Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Metamorfoses da Ideologia Docente

DOI: http://dx.doi.org/10.15603/2176-1043/el.v13n21p208-225

https://www.metodista.br/revistas/revistas-ims/index.php/EL/index 

downloadpdf

Silvana T. Ferrarez1 & Décio A. M. Saes2

 

Resumo: Este texto visa investigar as razões ideológicas da difusão crescente, no Brasil atual, de elementos da teoria das inteligências múltiplas, codificada por Howard Gardner (2007), entre os docentes da educação básica. A teoria de Gardner sustenta que, em cada indivíduo, os fatores genético e ambiental se combinam para favorecer o desenvolvimento de uma habilidade específica, por ele reconceituada como “inteligência”. Pesquisa de campo, realizada por um dos autores, com docentes da rede pública estadual revela que a ideia de que todos possuem algum tipo de inteligência, mesmo atletas, músicos ou relações públicas, atrai os professores da educação básica pelo seu caráter relativamente mais “democrático”. Assim, a teoria das inteligências múltiplas aparece como um substitutivo progressista da antiga doutrina das habilidades adquiridas (Galton), que se mostrava altamente elitista ao classificar liminarmente as pessoas em portadoras ou destituídas de “inteligência” (em geral).

Palavras-chave: inteligência, habilidades, genética, ambiente, democracia, elitismo

 

Abstract: The aim of this article is to find the ideological reasons of the growing diffusion, in Brazil, of Gardner`s Theory of Multiple Intelligences among teachers of public schools. Gardner sustains that the connection between genetic factors and environmental factors helps the emergence, in each person, of a particular skill ,which the author calls a “special kind of intelligence”. Answering our questions, some teachers of Brazilian public schools suggested that the theory of multiple intelligences is more democratic and less aristocratic than the old theory of general intelligence. In our point of view, that’s the reason of the diffusion, on the Brazilian public school’s field, of Gardner’s ideas .

Key words: intelligence, skills, genetic, environment, democracy, elitism

 

1 Mestra pelo programa de Mestrado em Educação da Universidade Metodista de São Paulo (2009).
2 Professor titular do programa de Mestrado em Educação da Universidade Metodista de São Paulo.

 

Literatura Citada

BISSERET, Noelle. A ideologia das aptidões naturais. In: José Carlos Garcia Durand (org.). Educação e hegemonia de classe / as funções ideológicas da escola. RJ: Ed. Zahar, 1979.

CLAPARÈDE, Ed. A educação funcional. São Paulo: Companhia Editora Nacional, 1954.

DURAND, J. C. G. Educação e hegemonia de classe: as funções ideológicas da escola. Rio de Janeiro: Ed. Zahar, 1979.

FERNANDES, H. R. Sintoma social dominante e moralização infantil. São Paulo: Ed. EDUSP/ESCUTA 1994.

FERRAREZ, S. T. O professor diante do fracasso escolar: um estudo de caso de ideologia docente. Dissertação de Mestrado / Universidade Metodista de São Paulo, São Bernardo do Campo, 2009.

GARDNER, H. Inteligências múltiplas: a teoria na prática. Porto Alegre: Artmed, 2007.

GARDNER, H. Os burros são raros. Veja: edição 2018, de 25 de julho de 2007.

GUYAU, M. Educação e hereditariedade, Lisboa: Edição da Typografia de Francisco Luiz Gonçalves, 1913.

TORT, M. O quociente intelectual. Lisboa: Editorial Notícias, 1976.