Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Enquadres Clínicos, Enquadramentos Estéticos. Arte e Psicanálise1

DOI: http://dx.doi.org/10.15600/2236-9767/impulso.v24n60p113-122

https://www.metodista.br/revistas/revistas-unimep/index.php/impulso/index 

downloadpdf

Gustavo H. Dionisio2

 

Resumo: O artigo visa estabelecer uma articulação entre o enquadre clínico psicanalítico e a noção de enquadramento na imagem artística. Para tanto, a leitura apoia-se em questões relacionadas ao atendimento, no sentido de um setting propriamente dito, para se lançar a criações artísticas que questionam o estatuto rígido – quando é o caso – deste enquadre, passando por uma reflexão a respeito da noção de transferência, cujo fenômeno se revelaria fundamental neste contexto. As conclusões encaminham a fazer, ademais, uma aproximação direta entre a experiência estética e a experiência psicanalítica.

Palavras-chave: escuta analítica, setting, experiência estética

 

Abstract: This paper aims at establishing a link between the psychoanalytic idea of a clinical setting and the notion of framing in the artistic image. To this end, the reading is based on issues related to clinical care, in the specific sense of a setting, casting itself in artistic creations that challenge the rigid status – when it’s the case – of this setting, and reflecting on the notion of transference, a basic phenomenon in this context. The conclusions refer to a direct approach between the aesthetic experience and psychoanalytic experience.

Key words: setting, esthetic experience, clinical intervention

 

1 O ensaio é derivado de tese de doutoramento em Psicologia, defendida em 2010 no Instituto de Psicologia da USP-SP
2 Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (UNESP-Assis). gustavohdionisio@gmail.com