Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Percepção do Corpo Feminino e os Comportamentos de Consumo de Serviços de Estética

DOI: http://dx.doi.org/10.15603/1982-8756/roc.v9n18p271-294

https://www.metodista.br/revistas/revistas-ims/index.php/OC/index 

downloadpdf

Thelma Cheung-Lucchese1 & Camila de S. Alves2

 

Resumo: A relação da mulher com o tamanho do seu próprio corpo, os padrões de beleza atuais, a dificuldade de sentir-se satisfeita e a busca incessante por serviços capazes de fazer o milagre da transformação da feiura em beleza, motivaram a realização desta pesquisa que pretendeu contribuir para estudos de marketing sobre comportamentos de consumo de serviços de estética corporal. Definiu-se como objetivo compreender como acadêmicas de um programa de mestrado de uma universidade pública da região Centro-Oeste percebem seus corpos. A realização de um grupo focal permitiu recuperar, nos discursos das participantes, suas atitudes em relação à construção do corpo perfeito, a códigos de beleza, a condutas, e a valores e padrões de estética socialmente aceitáveis. Os resultados sugerem que a representação social do corpo feminino para as participantes esteve mais associada à cobrança social, às preocupações de estéticas e à frustração. O bem estar foi associado ao fato de as pessoas não atraírem olhares de reprovação por carregarem consigo uma identidade reprovada socialmente.

Palavras-chave: percepção do corpo, consumo de serviços de estética, mulheres, grupo focal

 

Abstract: A woman’s relationship with the size of his own body, the current standards of beauty, the difficulty of feeling satisfied and incessant search for services that can perform the miracle of transforming ugliness into beauty , motivated this research sought to contribute for marketing studies on consumption behavior and body aesthetic services . We defined aimed at understanding how students of a master’s program at a public university in the Midwest region perceive their bodies. Conducting a focus group allowed to recover in the speeches of the participants , their attitudes toward building the perfect body, the codes of beauty, behaviors , and values and standards of socially acceptable aesthetic . The results suggest that social representation of the female body to the participants was more associated with social recovery, aesthetic concerns and frustration . The well-being was associated with the fact that people do not attract dirty looks because they carry with them an identity socially disapproved.

Key words: body perception, cosmetic services consumption, women, focus group

 

1 Universidade Federal de Mato Grosso do Sul. Professora do Programa de Pós-Graduação em Administração. E-mail: thelma.lucchese@gmail.com
2 Universidade Federal de Minas Gerais. Mestra em Administração pela UFMS. E-mail: camiladsa@live.com