Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

A Narrativa Transmídia e a “Desgovernabilidade” Jornalística

DOI: http://dx.doi.org/10.15603/2175-7755/cs.v34n2p141-161

https://www.metodista.br/revistas/revistas-ims/index.php/CSO 

downloadpdf

Denis Renó1

 

Resumo: A sociedade vive hoje uma realidade distinta da vivida no tempo em que Michel Foucault apresentou os conceitos de “governo” e os teóricos da comunicação começaram a considerar o tema ao tratar de Jornalismo. Antes da web 2.0 e dos processos de comunicação por rede social, a sociedade ocupava um status de receptor, enquanto os conglomerados e grupos de comunicação atuavam segauramente como emissores da informação. Mas, com o desenvolvimento dos processos participativos, a sociedade passou a ter força de voz comunicacional. Este artigo apresenta um estudo de caso analítico e de narrativa transmídia da repercussão do lançamento do livro A privataria tucana e o silêncio da imprensa. Acreditamos que, ainda que não tenha sido tema de abordagem pelos grupos de comunicação em seus primeiros momentos, as redes sociais cumpriram esse papel. Com a conclusão do trabalho, é possível compreender os efeitos comunicacionais a partir das narrativas transmídia e da participação cidadã.

Palavras-chave: comunicação, jornalismo, linguagem, narrativa transmídia

 

Abstract: Society is now living a different reality from that of the time when Michel Foucault introduced the concepts of “government” and the communication theoreticians began to consider the issue when dealing with journalism. Before Web 2.0 and the communication processes through the social networking, society had the status of a receiver, while communication conglomerates and media groups certainly acted as suppliers of information. But with the development of participatory processes, society gained communicational voice. This article presents a case study of analytical and transmedia storytelling about the impact of the publication of A privataria tucana and the silence the press. We believe that, although it has not been the subject of approach by media groups in its first moments, social networks fulfilled this role. With the completion of the work, it is possible to understand the effects of communication from transmedia storytelling and citizen participation.

Key words: communication, journalism, language, transmedia storytelling

 

1 Jornalista, doutor em Comunicação Social pela Universidade Metodista de São Paulo. Possui pós-doutorado pelo Departamento de Periodismo II da Universidade Complutense de Madri (Espanha) e desenvolve investigação pós-doutoral no Departamento de Comunicação e Arte da Universidade de Aveiro (Portugal). É professor do curso de jornalismo e opinião pública da Universidade do Rosário, Bogotá, Colômbia E-mail: denis.porto.reno@gmail.com. Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/3280707979820725