Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Um Diálogo entre as Concepções de Disciplina de Kant, Dewey e Freire

DOI: http://dx.doi.org/10.15600/2236-9767/impulso.v23n56p61-72

https://www.metodista.br/revistas/revistas-unimep/index.php/impulso/index 

downloadpdf

Armando Lourenço Filho1, Bárbara C. M. T. Lima2, Gustavo H. E. Guimarães3

 

Resumo: A disciplina é um elemento indispensável para o bom desenvolvimento dos processos educativos. Entretanto, é ao mesmo tempo paradoxal: se por um lado é capaz de proporcionar maior direcionamento, concentração e autocontrole ao aluno, por outro é vista como controladora e autoritária, inibindo, muitas vezes, o desenvolvimento autônomo do indivíduo. Este artigo tem por objetivo principal apresentar as concepções de disciplina em Kant (1724-1804), Dewey (1859-1952) e Freire (1921-1997), a partir do enfoque da Filosofia da Educação, promovendo um diálogo entre os autores e suas concepções. Percebemos, nesse sentido, que, enquanto para Kant a disciplina pode ser compreendida, em certa medida, como um meio para se atingir um determinado fim educacional e formativo, para Dewey ela é considerada a própria finalidade do processo educativo, no sentido de desenvolver no aluno um espírito investigativo e autônomo, preparando-o para uma vida de aprendizagens. Já para Freire, as duas concepções são possíveis e convergem, funcionando como elementos necessários ao desenvolvimento pessoal e ao reconhecimento da autoridade docente. Mas, como ponto comum nos três autores, percebemos, na disciplina, a presença de uma virtude necessária ao desenvolvimento da autonomia do educando, direcionando-o à condição de cidadão.

Palavras-chave: disciplina, filosofia da educação, Kant, Dewey, Freire

 

Abstract: Discipline is an essential element in the successful development of educational processes but at the same time it is paradoxical: on the one hand it is able to provide direction, focus and self-control to students, on the other it is seen as authoritarian and controlling, inhibiting the development of the individual autonomy. The main objective of this article is to present the conceptions of discipline in Kant (1724-1804), Dewey (1859-1952) and Freire (1921-1997), from the perspective of philosophy of education, promoting a dialogue between the authors and their conceptions. So we realize that, if Kant understands discipline as a way to achieve a particular purpose in education and training, Dewey sees it as the purpose of the educational process in order to develop in students a spirit of investigation and autonomy, preparing them for a lifetime of learning. Freire understands that both views are possible and converge, working as necessary elements to personal development and recognition of the teacher’s authority. As a common point of view of the three authors, we see discipline as a necessary virtue for the development of autonomy, driving the student to the condition of citizen.

Key words: education, disabilities, eugenics

 

1 Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUCC). professorarmando@hotmail.com
2 Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUCC). barbara_mt@yahoo.com.br
3 Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUCC). gheguimaraes@gmail.com