Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Formação de Professores e de Leitores: Considerações a Partir de Dizeres de Alunos

DOI: http://dx.doi.org/10.15600/2236-9767/impulso.v23n56p21-33

https://www.metodista.br/revistas/revistas-unimep/index.php/impulso/index 

downloadpdf

Lucinea A. Rezende1 & Sandra A. P. Franco2

 

Resumo: Neste texto discutimos a respeito da leitura e a escrita e a necessidade de que elas ocupem lugar compatível com sua importância nos cursos de formação de professores. Leitura e escrita carecem de ser pensadas, no que diz respeito à configuração das licenciaturas, considerando-se que os discentes serão formadores de leitores e escritores e, portanto, eles próprios devem sê-lo. Evidenciamos, assim, aspectos de uma pesquisa com acadêmicos de cursos de licenciatura de uma universidade do norte do estado do Paraná intitulada: Ideias circulantes acerca da leitura e da escrita: significações. Assumimos abordagem pedagógica, que se pretende sócio-histórica e crítica, visto termos o entendimento de que o ser humano deve ser educado e educar- -se para viver em sociedade, e fazê-lo de maneira crítica, responsável e com vistas às interferências em sua própria vida e na do seu entorno a fim de ampliar sua humanização e contribuir para que isso ocorra com seus pares. Evidenciamos que parte significativa dos professores é formada em um contexto anterior aos avanços da tecnologia e sua incorporação na escola. No entanto, para exercer seu trabalho, requer-se o conhecimento e o uso dessa tecnologia, visto que os alunos, não raro, já se utilizam delas no cotidiano de suas vidas e não há como a escola/universidade manter-se isolada, distante das demandas sociais.

Palavras-chave: educação, leitura e escrita, formação de professores, formação de leitores

 

Abstract: In this paper we discuss the reading and writing skills and the need for them to occupy a place within the teacher training courses consistent with their importance. Reading and writing must be pondered within the teacher training courses, because these students will be developing readers and writers, so they are required to be readers and writers themselves. Therefore, we will focus on some aspects of a survey conducted within teacher training courses at a university in the North of Paraná, entitled Circulating ideas about reading and writing: meanings. We assume a socio-historical and critical pedagogical approach, since we understand that human beings should be educated and educate themselves to live in society, and that must be done in a critical and responsible way, aiming at interfering in one’s own life and environment in order to expand one’s humanization and contribute to the humanization of others. We show that a significant number of teachers were trained in a context prior to the technological advances and its incorporation in schools. However, in order to do their work, they are required to know and use such technology, since students already use it in their everyday lives and school and universities cannot remain isolated, far from the social demands.

Key words: education, reading and writing, training of teachers, training of readers

 

1 Universidade Estadual de Londrina (UEL). lucinea@uel.br
2 Universidade Estadual de Londrina (UEL). sandrafranco@uel.br