Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Conhecendo a Abordagem da Temática da Obesidade em Quatro Escolas da Região Metropolitana de Belo Horizonte

DOI: http://dx.doi.org/10.15601/2237-0587/fd.v5n2p19-33

http://www3.izabelahendrix.edu.br/ojs/index.php/fdc/index 

downloadpdf

Márcia C. M. Gonçalves1 & Marina N. Alvim2

 

Resumo: A escola se apresenta como um espaço e um tempo privilegiado, lugar onde os alunos passam boa parte do tempo além de exercer um papel fundamental no desenvolvimento físico, psicológico e emocional dos adolescentes. A hipótese levantada foi que apesar de a obesidade ser considerada uma epidemia, a temática não recebe a importância e atenção necessárias no âmbito escolar. O objetivo foi verificar como é abordada a temática da obesidade em quatro estabelecimentos de ensino da região metropolitana de Belo Horizonte. A metodologia consistiu em visitar quatro escolas da região metropolitana de Belo Horizonte, escolhidas aleatoriamente e por pertencerem a mesmo município, sendo três públicas e uma particular a fim de verificar como a temática obesidade está sendo abordada nessas instituições. Os resultados do estudo evidenciaram que a abordagem da prática pedagógica como estratégia de intervenção da questão obesidade foi pouco realizada nas escolas. Conclui-se que há necessidade de elaboração e introdução de projetos de intervenção efetivos na política pedagógica sobre a importância da conscientização de hábito de vida saudável mais eficaz no âmbito escolar que inclua seus frequentadores, familiares e comunidades.

Palavras-chave: escola, adolescente, obesidade, saúde, intervenção

 

Abstract: Besides presenting itself as a privileged space and time where students spend most of their time, the school exercises a fundamental role on the physical, psychological and emotional development of adolescents. In this paper, the hypothesis raised was that even though obesity is considered an epidemic, the thematic does not receive the due importance and attention in the school setting. Therefore, the aim was to assess how the obesity theme is addressed in four establishments in the metropolitan region of Belo Horizonte. The methodology consisted in visiting four schools chosen randomly, being three of them from the public system and a fourth private one. The results show little use of the pedagogical approach as a strategy for practical interventions concerning the obesity at the studied schools. It is concluded that there is a need for construction and implementation of projects that can effectively represent a pedagogical intervention aiming better awareness of healthier habits which would result in better life for the whole school community.

Key words: school, adolescent, obesity, health, intervention

 

1 Licenciada em Ciências Biológicas pelo Centro Universitário Metodista Izabela Hendrix. E-mail: marcia.mgoncalves@yahoo.com.br
2 Licenciada em Ciências Biológicas pelo Centro Universitário Metodista Izabela Hendrix. Mestre e Doutora em Biologia Vegetal pela Universidade Federal de Minas Gerais. Professora do Centro Universitário Metodista Izabela Hendrix. E-mail: marina.alvim@izabelahendrix.edu.br

 

Literatura Citada

ALVES João Guilherme B; MONTENEGRO, Fernanda Maria U; OLIVEIRA, Fernando Antônio; ALVES, Roseane Victor. Prática de esportes durante a adolescência e atividade física se lazer na vida adulta. Rev Bras Med Esporte. 2005; 11(5): 91-4.

BATISTA Alessandra Pivoto. Intervindo na obesidade da infância e adolescência: revisão da literatura. Universidade Federal de Minas Gerais. Faculdade de Medicina NESCON. Minas Gerais. 2011.

BERHMAN, E. R.; KLIEGMAN, R. M.; JENSON, H. B. Tratado de pediatria. 16 ed. Rio de Janeiro2002: Guanabara Koogan. 2002.

BETTI, Mauro. Educação Física e Sociedade. São Paulo: Editora Movimento, 1991.

BRASIL. Ministério da Saúde. Cadernos de Atenção Básica- n. 12. Série A. Obesidade. Brasília. 2006.

CARVALHO, Paulo Roberto de. Aditivos dos alimentos. Professor de Química Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de São José do Rio Pardo. Revista LOGOS, n. 12, 2005.

COSTA, Larissa da Cunha Feio; VASCONCELOS, Francisco de Assis Guedes de; CORSO, Arlete Catarina Tittoni. Fatores associados ao consumo adequado de frutas e hortaliças em escolares de Santa Catarina, Brasil. Cad. Saúde Pública, Rio de Janeiro, 28(6): 1133-1142, jun, 2012.

FARIAS Edson S.; PAULA, Flaviano; CARVALHO, Wellington R. G.; GONÇALVES, Ezequiel M.; BALDIN, Alexandre D.; GUERRA-JÚNIOR, Gil. Efeito da atividade física programada sobre a composição corporal em escolares adolescentes. 0021-7557/09/85-01/28. Jornal de Pediatria. Sociedade Brasileira de Pediatria 2009.

