Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Economia Solidária e Redes Sociais: Antigos Fenômenos, Novas Feições

DOI: http://dx.doi.org/10.15603/1982-8756/roc.v9n17p59-77

https://www.metodista.br/revistas/revistas-ims/index.php/OC/index 

downloadpdf

Célia L. do R. Braz1 & Onésimo O. Cardoso2

 

Resumo: O conjunto de atividades econômicas organizadas sob princípios democráticos, bases cooperativas e práticas de autogestão é um fenômeno social que, embora antigo, vem apresentando novas feições e tornando-se um mecanismo gerador de trabalho e de renda para trabalhadores excluídos do mercado formal, viabilizando a melhoria de suas condições de vida. Também a ideia de redes existe desde longa data, mas sua importância foi impulsionada pelo desenvolvimento das tecnologias de comunicação, figurando hoje como um ícone da sociedade contemporânea. Com o objetivo de aproximar teoricamente esses dois conceitos, o presente ensaio clarifica as variadas terminologias que envolvem os empreendimentos solidários, aborda a gênese e a evolução histórica dos fenômenos da economia solidária e das redes sociais e, por fim, a partir da melhor compreensão desses fenômenos, discute a estreita relação entre ambos sob a ótica da Nova Sociologia Econômica, teoria na qual o econômico e o social estão interligados.

Palavras-chave: economia solidária, redes sociais, economia social, economia popular

 

Abstract: The set of economic activities organized under democratic principles, cooperative bases, and self-management practices is a social phenomenon that, although being old, is gaining new features and becoming a mechanism that generates jobs and income for workers excluded from the formal market, thus enabling the improvement of their living conditions. The idea of networks is also long-standing, but its importance has been boosted by the development of communication technologies and ranks today as an icon of contemporary society. With the goal of theoretically approaching these two concepts, this essay clarifies the various terminologies involving solidarity enterprises, discusses the genesis and historical development of the phenomena of solidarity-based economy and social networks, and finally, from the better understanding of these phenomena, discusses the close relationship between them in the perspective of the New Economic Sociology, a theory in which economic and social features are intertwined.

Key words: solidarity-based economy, social networks, social economy, popular economy

 

1 Pontifícia Universidade Católica de São Paulo - PUC/SP. E-mail: brazcelia@uol.com.br
2 Pontifícia Universidade Católica de São Paulo - PUC/SP. E-mail: o-cardoso@uol.com.br