Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Medidas Lineares na Estimativa da Área Foliar de Leguminosas Forrageiras Tropicais

DOI: http://dx.doi.org/10.14688/1984-3801.v06n01a06

http://rioverde.ifgoiano.edu.br/periodicos/index.php/gst/index 

downloadpdf

Delci D. Nepomuceno1, João C. C. Almeida1, Leandro Galzerano2, Tatiana P. Pereira1, Everton T. Ribeiro1, Maria A. G. Faria1 & Daniel C. Mendonça1

 

Resumo: Objetivou-se com este estudo definir com base no comprimento e largura foliar, equações matemáticas simples para estimar a área foliar de três leguminosas forrageiras tropicais: Soja Perene (Neonotonia wightii), Macrotiloma (Macrotiloma axillare) e Kudzu Tropical (Pueraria phaseoloides). O experimento foi conduzido no Instituto de Zootecnia da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro. A área foliar (AF) foi calculada como produto das duas dimensões, comprimento (C) e largura (L), ou cada uma das dimensões isoladas e um fator “f” como sendo: AF = f x (C x L) ou AF = f x C ou AF = f x L. O fator “f” foi determinado pela relação entre a área de uma amostra de folhas e suas dimensões. Os dados foram submetidos à análise de regressão e obteve-se que a área foliar das leguminosas Macrotiloma, Kudzu Tropical e Soja Perene, podem ser estimadas pelo comprimento (C) do limbo foliar e o fator de correção “f” de 2,95; 7,63 e 3,37, respectivamente.

Palavras-chave: comprimento, dimensão foliar, largura

 

Abstract: The objective of this study was to define based on leaf length and width, simple mathematical equations to estimate leaf area of three tropical forage legumes: (Neonotonia wightii), Macrotiloma (Macrotiloma axillare) and Tropical Kudzu (Pueraria phaseoloides). The experiment was carried out at the Instituto de Zootecnia da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro. The leaf area (LA) was calculated as the product of two dimensions, length (L) and width (W), or each of the dimensions isolated and the factor "f" as follows: LA = f x (L x W) or LA = f x L or LA = f x W. The factor "f" was determined by the ratio between the area of a sample of leaves and their dimensions. Data were subjected to regression analysis and it was found that the leaf area of Macrotiloma legumes, Tropical Kudzu and Soybean Perennial, can be estimated by the length (L) of the leaf blade and the correction factor "f" of 2.95, 7 63 and 3.37, respectively.

Key words: leaf size, length, width

 

1 Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro – UFRRJ – Instituto de Zootecnia. Rodovia BR-465, Seropédica (RJ). CEP: 23897-000. E-mail: delci_ufrrj@yahoo.com.br. Autor para correspondência
2 Universidade Federal de Uberlândia – UFU – Faculdade de Medicina Veterinária. Rua Ceará s/n, Bloco 2T – Campus Umuarama, Uberlândia (MG). CEP: 38400-902

 

Literatura Citada

ANDRADE, C. M. S.; VALENTIM, J. F.; CARNEIRO, J. C.; VAZ, F. A. Crescimento de gramíneas e leguminosas forrageiras tropicais sob sombreamento. Pesquisa. Agropecuária. Brasileira, v.39, n.3, p.263-270, 2004. doi

ASHLEY, D. A.; DOSS, B. D.; BENETT, O. L. A method of determining leaf área in cotton. Agronomy Journal, v.55, p.584-585, 1963. doi

BIANCO, S.; BIANCO, M.S.; PAVANI, M.C.M.D.; DUARTE, D.J. Estimativa da área foliar de Ipomoea hederifolia e Ipomoea nil Roth. Usando dimensões lineares do limbo foliar. Planta Daninha,Viçosa-MG, v.25, n.2, p.325-329, 2007.

GALZERANO, L.; MALHEIROS, E. B.; MORGADO, E. S.; SILVA, W. L.; COSTA, J. P. R.; CAPUTTI, G. P.; RUGGIERI, A. C.; Medidas lineares na estimativa da área foliar do capim-aruana. Nucleus Animalium, Ituverava, v.4, n.1, p. 1-4, 2012a.

GALZERANO, L.; MALHEIROS, E. B.; RUGGIERI, A. C.; RAPOSO, E.; MORGADO, E. S.; CAPUTTI, G. P.; COSTA, J. P. R.; SILVA, W. L. Estimativa da área foliar do capim-xaraés por meio de medidas lineares. Scientia Plena, Segipe, v.8, n. 2, p. 1-4, 2012b.

LOPES, C. M.; ANDARDE, I.; PEDROSO, V.; MARTINS, S. Modelos empíricos para estimativa da área foliar da videira na casta Jaen. Ciência e Técnica Vitivinícola, v.19, n.2, p.61-75, 2004.

MONTEIRO, J. E. B. A.; SENTELHAS, P. C.; CHIAVEGATO, E.J.; GUISELINEI, C.; SANTIAGO, A.V.; PRELA, A. Estimação da área foliar do algodoeiro por meio de dimensões e massa das folhas. Bragantia, Campinas, v.64, n.1, p.15-24, 2005. doi

OGA, F. M.; FONSECA, C. E. L. Um método rápido para estimar área foliar em mudas de cagaiteira (Eugenia dysenterica D.C.). Pesquisa Agropecuária Brasileira, Brasília, v. 29, n. 4, p. 571-577, 1994.

PINTO, M. S. C.; ANDRADE, A. P.; PEREIRA, W. E.; ARRUDA, F. P.; ANDRADE, M.V.M. Modelo para estimativa da área foliar da maniçoba. Revista Ciência Agronômica, Fortaleza, v.38, n.4, p.391-395, 2007.

QUEIROGA, J. L.; ROMANO, E. D. U.; SOUZA, J. R. P; MIGLIORANZA, E. Estimativa da área foliar do feijão-vagem (Phaseolus vulgaris L.) por meio da largura máxima do folíolo central. Horticultura Brasileira, Brasília, v.21, n.1, p.64-68, 2003. doi

SILVA, L. C.; SANTOS, J. W.; VIEIRA, D. J.; BELTRÃO, N. E. M.; ALVES, J.; JERÔNIMO, J. F. Um método simples para se estimar área foliar de plantas de gergelim (Sesamum indicum). Revista Brasileira de Oleaginosas e Fibrosas. Campina Grande, v.6, n.1, p.491-496, 2002.

SILVA, N. F.; FERREIRA, F. A.; FONTES, P. C. R.; CARDOSO, A. A. Modelos para estimar a área foliar de abóbora por meio de medidas lineares. Revista Ceres, Viçosa, v.45, n.259, p.287-291, 1998.