Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

A Ideologia Docente em A Reprodução, de Pierre Bourdieu e Jean-Claude Passeron

DOI: http://dx.doi.org/10.15603/2176-1043/el.v10n16p106-126

https://www.metodista.br/revistas/revistas-ims/index.php/EL/index 

downloadpdf

Décio A. M. Saes1

 

Resumo: Nesse texto procuramos analisar as teses sobre a ideologia docente apresentadas por Bourdieu e Passeron em A reprodução: a) a tese segundo a qual os professores oscilam, na sala de aula, entre a ideologia do dom e a ideologia do mérito pessoal; b) a tese segundo a qual, em última instância, a ideologia do dom tende a predominar sobre a ideologia do mérito pessoal na prática pedagógica. Chegamos à conclusão final de que os dois autores estão errados: a ideologia do mérito pessoal, na medida em que é assumida como discurso oficial pelo aparelho de Estado capitalista, deve consequentemente predominar na sala de aula.

Palavras-chave: A Reprodução – Pierre Bourdieu; ideologia do dom; ideologia do mérito pessoal

 

Abstract: In this text, we try to analyze Bourdieu and Passeron’s thesis on the teaching ideology presented in their work The reproduction: a) the thesis according to which teachers oscillate, in classroom, between the ideology of gift and the ideology of personal merit; b) the thesis according to which the ideology of gift ultimately tends to prevail over the ideology of personal merit in schooling. We come to the final conclusion that both authors are wrong: due to being assumed as the official speech of the capitalist State’s apparatus, the ideology of personal merit must consequently prevail in the classroom.

Key words: The reproduction – Pierre Bourdieu; ideology of gift; ideology of personal merit

 

1 Professor Titular pela UNICAMP; professor no Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Metodista de São Paulo.

 

Literatura Citada 

BADIOU, Alain. De l’ idéologie. Paris: Maspero, 1976.

BOURDIEU, Pierre. A economia das trocas simbólicas. 5. ed. São Paulo: Perspectiva, 2001.

BOURDIEU, Pierre. PASSERON, Jean-Claude. La Reproduction; éléments pour une théorie du système d’enseignement. Paris: Minuit, 1970.

BOURDIEU, Pierre. A reprodução; elementos para uma teoria do sistema de ensino. Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1975.

BOURDIEU, Pierre. Les héritiers; les étudiants et la culture. Paris: Minuit, 1964.

DURAND, José Carlos G. (org.). Educação e hegemonia de classse; as funções ideológicas da escola. Rio de Janeiro: Zahar, 1979.

FREUND, Julien. Sociologia de Max Weber. Rio de Janeiro-São Paulo: Forense, 1970.

ILLICH, Ivan. Sociedade sem escolas. Petrópolis, RJ: Vozes, 1973.

MASSON, Maressa T.C. O perfil ideológico do docente da rede pública estadual; um estudo de caso. São Bernardo do Campo: Umesp, 2007. Dissertação de mestrado em Educação apresentada à Faculdade de Educação e Letras.

TAYLOR, Frederick W. Princípios da administração científica. 7. ed. São Paulo: Atlas, 1976.

WEBER, Max. Ensaios de sociologia. 5. ed. Rio de Janeiro: Guanabara, 1982.