Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Usos do Território em Paragominas (PA): Espaço Geográfico e Classes Sociais

DOI: http://dx.doi.org/10.22241/2317-9430/rtg.v5n8p1-28

http://revista.uft.edu.br/index.php/geografia/index 

downloadpdf

Daniel A. S. Soares1, Alegria dos S. Leite2, Mateus M. Lobato3 & Carlos J. N. de Castro4

 

Resumo: Propomos neste texto fazer uma análise dos usos do território em Paragominas. Uma forma de fazer isso foi por meio da descrição dos processos numa leitura dialética. A análise das contradições econômicas e sociais, a um só tempo, é motrizes e produtos da espacialização desigual que caracteriza o território em Paragominas. Contrastarmos os dados coletados em trabalho de campo com os dados econômicos e geográficos disponibilizados pelas instituições oficiais para fazer uma síntese geográfica de Paragominas, nesse momento da totalidade-mundo.

Palavras-chave: Usos do território; classes sociais; Paragominas (PA).

 

Abstract: This paper has a proposition of an analysis about the uses of the territory in Paragominas, describing them without forgot the analysis about social and economic contradiction, that are, in the same time, roots and outcomes of the unequal spacialization that is the main character of the municipality. It seeks to contrast the data collected in the field of working with economic and geographic data provided by official institutions to make a geographical synthesis of Paragominas, in this moment of world-totality.

Key words: Uses of the territory; social classes; Paragominas (PA).

 

1 Universidade Federal do Pará – Belém - Brasil danielsombra9@gmail.com
2 Universidade Federal do Pará – Belém - Brasil alegria1717@yahoo.com.br
3 UNESP – Presidente Prudente/SP - Brasil mateusmonteirolobato@gmail.com
4 Universidade Federal do Pará – Belém - Brasil carlosjorge319@yahoo.com.br

 

Literatura Citada

ABRAMOVAY, Ricardo. O futuro das regiões rurais. 2 Ed., Porto Alegre: EDUFRGS, 2009.

ALMEIDA, Oriana Trindade de; UHL, Christopher. Planejamento do uso do solo do município de Paragominas. Belém: IMAZON, 1998.

BECKER, Bertha. Amazônia: Geopolítica na virada do III milênio. Rio de Janeiro: Geramod, 2009.

BRASIL. Ministério da Casa Civil. Lei Federal 9.790 de março de 1999. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/L9790.htm.>.

Ministério do Trabalho e Emprego. Relação Anual de Informações Sociais. Ano 2011. Disponível em: < http://www.rais.gov.br/download.asp>.

Secretaria de Política Urbana – Ministério do Planejamento. Lei Federal 9.785 de 29 de janeiro de 1999. Disponível em:<http://people.ufpr.br/~felipe/Lei9785.pdf.>.

BURNELL, Peter; RAKNER, Lise. “Governance and aid conditionality in a globalizing world”. In: BURNELL, Peter; RANDALL, Vicky; RAKNER, Lise. Politics in developing world. 3 Ed., Nova York: Oxford University, 2011, p. 277-295.

FERNANDES, Roberta Aviz de Brito. O discurso da sustentabilidade: o caso de Paragominas. 2011. 92 f. Dissertação (Mestrado em Ciência da Informação) – Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro.

HYDRO. Vale aluminium acquisition: key developments and strategic direction. Oslo: HYDRO, 2011, disponível em: <http://www.hydro.com/upload/Annual_reporting/annual_2010/downloadcenter/Reports/All%20chapters/03-Vale.pdf>.

IBGE, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Conceitos. S. d. Disponível em: <http://www.ibge.gov.br/home/estatistica/populacao/condicaodevida/indicadoresminimos/conceitos.shtm>.

IDESP, Instituto do Desenvolvimento Econômico, Social e Ambiental do Pará. Estatísticas municipais: Paragominas. Belém: IDESP, 2011a.

IDESP, Instituto do Desenvolvimento Econômico, Social e Ambiental do Pará. Estatísticas municipais: São Domingos do Capim. Belém: IDESP, 2011b.

IMAZON, Instituto do Homem e do Meio Ambiente da Amazônia. O Pará no século XXI: oportunidades para o desenvolvimento sustentável. Belém: IMAZON, 1998.

LEFTWICH, Adrian. “Theorizing the state”. In: BURNELL, Peter; RANDALL, Vicky; RAKNER, Lise (org.). Politics in developing world. 3 Ed., Nova York: Oxford University, 2011, p. 223-240.

MARTINS, José de Souza. Expropriação e violência: a questão política no campo. São Paulo: Hucite, 1980.

Fronteira: a degradação do outro nos confins do humano. 3ª Edição. São Paulo: Contexto, 2009.

NAHUM, João Santos. O uso do território em Barcarena: modernização e ações políticas conservadoras. 2006. 126 f. Tese (Doutorado em Geografia) – Universidade Estadual Paulista, Rio Claro.

OLIVEIRA, Ariovaldo Umbelino de. Amazônia: monopólio, expropriação e conflitos. Campinas: Papirus, 1987.

Integrar para não entregar: políticas públicas e Amazônia. Campinas: Papirus, 1988.

Modo de produção capitalista, agricultura e reforma agrária. São Paulo: FFLCH/USP, 2007.

OTTAWAY, Marina. “Civil Society”. In: BURNELL, Peter; RANDALL, Vicky; RAKNER, Lise (org.). Politics in developing world. 3ª Edição. Nova York: Oxford University, 2011, p. 181-201.

PALHETA DA SILVA, João Márcio. Poder, governo e território em Carajás. 2004. 198 f. Tese (Doutorado em Geografia) – Universidade Estadual Paulista, Presidente Prudente.

PINTO, Andreia et. al. Diagnóstico Socioeconômico e florestal do município de Paragominas. Relatório técnico. Belém: IMAZON, 2009.

PORTO-GONÇALVES, Carlos Walter. Amazônia, Amazônias. São Paulo: Contexto, 2001.

SANTOS, Milton. Técnica, espaço, tempo: globalização e meio técnico-científico informacional. 2 Ed., São Paulo: Hucitec, 1996.

Por uma outra globalização: do pensamento único à consciência universal. 4 Ed., São Paulo: Record, 2000.

O espaço dividido: os dois circuitos espaciais da economia urbana nos países subdesenvolvidos. 2 Ed., São Paulo: EDUSP, 2008.

VAINER, Carlos. “Pátria, empresa, mercadoria: notas sobre a estratégia discursiva do planejamento estratégico urbano”. In: ARANTES, Otília; VAINER, Carlos; MARICATO, Ermínia. A cidade do pensamento único: desmanchando consensos. 3 Ed., Petrópolis: Vozes, 2002.

VERGOPOULOS, Kostas. “Capitalismo disforme: o caso da agricultura no capitalismo”. In: AMIN, Samir; VERGOPOULOS, Kostas. A questão agrária e o capitalismo. 2 Ed., Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1977, p. 41-170.