Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Avaliação de Tratamentos Endodônticos Realizados por Alunos de Graduação da Escola de Odontologia da IMED

DOI: http://dx.doi.org/10.18256/2238-510X/j.oralinvestigations.v5n1p4-12

https://seer.imed.edu.br/index.php/JOI/index 

downloadpdf

Márcia Zoti1 & Mateus S. M. Hartmann2

  

Resumo: Objetivo: o presente trabalho teve por objetivo avaliar a qualidade dos tratamentos endodônticos realizados pelos alunos da Escola de Odontologia da Faculdade IMED. Metodologia: foram avaliados, entre maio de 2013 a junho de 2015, os prontuários clínicos de cada paciente no respectivo período, obedecendo aos seguintes critérios de avaliação: indicação do número do elemento submetido ao tratamento endodôntico; quanto à realização da sua restauração definitiva; tempo para execução da mesma; e a situação pulpar do elemento submetido ao tratamento endodôntico. As radiografias que permitiram avaliação foram submetidas a análise quanto à qualidade da obturação e quanto à condição pulpar do elemento. Resultados: ao todo 135 tratamentos endodônticos foram investigados neste estudo. Observou-se que o maior número de elementos tratados foram pré-molares, representando 37,8% da amostra. Houve uma distribuição idêntica para casos de biopulpectomia e necropulpectomia (43%). O número de restaurações definitivas realizadas representou 28,9% da amostra, a maioria (11,9%) foi de 1 a 10 dias após o tratamento endodôntico concluído. Em relação ao processamento das radiografias e a adequação das imagens radiográficas, elas foram satisfatórias em 89,6% e 87,8%, respectivamente. Conclusão: concluiu-se que as obturações e a qualidade das radiografias foram satisfatórias, porém o número de restaurações definitivas realizadas após o tratamento endodôntico apresentou um índice inferior ao esperado.

Palavras-chave: Endodontia, Tratamento do canal radicular, Prognóstico, Controle de Qualidade.

 

Abstract: This study aimed to evaluate the endodontic treatments performed by students from College of Dentistry School IMED, from May 2013 to June 2015, according to information provided in the clinical records of each patient in the respective period, according to the following evaluation criteria: indication of the number of the element subjected to endodontic treatment; on the achievement of their final restoration; time for implementation; and the pulp situation of the element subjected to endodontic treatment. Radiographs that allowed evaluation were subjected to analyze the quality of the fillings on the condition of the pulp element. Altogether 135 endodontic treatments were investigated in this study. It was observed that the largest number of processed elements were premolars, representing 37.8% of the sample. Only 28.9% of those elements received final restoration. There was an equal distribution for cases biopulpectomia and necropulpectomia (43% respectively). The number of final restorations carried represented 28.9% of the sample where the majority (11.9%) was from 1 to 10 days after endodontic treatment. Regarding the processing of X-rays and the adequacy of radiographic images, they were satisfactory in 89.6% and 87.8%, respectively. We conclude about the quality of fillings and x-rays that the results were satisfactory, however, the number of definitive restorations after endodontic treatment obtained result index lower than expected.

Key words: Quality Control, Endodontics, Prognosis, Root Canal Therapy.

 

1 Estudante na Escola de Odontologia da IMED, Passo Fundo, RS, Brasil. E-mail: <marcia.zoti@hotmail.com>;.
2 Professor da Escola de Odontologia da IMED e Coordenador do curso de Especialização em Endodontia IMED/CEOM. Av. Brasil, 297, Passo Fundo, RS, Brasil. E-mail: <mateushartmann@gmail.com>;.

 

Literatura Citada

Pereira CV, Carvalho JC. Prevalência e eficácia dos tratamentos endodônticos realizados no Centro Universitário de Lavras, MG – uma análise etiológica e radiográfica. Rev Facul Odontol 2008; 13(3): 36-41.

Almeida GA, Veloso HHP, Sampaio FC, Oliveira HF, Freire AM. Qualidade das Restaurações e o Insucesso Endodôntico. Rev Odontol Bras Central 2011; 20(52): 74-8.

