Cardoso government. We focus the discussion on Decree 2208/97 which dissociated high school programs from vocational studies, resulting in the loss of equivalent programs inaugurated by the Capanema Reform in the 1940s. This decree restored the old structural duality by establishing different and nonequivalent paths at this level of education.

Key words: Decree 2208/97. Neoliberalism. PROEP.

 

1 Mestre em Educação pela Universidade Federal Fluminense (UFF). Professor do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense (IFFluminense, campus Campos Centro), Campos dos Goytacazes/RJ - Brasil. E-mail: cmachado@iff.edu.br.
2 Mestre em Educação pela Universidade Federal Fluminense (UFF). Professora do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense (IFFluminense, campus Campos Centro), Campos dos Goytacazes/RJ - Brasil. E-mail: judith.a@ terra.com.br.

 

Literatura Citada

ANDERSON, P. Balanço do Neoliberalismo In: SADER, Emir (Org). Pós- Neoliberalismo: As Políticas Sociais e o Estado Democrático. São Paulo: Editora Paz e Terra, 2003.

BRASIL. MEC. LDB. Lei n.º 9394/96, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da Educação Nacional. Brasília: MEC, 1996.

BRASIL. MEC. Centenário da Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica. Histórico da Educação Profissional. [on-line]. Disponível em: <http://portal.mec.gov.br/setec/arquivos/centenario/historico_educacao_profissional.pdf>. Acesso em: 5 mar. 2014.

BRASIL. MEC. Decreto n.º 2208 de 17 de abril de 1997. Regulamenta o § 2.º do art. 36 e os art. 39 a 42 da Lei n.º 9394, de 20 de dezembro de 1996, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. [on-line]. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/decreto/D2208.htm>. Acesso em: 10 mar. 2014.

BRASIL. MEC. Portaria MEC N.º 1005/97. Implementa o Programa de Reforma da Educação Profissional – PROEP. [on-line]. Disponível em: <http://portal.mec.gov.br/setec/arquivos/pdf/PMEC1005_97.pdf>. Acesso em: 10 maio 2014.

BRASIL. MEC. Resolução CNE/CEB Nº 04/99. Institui as Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Profissional de Nível Técnico. [on-line]. Disponível em: <http://portal.mec.gov.br/setec/arquivos/pdf/RCNE_CEB04_99.pdf>. Acesso em: 5 abr. 2014.

CARVALHO, C. do P. F. de. A Educação Cidadã na Visão Empresarial: O Telecurso 2000. Campinas: Autores Associados, 1999.

CUNHA, L. A. Ensino Médio e Ensino Profissional: Da Fusão à Exclusão. In: Reunião Anual da ANPED, 20., Caxambu, 21-25 set. 1997. Texto baseado na apresentação à mesa redonda “A nova LDB”.

DELUIZ, N. O modelo das competências profissionais no mundo do trabalho e na educação: implicações para o currículo. Boletim Técnico do SENAC, Rio de Janeiro, n. 3, , p. 3-25, set./dez. 2001.

FRIGOTTO, G. C, M.; RAMOS, M. A Gênese do Decreto n.º 5154/2004. Um debate no contexto controverso da democracia restrita. Boletim, n.7, maio/jun. 2006. [on-line]. Disponível em: < http://portal.mec.gov.br/setec/arquivos/pdf2/boletim_salto07.pdf. Acesso em: 16 abr. 2014.

GAMA, C. A. M. da. Reestruturação Produzida e Reforma da Educação Profissional: O Decreto 2208/97: trajetória e posições no CEFET-Campos. Niterói, 2004. 166p. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal Fluminense, 2004.

GONÇALVES, R. Novo desenvolvimentismo e liberalismo enraizado. Serv. Soc. Soc., São Paulo, n. 112, p. 613-636, out./dez. 2012.

HARVEY, D. Condição Pós-moderna. São Paulo: Loyola, 2006.

IHU. Instituto Humanitas Unisinos. A Reorganização do Capitalismo Brasileiro. 2009. [on-line]. Disponível em: <http://www.ihu.unisinos.br/>. Acesso em: 12 mar. 2013.

IGNÄCIO, P. C. Da Educação Tecnológica à Formação Profissional: A Reforma do Ensino Técnico em Questão. Niterói, 2000. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal Fluminense, 2000.

IPEA. Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada. Perspectiva Econômica Brasileira: LIVRO 10. Brasília, 2010. [on-line]. Disponível em: <http://www.ipea.gov.br/agencia/images/stories/PDFs/livros/livros/livro10_perspectivasdodesenvolvimento.pdf>. Acesso em: 10 mar. 2013.

MARTINS, M. F. Ensino técnico e globalização: cidadania ou submissão? Campinas, SP. Atores associados, 2000.

MILITÃO, M. N. de S. do A. A Reforma do Ensino Técnico. Trabalho &Educação, Revista do NETE, jul./dez.1996.

NETO, R. L. A expansão do ensino técnico industrial da rede federal no Ceará: o caso do IFCE – Campus de Cedro (1986-1999). Tese (Doutorado) - Universidade Metodista de Piracicaba, São Paulo, 2013. [on-line]. Disponível em: <https://www.unimep.br/phpg/bibdig/aluno/down.php?cod=1047>. Acesso em: 13 fev. 2014.

OLIVEIRA, F. Tempero social nas receitas do neoliberalismo: As regras do consenso. O Globo, Rio de Janeiro, 18 ago. 2002. Economia, p. 37.

RAMOS, M. N. Do Ensino Técnico a Educação Tecnológica. Niterói, 1995. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal Fluminense, 1995.

RAMOS, M. N. A Pedagogia das Competências: Autonomia ou Adaptação? São Paulo: Cortês, 2002.

RODRIGUES, J. O Moderno Príncipe Industrial: O pensamento Pedagógico da Confederação Nacional da Indústria. Campinas, SP: Autores Associados, 2000.

SADER, E. Que Brasil é Este? Dilemas nacionais no século XXI. São Paulo: Atual, 1999.

SAVIANI, D.; LOMBARDI, J. C.; SANFELICE, J. L. (Org.). Capitalismo, Trabalho e Educação.Campinas: Autores Associados, 2002.