GONÇALVES, Priscilla de Souza. Obesidade: a compreensão do professor de Educação Física sobre o papel de intervenção da Educação Física Escolar. Universidade Federal De Minas Gerais Escola de Educação Física, Fisioterapia e Terapia Ocupacional Belo Horizonte – MG Dezembro/2009.

GUEDES, Dartagnan P. Educação física escolar com ênfase à educação para a saúde. In: TOJAL. João Batista Andreotti Gomes (Org.) I Congresso Internacional De Epistemologia Da Educação Física. São Paulo, p.112 – 124. 2006.

GUO, Shumei C; CHUMLEA, William Cameron. Tracking of body mass index in children in relation to overweight in adulthood. Am J Clin Nutr 1999; 70(1): 145s-8s.

LIMA, Ione de Medeiros. Coordenação-Geral de Controle de Qualidade e de Tratamento da Informação. Avaliação do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) Censo Escolar 2004. Ministério da Educação. Brasília, janeiro DE 2007.

LOPEZ, F. A.; CAMPOS-JÚNIOR, D. C. Tratado de pediatria. 1 Edição. São Paulo. Manoele. 2008.

MENESTRINA, Eloi. Educação física e saúde. 2.ed. ver ampl. Injuí: Ed. Unijuí, 112 p.2000.

MARTÍNEZ, Aleix M. La escuela: un espacio de promocion de salud. Psicol Esc Educ. 1996; 1:19-24. doi

NUNES, Maria Medeiros de Araújo; FIGUEIROA, José Natal; ALVES, João Guilherme Bezerra. Excesso de peso, atividade física e hábitos alimentares entre adolescentes de diferentes classes econômicas em Campina Grande (PB). Rev Assoc Med Bras (1992); 53:130-4. 2007.

SANTOS, Nayara da Silva; COSTA, Fernanda de Jesus; CHAVES, Andréa Carla Leite. Análise do potencial efetivo de ensino aprendizagem de pirâmides alimentares utilizadas no Brasil do ponto de vista dos adolescentes. I CIEC – Congresso Iberoamericano de Investigación em Enseñanza de las Ciências. Campinas, SP, 2011.

SECRETARIA de Atenção à Saúde, Ministério da Saúde. Guia alimentar para a população brasileira: promovendo a alimentação saudável. Brasília: Ministério da Saúde; 2006.

SILVEIRA Jonas A. C.; TADDEI. José A. A. C.; GUERRA Paulo H.; NOBRE Moacyr R. C. A efetividade de intervenções de educação nutricional nas escolas para prevenção e redução do ganho excessivo de peso em crianças e adolescentes: uma revisão sistemática. 0021-7557/11/87-05/382. Sociedade Brasileira de Pediatria. Rio de Janeiro; 87(5):382-92. 2011.

SOBRAL, Francine; COSTA, Vera Mariza H. de Miranda. Programa nacional de alimentação escolar: sistematização e importância. Alim. Nutr., Araraquara. Volume19, n.1, p. 73-81, jan./mar. 2008.

TOLONI Maysa Helena de Aguiar; LONGO-SILVA, Giovana; GOULART, Rita Maria Monteiro; TADDEI, José Augusto de Aguiar Carrazedo. Introdução de alimentos industrializados e de alimentos de uso tradicional na dieta de crianças de creches públicas no município de São Paulo. Rev. Nutr., Campinas, 24(1):61-70, jan./fev., 2011.

TRICHES, Rozane Márcia; GIUGLIANI, Elsa Regina Justo. Obesidade, práticas alimentares e conhecimentos de nutrição em escolares. Secretaria de Educação da Prefeitura Municipal Dois Irmãos, RS, Brasil. Departamento de Pediatria da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Porto Alegre, RS, Brasil. Revista de Saúde Pública 2005;39(4):541-7.

UCHIMURA, Kátia Yumi; BOSI, Maria Lúcia Magalhães; LIMA, Flávia Emília Leite de; DOBRYKOPF, Vanessa França. Qualidade da alimentação: percepções de participantes do programa bolsa família. Ciência & Saúde Coletiva, 17(3): 687-694, 2012. doi

VARGAS, Izabel Cristina da Silva; SICHIERI, Rosely; PEREIRA, Gilza Sandre; VEIGA, Gloria Valeria da. Avaliação de programa de prevenção de obesidade em adolescentes de escolas públicas. Revista de saúde pública. Rio de Janeiro, RJ, Brasil. 2011.