Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

Avaliação do perfil nutricional e dos aspectos ergonômicos relacionados ao trabalho de colaboradores de uma Unidade de Alimentação e Nutrição em Macapá

DOI: http://dx.doi.org/10.5935/2595-4407/rac.immes.v1n2p4-13

http://arqcientificosimmes.emnuvens.com.br/abi/index 

downloadpdf

Joanny Martinele P. da Silva1*, Gleice Maria Fernandes2 & Tássia Ferreira Santos3

 

Resumo: Este estudo teve como objetivo avaliar o perfil nutricional e os aspectos ergonômicos relacionados ao trabalho de colaboradores de uma Unidade de Alimentação e Nutrição (UAN), analisando a relação entre condições de trabalho e estado nutricional com a presença de dores e queixas mais frequentes durante a jornada de trabalho. Fizeram parte da pesquisa, 13 colaboradores (5 mulheres e 8 homens), dos colaboradores entrevistados 23% tem de 20 a 30 anos, outros 23% tem de 30 a 40 anos, 30,7% tem de 40 a 50 anos e apenas 15% tem mais de 50 anos de idade. Constatou-se que o trabalho realizado pela maioria (76,9%) exige esforço físico excessivo, carregamento e levantamento de peso por longos períodos e postura em pé. Com esses relatos foi criado o mapeamento dos riscos encontrados na UAN visando promover a melhoria de trabalho dos colaboradores. A avaliação nutricional realizada com os colaboradores indicou eutrofia (46,15%), sobrepeso (38,46 %) e obesidade grau I (53,84%). Portanto verificamos que as UANs são ambientes que representam riscos para doenças e acidentes relacionados ao trabalho, por conta de sua infraestrutura, muitas vezes inadequada sob o ponto de vista da legislação e do uso inadequado dos EPIs. Verificamos também a importância do mapa de risco dentro da UAN para que os trabalhadores como forma de prevenção, monitoramento, controle, saúde e segurança do colaborador.

Palavras-chave: Colaborador; Unidade de alimentação e nutrição; Perfil Nutricional; mapa de risco.

 

Abstract: This study aimed to evaluate the nutritional profile and ergonomic aspects related to the work of employees of a Food and Nutrition Unit (UAN), analyzing the relationship between working conditions and nutritional status with the presence of more frequent pain and complaints during the working day. 13 employees (5 women and 8 men) were interviewed, 23% were between 20 and 30 years old, 23% were between 30 and 40 years old, 30.7% were between 40 and 50 years and only 15% are over 50 years old. It was found that the work performed by the majority (76.9%) requires excessive physical effort, loading and weight lifting for long periods and standing posture. With these reports the mapping of the risks found in the UAN was created aiming to promote the improvement of the work of the collaborators. The nutritional evaluation performed with the employees indicated eutrophy (46.15%), overweight (38.46%) and obesity grade I (53.84%). We conclude, therefore, that UANs are environments that represent risks to work-related diseases and accidents, due to their infrastructure, which is often inadequate from the point of view of legislation and the inadequate use of PPE. We also verified the importance of the risk map within the UAN so that workers as a way of prevention, monitoring, control, health and safety of the employee.

Key words: Collaborator, food and nutrition unit, nutritional Profile, risk map

 

1 Nutricionista, Instituto Macapaense do Melhor Ensino Superior. Macapá-AP Brasil. E-mail: nelly_essidois@hotmail.com *Autor para correspondência
2 Nutricionista, Instituto Macapaense do Melhor Ensino Superior. Macapá-AP Brasil. E-mail: gleice.fernandes20@hotmail.com
3 Professora, Instituto Macapaense do Melhor Ensino Superior. Macapá-AP Brasil. E-mail: tassiafsantos@gmail.com