Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Composição Química e Qualidade do Leite e Níveis de Glicose e Uréia no Plasma de Vacas Mestiças Suplementadas a Pasto no Período de Transição Seca-Águas1

DOI: http://dx.doi.org/10.15528/2176-4158/rcpa.v12n1p89-92

http://www.ojs.ufpi.br/index.php/rcpa 

downloadpdf

Wellington S. de Melo2, Antonia S. C. Véras3, Marcelo de A. Ferreira3, Dulciene K. de A. Silva4, Alcilene M. A. Tavares2, Kedes P. Pereira2 & Antonio de P. M. Fernandes5

 

Resumo: O ensaio teve como objetivo estudar a composição química e a qualidade do leite, assim como, determinar os níveis plasmáticos de glicose e uréia de vacas leiteiras mestiças suplementadas a pasto no período de transição seca-águas. Utilizaram-se oito vacas mestiças com peso vivo e produção de leite médios de 500 kg e 15 kg/vaca/dia, respectivamente. O período experimental durou 60 dias (quatro sub- períodos de 15 dias). Os seguintes tratamentos foram ofertados: T1 = silagem de milho + concentrado; T2 = palma + concentrado; T3 = silagem de milho + farelo de soja; e T4 = palma + farelo de soja. A área da pastagem utilizada foi de 53 ha. Não foi observada diferença entre os tratamentos (P>0,05) para o percentual de gordura, proteína e sólidos totais no leite. O conteúdo de lactose foi menor (P<0,05) para o T4 = palma + farelo de soja, não diferindo entre os demais tratamentos. Os níveis plasmáticos de glicose e uréia foram semelhantes (P>0,05). O manejo durante a ordenha proporcionou menor contagem de células somáticas (CCS) e unidade formadora de colônia (UFC) que as normalmente encontradas no leite de fazendas que usam pouca tecnologia e/ou têm pouca preocupação com a higiene na ordenha.

Palavras-chave: Brachiaria decumbens, farelo de soja, palma forrageira, silagem de milho

 

Abstract: The Objective of this study was evaluated the chemical composition and quality of milk and plasma levels of glucose and urea of the crossbred dairy cows supplemented in pasture in the transition period dry-water. Were used eight crossbred cows with average live weight and milk production of the 500 kg and 15 kg/cow/day, respectively. The experiment lasted 60 days (four sub-periods of 15 days). The following treatments were: T1 = corn silage + concentrate; T2 = forage cactus + concentrate; T3 = corn silage + soybean meal, and T4 = forage cactus + soybean meal. The area of grassland used was 53 ha. There were no differences between treatments (P> 0.05) to percentage of fat, protein and total solids in milk. The content of lactose was lower (P <0.05) in treatment with forage cactus + soybean meal and did not differ among other treatments. Plasma levels of glucose and urea were similar (P>0.05). The management applied during milking the lowest amount of somatic cell count (SCC) and colony forming unit (CFU) that normally found in farms less technology or have little hygiene at milking.

Key words: Brachiaria decumbens, corn silage, forage cactus, soybean meal

 

1 Projeto financiado pela FACEFE, UFRPE e parceria da Fazenda Riacho do Papagaio (São João-PE)
2 Doutorando em Zootecnia pela UFRPE/UFPB/UFC
3 Professor da UFRPE, Bolsista de Produtividade do CNPq
4 Professor da UAG/UFRPE
5 Pesquisador do IPA

 

Literatura Citada

ALVES, A. C. N.; et al. Substituição parcial de silagem de milho por farelo de glúten de milho desidratado na alimentação de vacas holandesas em lactação. Revista Brasileira de Zootecnia, v.36, n.5, p.1590-1596, 2007 (supl.) doi

BRASIL. Instrução Normativa n.51 de 18 de setembro de 2002. Ministério da Agricultura e do Abastecimento, Secretaria de Defesa Agropecuária, 2002.

OLIVEIRA, V.S. Substituição Total do Milho e Parcial do Feno de Capim Tifton por Palma Forrageira em Dietas Para Vacas da raça Holandesa em Lactação. Tese de doutorado (zootecnia). Universidade Federal Rural de Pernambuco. Recife. 2006. 99p.

PEREIRA, M.L.A.; et. al. Consumo, Digestibilidade aparente total, produção e composição do leite em vacas no terço inicial da lactação alimentadas com níveis crescentes de proteína bruta no concentrado. Revista Brasileira de Zootecnia, v. 34, n.3, p.1029-1039, 2005. doi

UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA- UFV. SAEG- Sistema de análise estatística e genética, versão 8.0. Viçosa (manual do usuário). 150p. 1998.