Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

A Pescada-Branca Plagioscion squamosissimus (Heckel, 1840) a Jusante da Usina Hidrelétrica de Tucuruí (Pará-Brasil)

DOI: http://dx.doi.org/10.17080/1676-5664/btcc.v7n1p71-83

http://www.periodicos.ufra.edu.br/index.php?journal=tjfas 

downloadpdf

Israel H. A. Cintra1, Jossandra C. R. Pinheiro2, Anastácio A. Juras3 & Masayoshi Ogawa4

 

Resumo: A pescada-branca, Plagioscion squamosissimus (Heckel, 1840), foi estudada na área a jusante da Usina Hidrelétrica de Tucuruí a partir de várias amostras que totalizaram 1.722 exemplares obtidos nas localidades de Baião, Cametá, Limoeiro do Ajuru, Mocajuba, Açaizal e Linha de Transmissão. O método de amostragem constou de pescarias experimentais com redes de emalhar, por trimestres do período de janeiro de 2001 a novembro de 2002 e, em laboratório, foi realizada a biometria, a identificação do sexo e dos estágios de maturação gonadal. Este estudo teve como objetivo realizar análises da relação peso total/comprimento total, proporção sexual e comprimento médio na 1º maturidade sexual de fêmeas. A relação peso/comprimento apresentou tendência para isometria, sem diferença estatisticamente significante entre as equações estimadas para machos e fêmeas. Diferenças estatísticas significantes foram observadas na proporção sexual, com predomínio dos machos no segundo e terceiro trimestres de 2002; nos outros trimestres, as fêmeas foram predominantes. A proporção sexual verificada para todo o período estudado foi de 1,4 fêmeas para cada macho, estatisticamente significante. Constatou-se a predominância de fêmeas em todas as classes de comprimento total, embora não se tenha registrado a ocorrência de machos a partir de 42 cm. O tamanho na primeira maturidade sexual de fêmeas foi estimado em 32,6 cm de comprimento total.

Palavras-chave: pescada-branca, reprodução, proporção sexual, UHE Tucuruí

 

Abstract: The South American silver croaker (Plagioscion squamosissimus) was studied in downstream area of the Tucuruí Hydroelectric Dam by means of several samples totalling 1,722 specimens measured at Baião, Cametá, Limoeiro do Ajuru, Mocajuba, Açaizal e Linha de Transmissão lakeside communities. Sampling was carried out by experimental fishing with gillnets, by quarters of the period from January, 2001 to November, 2002, and in laboratory biometry, and identification of sex and gonad stage were performed. This research work aimed at determining the weight/length relationship, sex-ratio and mean size at first sexual maturity for females. The weight/length relationship tended towards isometry, without statistical significance between male and female regression equations. Sex-ration was found to be statistically-significant with the prevalence of males in the second and third quarters of 2002; in the other quarters, the females prevailed. Along the whole study period a statistically-significant 1.4 female: 1.0 male sex-ratio was estimated. Females prevailed over all the length class intervals, although no males occurred as of 42.0 cm TL. Size of females at the first sexual maturity was estimated as 32.6 cm in total length.

Key words: croaker, reproduction, sex-ratio, Tucuruí Hydroelectric Dam.

 

1 Doutorando em Engenharia de Pesca pela Universidade Federal do Ceará. Professor ISARH/ UFRA. Pesquisador CEPNOR. E-mail: israelcintra@terra.com.br
2 Engenheira de Pesca da Emater/Pará.
3 Analista de Meio Ambiente da Centrais Elétricas do Brasil S/A.
4 Professor Titular da Universidade Federal do Ceará - LARAQ/UFC

 

Literatura Citada

AGOSTINHO, A.A. Manejo de recursos pesqueiros em reservatórios, p. 106-121m in Agostinho, A.A.; Benedito-Cecilio, E. (eds.), Situação atual e perspectivas da ictiologia no Brasil. Anais do IX Encontro Brasileiro de Ictiologia. Editora da UEM, Maringá, 1992.

BASILE-MARTINS, M.A.; GODINHO, H.M.; NARAHARA, M.Y.; FENERICH-VERANI, N.; CIPOLLI, M.N. Estrutura da população e distribuição espacial do Mandi, Pimelodus maculatus Lacépède, 1803 (Osteichthyes, Pimelodidae), entre os trechos do Rio Jaguari e Piracicaba, São Paulo – Brasil. Bol. Inst. Pesca, São Paulo, v.13, n.1, p.1-16, 1986.

CARDOSO, R.J.P. Biologia reprodutiva da pescada-branca, Plagioscion squamosissimus (Heckel, 1840) (Perciformes-Sciaenidae) na ilha de Mosqueiro – Pará. Monografia de Graduação, Curso de Oceanografia, Universidade Federal do Pará, 57 p., Belém, 2003.

