Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Imediatismo e Formação Cultural no Ensino de Jornalismo

DOI: http://dx.doi.org/10.15603/2175-7755/cs.v35n1p43-64

https://www.metodista.br/revistas/revistas-ims/index.php/CSO 

downloadpdf

José S. Faro1

 

Resumo: Com a entrada em vigor das novas diretrizes curriculares para a graduação em Jornalismo já é possível identificar a persistência das percepções e linhas pedagógicas gerais que até agora caracterizavam a filosofia dos cursos: maior ou menor ênfase nas questões de natureza cultural e/ou operacional dos alunos. O presente ensaio faz considerações a respeito das limitações que isso pode representar na implementação das novas diretrizes e procura apontar deficiências de formação dos estudantes que tendem a se sobrepor aos temas principais do debate que antecedeu a conclusão do relatório final da Comissão de Especialistas. Na hipótese de que essas deficiências não sejam sanadas nas discussões que devem ocorrer nas inúmeras reformas curriculares que as diretrizes ensejarão, nada indica que a renovação do ensino de jornalismo supere a crise de identidade em que o campo profissional se encontra mergulhado; ao contrário: pode agravá-la.

Palavras-chave: ensino de jornalismo, formação dos jornalistas, cursos de Jornalismo, diretrizes curriculares

 

Abstract: With the implementation of the new curriculum guidelines in Journalism graduation, it is now possible to identify the permanence of perceptions and the general pedagogical lines that characterized the philosophy of courses so far: greater or lesser emphasis on questions of cultural and/or operational nature of students. This paper raises questions about the limitations this fact may represent the implementation of the new guidelines and seeks to point out the students’ training deficiencies that tend to overlap the main themes of the debate leading up to the final report of the Commission of Experts. In the event that these deficiencies are not corrected during the discussions that shall occur in the many curriculum reforms the guidelines will give rise to, nothing suggests that the renewal in the teaching of Journalism will overcome the identity crisis in which this professional field is immersed. On the contrary: it can aggravate it.

Key words: journalism education, training of journalists, journalism courses, curriculum guidelines

 

1 Graduado em História e doutor em Jornalismo (Ciências da Comunicação) pela USP. Coordena o grupo de pesquisa Jornalismo Cultural: espaço público da produção intelectual. Consultor da Capes e da Fapesp. Professor nos cursos de graduação em Jornalismo na UMESP e na PUC-SP. Docente no Programa de Pós-Graduação na Universidade Metodista de S.Paulo, São Bernardo do Campo, SP, Brasil. Email: jsfaro@jsfaro.net Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/3848720494067039