Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Uso do Solo na Sub-Bacia do Ribeirão da Prata, Lençóis Paulista - SP

DOI: http://dx.doi.org/10.14583/2318-7670.v02n03a08

http://periodicoscientificos.ufmt.br/ojs/index.php/nativa/index 

downloadpdf

Victor C. Leda1, Donizeti A. P. Nicolete1, José C. Pezzoni Filho1, Anderson A. da C. Sartori1 & Célia R. L. Zimback1

 

Resumo: O uso e cobertura do solo possui influência na quantidade e qualidade da água em bacias hidrográficas, com isso as técnicas de geoprocessamento possibilitam analisar os padrões de ocupação do solo. Neste contexto o presente trabalho teve como objetivo identificar e quantificar os processos de mudanças no uso e ocupação do solo por meio de análise temporal, nos anos de 1984 e 2014. A área de estudo compreende a sub-bacia do Ribeirão da Prata, que está localizada no município de Lençóis Paulista, estado de São Paulo, para o mapeamento do uso e ocupação do solo foram utilizadas imagens orbitais dos satélites Landsat 5 e Landsat 8. As análises de mudanças foram realizadas através do módulo Land Change Modeler - LCM, o qual possibilitou obter relações de ganho, perda e persistência da vegetação nativa. Os resultados obtidos mostraram que houve um incremento na área de vegetação nativa, e também o predomínio da cana-de-açúcar para o período analisado, indicando que apesar das atividades agrícolas serem intensas na região, houve uma melhora em termos de conservação ambiental na sub-bacia estudada.

Palavras-chave: sensoriamento remoto, vegetação nativa, dinâmica espaço-temporal

 

Abstract: The use and coating of soil influence the quantity and quality of water in watersheds. For this reason, the geo processing techniques allow analyses of soil occupation patterns to be made. This paper aims to identify and quantify, through temporal analysis, the change processes of soil use and occupation in the years of 1984 and 2014. The area of study comprises the subbasin of Ribeirão da Prata, which is located in Lençóis Paulista city, in São Paulo state. For mapping the soil’s use and occupation, orbital images were utilized from the satellites Landsat 5 and Landsat 8. The change analyses were conducted through the “Land Change Modeler” module (LCM), which made it possible to obtain relationships of gain, loss and constancy of the native vegetation. The results show that there has been an increase on the area of native vegetation, as well as a predominance of sugar cane for the analyzed period. This suggests that despite the agricultural activities in the area, there has been an improvement in terms of environmental conservation in the referred subbasin.

Key words: remote sensing, native vegetation, spatial-temporal dynamic

 

1 Departamento de Solos e Recursos Ambientais, Universidade Estadual Paulista, Botucatu, São Paulo, Brasil. E-mail: victorleda@gmail.com

 

Literatura Citada

ARCOVA, F. C. S.; CICCO, V. Qualidade da água de microbacias com diferentes usos do solo na região de Cunha, Estado de São Paulo. Scientia Forestalis, Piracicaba, n. 56, p.125-134, dez. 1999.

BARROS, K. O. et al. Análise temporal das classes de uso e ocupação da terra na bacia hidrográfica do Rio Vieira, Montes Claros, Minas Gerais. Agrogeo ambiental, Pouso Alegre, v.5, n.2, p.43-54, ago. 2013.

BATISTELLA, M.; VALADARES, G. S. Farming expansion and land degradation in Western Bahia, Brazil. Biota Neotropica, Campinas, v.3, n.9, p.61-76, set. 2009. doi

BRANNSTROM, C. et al. Land change in the Brazilian Savanna (Cerrado), 1986-2002: Comparative analysis and implications for land-use policy. Land Use Policy, Kidlington, v.4, n.25, p.576-595, out. 2008.

CÂMARA, G.; MEDEIROS, J. S. Princípios básicos em geoprocessamento. In: ASSAD, E. D.; SANO, E. E. Sistemas de informações geográficas: Aplicações na agricultura. 2.ed. Brasília: Serviços de Produção de Informação - SPI, 1998. Cap. 1. p. 3-12.

CENTRO DE PESQUISAS METEOROLÓGICAS APLICADAS A AGRICULTURA (CEPAGRI). Clima dos Municípios Paulistas. Campinas: Unicamp, 2013.

DONADIO, N. M. M. et al. qualidade da água de nascentes com diferentes usos do solo na bacia hidrográfica do Córrego Rico, São Paulo, Brasil. Engenharia. Agrícola, Jaboticabal, v.25, n.1, p.115-125, jan./abr. 2005.

FELIPPE, M. F. et al. Evolução da ocupação urbana das zonas preferenciais de recarga de aquíferos de Belo Horizonte - MG. Revista de Geografia, Juiz de Fora, v.2, n.1, p.1-9, jan. 2011.

FIORIO, P. R. et al. Cronologia e impacto do uso da terra na Microbacia Hidrográfica do Ceveiro, em Piracicaba, SP. Pesquisa Agropecuária Brasileira, Brasília, v.4, n.35, p.671-679, abr. 2000.

GOMES, M. A. F. et al. Avaliação da vulnerabilidade natural do solo em áreas agrícolas: subsídio à avaliação do risco de contaminação do lençol freático por agroquímicos. Pesticidas: Revista de Ecotoxicologia e Meio Ambiente, Curitiba, v.12, n.1, p.169-179, 2002.

JORGE, L. A. B.; SARTORI, M. S. Uso do solo e análise temporal da ocorrência de vegetação natural na Fazenda Experimental Edgárdia, em Botucatu-SP. Revista Árvore, Viçosa, v.26, n.5, p.582-592, set./out. 2002.

LIMA, W. P. et al. Matas ciliares: conservação e recuperação. São Paulo: EDUSP/FAPESP, 2000. 320p.

LOCH, C. A interpretação de imagens aéreas: noções básicas e algumas aplicações nos campos profissionais. 4.ed. Florianópolis: UFSC, 2008. 103p.

PEDRON, F. A. et al. Análise da dinâmica espacial da ocupação das terras e seus conflitos de uso no perímetro urbano de Santa Maria - RS (1975-2002). Ciencia Rural, Santa Maria, v.36, n.6, p.1756-1764, dez. 2006. doi

PESSOA, S. P. M. et al. Análise espaço-temporal da cobertura vegetal e uso da terra na Interbacia do Rio Paraguai Médio-MT, Brasil. Revista Árvore, Viçosa, v.37, n.1, p.119-128, jan./fev. 2013.

SARTORI, A. A. C. et al. Modelagem da dinâmica do uso e ocupação do solo (1985-2011) na sub-bacia hidrográfica do Rio Novo - SP: Land Change Modeler-LCM. In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE SENSORIAMENTO REMOTO, 16, 2013, Foz do Iguaçu, Paraná. Anais... São José dos Campos: SBSR, 2013. p.6.222-6.229.

TUCCI, C. E. M.; CLARKE, R. T. Impacto das mudanças da cobertura vegetal no escoamento: revisão. RBRH - Revista Brasileira de Recursos Hídricos, Porto Alegre, v.2, n.1, p.135-152, jan./jun. 1997.