Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Avaliação do Ensino e da Aprendizagem: Uma Proposta de Integração e Parceria Entre Escola e Família

DOI: http://dx.doi.org/10.15599/0104-4834/cogeime.v23n45p117-131

https://www.redemetodista.edu.br/revistas/revistas-cogeime/index.php/COGEIME/index 

downloadpdf

Márcia E. C. Vignoto1

 

Resumo: Quando o tema central de uma reflexão é educação, facilmente encontram-se divergências de pensamento relacionadas aos mais variados aspectos, porém, um deles apresenta unanimidade com relação à complexidade que representa: a avaliação. Este é um tema que desafia a todos que convivem no espaço escolar, como educadores, alunos e familiares, que necessitam acompanhar as conquistas das crianças em termos de aprendizagem. Justamente por representar tamanho desafio é que este processo necessita de estudo e pesquisa por parte dos educadores, objetivando a busca pela capacidade de construir instrumentos de avaliação que possibilitem informar aos envolvidos os aspectos positivos e negativos, visando à retomada das propostas de ensino, a fim de garantir melhor aprendizagem. Diante desta realidade e conscientes do grau de responsabilidade em avaliar o ensino e a aprendizagem, educadores que atuam no Ensino Fundamental I, do Instituto Noroeste de Birigui, Estado de São Paulo/Brasil, elaboraram um instrumento para registro da avaliação processual, denominado Boletim Descritivo, que visa informar todos os objetivos a serem alcançados ao longo de cada bimestre do ano letivo, bem como as conquistas dos alunos em termos de conhecimento relacionados a eles. Para tanto, utiliza-se de uma legenda indicadora de tais conquistas, que facilita a compreensão da comunidade de pais e oportuniza que haja melhor acompanhamento do desenvolvimento dos alunos ao longo do ano letivo. Tal instrumento de registro é, sem dúvida, um diferencial na proposta de avaliação do Noroeste, oportunizando total transparência nos processos de ensino e de aprendizagem.

Palavras-chave: avaliação processual e formativa; boletim descritivo; interação família/escola.

 

Abstrct: When a reflection has the education as the central theme, it is easy to find different thoughts associated to the most diverse aspects, however one of them has unanimously in terms of complexity that it represents: the evaluation. This is a theme that challenges the people who share the school space, the educators, the students and the family, who need to monitor the children’s achievement in terms of learning. That is exactly for posing such a challenge that this process needs the educators to study and research, aiming at the quest for the capability to build assessment tools that allow the involved ones to be informed of the positive and negative aspects, targeting at the reviewing of the teaching proposals, ensuring better learning. Given this reality and aware of the degree of responsibility of evaluating teaching and learning, educators, who act in Basic Education at Instituto Noroeste de Birigui, Estate of São Paulo/Brazil, formulated a tool to record the procedural evaluation called Boletim Descritivo (Descriptive Bulletin), which aim at to inform all the purposes to be achieved throughout each quarter of school year, such as the students achievement in terms of knowledge related to them. For this, we use an achievement indicator caption that makes the comprehension easier to the family and permit a better attendance to the students development during the school year. This instrument of record is, without doubts, a differential to the evaluation proposal at Noroeste, providing opportunities for full transparency in the processes of teaching and learning.

Keywords: procedural and formative evaluation; descriptive bulletin; family/school interaction.

 

1 Possui graduação em Pedagogia pelo Centro Universitário Toledo Araçatuba (1989), pós-graduação pela UNIMEP - Universidade Metodista de Piracicaba e mestrado em Educação pela PUC - Pontifícia Universidade Católica de Campinas (2004). Atualmente é professora titular da FATEB - Faculdade de Ciências e Tecnologia de Birigüi, professora titular da FEA -Fundação Educacional Araçatuba e coordenadora pedagógica do Instituto Noroeste de Birigüi, escola de educação básica do IMED - Instituto Metodista de Educação. E-mail: marcia-elaine@hotmail.com

 

Literatura Citada

FREITAS, LUIZ Carlos de. Avaliação educacional: caminhando pela contramão. Petrópolis: Vozes, 2009.

HOFFMANN, Jussara. Avaliar para promover. Porto Alegre: Mediação, 2001.

KENSKI, Vani Moreira. Avaliação da aprendizagem. In: VEIGA, Ilma Passos de Alencastro (org.). Repensando a Didática. Campinas: Papirus, 1991.

VASCONCELLOS, Celso dos S. Avaliação da aprendizagem – Práticas de mudança: por uma práxis transformadora. São Paulo: Libertad, 2008.

VILLAS BOAS, Benigna M. de Freitas. Virando a escola do avesso por meio da avaliação. Campinas: Papirus, 2008.