CARNELÓS, R.C.; BENEDITO-CECILIO, E. Reproductive strategies of Plagioscion squamosissimus Heckel, 1840 (Osteichthyes, Sciaenidae) in the Itaipu Reservoir, Brazil. Braz. Arch. Biol. Technol., v.45, n.3, Curitiba, 2002.

CASTRO, A.C.L. Tamanho e idade de primeira maturação da corvina, Plagioscion squamosissimus (Heckel, 1840) (Teleostei, Sciaenidae), do reservatório de Barra Bonita – SP. Bol. Mus. Par. Emílio Goeldi, ser. Zoologia, Belém, v.15, n., p.117- 133, 1999.

FONTELES FILHO, A.A. Recursos pesqueiros: biologia e dinâmica populacional. Imprensa Oficial do Ceará, xvi + 296 p., Fortaleza, 1989.

GIARRIZZO, T.; SILVA de JESUS, A.J.; LAMEIRA, E.C.; ARAÚJO de ALMEIDA, J.B.; ISAAC, V.; SAINT-PAUL, U. 2006. Weight-length relationships for intertidal fish fauna in a mangrove estuary in Northern Brazil. J. Appl. Ichthyol, 22: 325 - 327. doi

IBAMA. Estatística da Pesca 2003 Brasil: Grandes regiões e unidades da Federação. Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis, Brasília, 98 p., 2004.

IBAMA. Estatística da Pesca 2003 Brasil: Grandes regiões e unidades da Federação. Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis, Brasília, 98 p., 2005.

IBAMA. Estatística da Pesca 2003 Brasil: Grandes regiões e unidades da Federação. Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis, Brasília, 108 p., 2007.

IVO, C.T.C.; FONTELES FILHO, A.A. Estatística pesqueira: aplicação em Engenharia de Pesca. TOM Gráfica e Editora, v+193 p., Fortaleza, 1997.

JURAS, A.A.; ROCHA, J.C.; CINTRA, I.H.A. Relação peso/comprimento da pescadabranca Plagioscion squamosissimus (Heckel, 1840), no reservatório da usinahidrelétrica de Tucuruí-Pará. Bol. Téc. Cient. CEPNOR, Belém, v.5, n.1, p.105- 113, 2005.

MOTA, A.; RODRIGUES, J.D.; CAMPOS, E.C.; MORAES, M.N. de. Captura seletiva da pescada Piauí, Plagioscion squamosissimus Heckel, 1840 (Osteichthyes, Sciaenidae), com rede de emalhar, na represa de Bariri, Rio Tietê, Estado de São Paulo, Brasil. Bol. Inst. Pesca, v.11, p.13-23, 1984.

OLIVEIRA, J.C.; LACERDA, A.K.G. Alterações na composição e distribuição longitudinal da ictiofauna na área de influência do reservatório de Chapéu d’Uvas, bacia do rio Paraíba do Sul (MG), pouco depois da sua implantação. Rev. Bras. Zoociên., v.6, n.1, p.45-60, 2004.

ROCHA, J.C.; JURAS, A.A.; CINTRA, I.H.A; SOUZA, R.F.C. A reprodução da pescada-branca Plagioscion squamosissimus (Heckel, 1840) (Perciformes:Sciaenidae) no reservatório da usina hidrelétrica de Tucuruí (Pará- Brasil). Bol. Téc. Cient. CEPNOR, Belém, v.6, n.1, p.49-60, 2006.

RODRIGUES, A.M.; RODRIGUES, J.D.; MORAES, M.N.; FERREIRA, A.E. Aspectos da estrutura populacional da pescada-do-piauí Plagioscion squamosissimus (Heckel, 1840) (Osteichthyes, Sciaenidae), na represa de Bariri, Rio Tietê, Estado de São Paulo, Brasil. Bol. Inst. Pesca, v.15, n.2, p.155-167, 1988.

RUFFINO, M.L.; ISAAC, V.J. Ciclo de vida e parâmetros biológicos de algumas espécies de peixes da Amazônia brasileira, in Recursos pesqueiros do médio Amazonas: biologia e estatística pesqueira. IBAMA, Coleção Meio Ambiente. Série Estudos Pesca, Brasília, n.22, 2000.

SANTOS, G.M.; MERONA, B.; JURAS, A.A.; JÉGU, M. Peixes do baixo rio Tocantins: 20 anos depois da Usina Hidrelétrica Tucuruí. ELETRONORTE, 216 p., Brasília, 2004.

SILVA, J.W.B. Sobre o comprimento e o peso da pescada-do-Piauí, Plagioscion squamosissimus (Heckel, 1840), no açude “Pereira de Miranda” (Pentecoste, Ceará, Brasil). Bol. Téc. DNOCS, Fortaleza, v.27, n.1, p.57-59, 1969.

VAZZOLER, A.E.A.M. Biologia da reprodução de peixes teleósteos: teoria e prática. SBI/EDUEM, 169 p., Maringá, 1996.