Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

Educação Hibrida: a aprendizagem colaborativa através da sala de aula invertida

DOI: http://dx.doi.org/10.5935/2595-4407/rac.immes.v1n2p38-43

http://arqcientificosimmes.emnuvens.com.br/abi/index 

downloadpdf

Sabrina Guedes de Oliveira1*

 

Resumo: Este artigo pretende realçar, dar voz a Educação Hibrida, entendo-a como uma modalidade dentro do próprio processo educacional, comportando vários elementos que são importantes e significativos para o processo ensino-aprendizagem como a metodologia, a tecnologia, o planejamento, dentre outros. A Educação Hibrida é uma forma de aprendizagem colaborativa, onde a participação ativa dos alunos, através da mediação do educador contribui para o desenvolvimento daqueles. Uma das formas mais utilizadas, ou pelo menos, que vem se propagando de forma eficaz é a “Sala de Aula Invertida”, como essa ferramenta metodológica que traz aportes necessários para repensar nos dias atuais a atuação profissional do educador. Cada vez mais nos dias atuais precisamos pensar essa educação que se mostra variada e tenta abarcar o conhecimento circundante ao mesmo tempo em que pretende ser o grande diferencial na vida de cada indivíduo. Somos sujeitos desse movimento e precisamos ser protagonistas com práticas que levem à reflexão crítica e práticas desafiadoras, sabendo que cada vez mais as tecnologias estão como contributos necessários e importantes, especialmente para a geração atual de alunos. A “Sala de Aula invertida” pode ser o grande bom desafio da contemporaneidade, principalmente quando afirmamos o empoderamento dos alunos na utilização das Novas Tecnologias Digitais e os colocando como produtores de um conhecimento que seja real e verdadeiro.

Palavras-chave: Educação Híbrida, sala de Aula Invertida, aprendizagem Colaborativa.

 

Abstract: This article aims to highlight, give voice to Hybrid Education, I understand it as a modality within the educational process itself, including several elements that are important and significant for the teaching-learning process such as methodology, technology, planning, among others. Hybrid Education is a form of collaborative learning, where the active participation of the students through the mediation of the educator contributes to the development of those. One of the most used, or at least that has been propagating effectively is the "Inverted Classroom", as this methodological tool that brings the necessary contributions to rethink in the present day the professional performance of the educator. More and more in the present day we need to think about this education that is varied and tries to embrace the surrounding knowledge while pretending to be the great differential in the life of each individual. We are the subjects of this movement and we need to be protagonists with practices that lead to critical reflection and challenging practices, knowing that more and more technologies are necessary and important contributions, especially for the current generation of students. The "Reverse Classroom" can be the great challenge of contemporaneity, especially when we affirm the empowerment of students in the use of the New Digital Technologies and putting them as producers of knowledge that is real and true.

Key words: Hybrid Education; Inverted Classroom; Collaborative Learning

 

1 Mestranda em Novas Tecnologias Digitais na Educação – UNICARIOCA, Coordenadora pedagógica da SME/Rio. Rio de Janeiro-RJ Brasil. E-mail: sabrina.guedes@gmail.com *Autor para correspondência