Soares JA, César CAS. Avaliação clínica e radiográfica do tratamento endodôntico em sessão única de dentes com lesões periapicais crônicas. Pesqui Odonto lBras 2001; 15(2): 138-44. https://doi.org/10.1590/S1517-74912001000200010

Freitas RG, Deborah MC, Kopper PMP, Santos RB, Grecca FS. Avaliação da qualidade das obturações endodônticas realizadas por estudantes de graduação. Rev Fac Odontol 2008; 49(3): 24-7.

Felippe MCS, Nassri MRG, Burgos PG, Freitas SFT, Lage-Marques JL. Quality of periapical radiographs taken by undergraduate students during endodontic treatment. Rev Sul-Bras de Odontol 2009; 6(1): 64-9.

Silveira FF, Vidigal BCL, Lopes HP, Manzi FR, Nunes E, Soares JA. Condições periapical e sua correlação entre a qualidade das restaurações coronárias e a obturação do sistema de canais radiculares na população de Belo Horizonte/MG. Rev Bras de Odontol 2010; 67(2): 266-9.

Ray HA, Trope M. Periapical status of endodontically treated teeth in relation to the technical quality of the root filling and the coronal restoration. Int Endod J 1995; 28(2): 12-8. https://doi.org/10.1111/j.1365-2591.1995.tb00150.x

Souza EDA, Espíndola ACS, Passos CO, Santos RA. Avaliação do Grau de Sucesso e Insucesso no Tratamento Endodontico. RGO 2002; 50(3): 164-6.

Chueh LH, Chen SC, Lee CM, Hsu YY, Pai SF, Kuo ML. et al. Technical quality of root canal treatment in Taiwan. Int Endod J 2003; 36(6): 416-22. https://doi.org/10.1046/j.1365-2591.2003.00672.x

Kamaura D et al. Avaliação do desempenho dos alunos de graduação durante a prática da técnica endodôntica. Rev ABENO 2003; 3(1): 11-5.

Barbieri DB, Pereira LP, Traiano ML. Controle e avaliação dos tratamentos endodônticos realizados pelos acadêmicos do componente curricular de Endodontia II, em 2008/1, do curso de Odontologia da Universidade Oeste de Santa Catarina, Unoesc e Ciência - ACBS 2010; 1(2): 117-24.

Pontes ALB, Machado FCA, Costa APS, Noro LRA, Araujo ME, Ferreira MAF. Avaliação da Qualidade dos Tratamentos Endodonticos em Centros de Especialidades Odontológicas da Grande Natal/RN. Pesq Bras Odontoped Clin Integr 2013; 13(2): 155-60. https://doi.org/10.4034/PBOCI.2013.132.03

Ferreira GS, Travassos RMC, Schmitz MS, Melo A. Verificação da Concordância inter e intra- -examinadores no controle radiográfico de lesões periapicais. Rev Facul Odontol 2007; 12(1): 37-41.

Benenati FW, Khajotia SS. A Radiographic Recall Evaluation of 894 Endodontic Cases Treated in a Dental School Setting. J Endod 2002; 28(5): 391-5. https://doi.org/10.1097/00004770-200205000-00011

Carvalho PL, Neves ACC, Medeiros JMF, ZollnerNA, Rosa LCL, Almeida ETDC. Erros técnicos nas radiografias intrabucais realizados por alunos de graduação. RGO 2009; 57(2): 151-55.

Dovigo LN, Campos JADB, Pappen FG, Leonardo RT. Limite apical de obturação e o sucesso clínico e radiográfico de dentes com necrose pulpar e lesão periapical. RGO 2006; 54(3): 249-53.

Ilguy D et al. Assessment of Root Canal Treatment Outcomes Performed by Turkish Dental Students: Results After Two Years. Journal of Dental Education 2012; 77(4): 502-9.

Yavari H, Samiei M, Shahi S, Borna Z, Abdollahi AA, Ghiasvand N, et al. Radiographic Evaluation of Root Canal Fillings Accomplished by Undergraduate Dental Students. Iranian Endod J 2015; 10(2): 127-30.