Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Verificação da Proporção Áurea em Radiografias Cefalométricas Laterais, de Pacientes Portadores de Classe II de Angle, Antes e Depois do Tratamento Ortodôntico1

DOI: http://dx.doi.org/10.15603/2176-1000/odonto.v15n29p16-24

https://www.metodista.br/revistas/revistas-ims/index.php/O1/index 

downloadpdf

Wilton M. Takeshita2, Edmundo Medici Filho3, Julio C. de M. Castilho4, Luis C. de Moraes3, Mari E. L. de Moraes5 & Lucia Teramoto6

 

Resumo: Pitágoras, um estudioso da matemática, estabeleceu proporções descritas a partir dos padrões de beleza e harmonia estética. Sendo denominada por muitos estudiosos como proporção áurea. A proporção áurea é gerada a partir da proporcionalidade que se expressa pelo número incomensurável 1,618033... (geralmente utilizado 1,618). O estudo deste tema é de interesse das mais variadas áreas, Ortodontia, Cirurgia Bucomaxilofacial, Dentística e Cirurgia Plástica. Ricketts, 1982; Amoric, 1995; Gil, 1999; Gil & Medici Filho, 2002 ao realizarem análises cefalométricas comprovaram a existência da proporção áurea em algumas medidas. Em vista disso nosso trabalho de pesquisa verificou a proporção áurea em radiografias cefalométricas laterais em 37 pacientes portadores de má-oclusão Classe II, antes e depois do tratamento ortodôntico. Concluímos que das 19 razões estudadas, oito diferiram de forma estatística significante, sendo que sete dessas oito, aproximaram do número áureo após o tratamento.

Palavras-chave: Cefalometria, proporção áurea; ortodontia

 

Abstract: Pythagoras, the mathematics studious, established proportions with pattern of the beauty and aesthetic harmony. Being called for many researchers as the golden proportion. The golden proportion is generated from the proportionality that if express for incommensurable number 1,618033... (generally used 1,618). The study of this theme it is the interest of the most varied areas, Orthodontics, Bucomaxilofacial Surgery, Dentistry and Plastic Surgery. Ricketts, 1982; Amoric, 1995; Gil, 1999; Gil & Medici Filho, 2002 when carrying through cephalometric analyses had proven the existence of the golden proportion in some measures. In sight of this work of research verified the golden proportion in the lateral cephalometric radiographic in 37 patients bringer Class II malocclusion, before and after the orthodontic treatment. We conclude that from the 19 studied reasons, eight had differed significant statistics, being that seven of these eight, had approached to the golden number after treatment.

Key words: Cephalometry, golden proportion; orthodontic

 

1 Resumo da Dissertação de Mestrado – Programa em Biopatologia Bucal, Área Radiologia Odontológica da Faculdade de Odontologia de São José dos Campos – UNESP.
2 Aluno de Doutorado do programa em Biopatologia Bucal, Área Radiologia Odontológica da Faculdade de Odontologia de São José dos Campos – UNESP.
3 Professor Titular da disciplina de Radiologia da Faculdade de Odontologia de São José dos Campos –UNESP.
4 Professor Adjunto da disciplina de Radiologia da Faculdade de Odontologia de São José dos Campos – UNESP.
5 Professor Doutor da disciplina de Radiologia da Faculdade de Odontologia de São José dos Campos – UNESP.
6 Professor Assistente Doutor da disciplina de Ortodontia da Faculdade de Odontologia de São José dos Campos – UNESP(Orientação com relação a seleção da amostra).

 

Literatura Citada

AMORIC, M. The golden number: applications to cranio-facial evaluation. Funct Orthod, v.12, n.1, p. 18-21, 24-5, Jan./Feb. 1995.

ARAUJO, E.C.C.B.C. Estudo da proporção áurea por meio de radiografais cefalométricas laterais em indivíduos com oclusão normal, que estão na curva ascendente do surto de crescimento puberal. São José dos Campos, 2003. 91f. Dissertação (Mestrado) – Faculdade de Odontologia de São José dos Campos, Universidade Estadual Paulista

BAKER, B.W.; WOODS, M.G. The role of the divine proportion in the esthetic improvement of patients undergoing combined orthodontic/orthognathic surgical treatment. Int J Adult Orthodon Orthognath Surg, v.16, n.2, p.108-20, nov. 2001.

BAUM, A.T. Orthodontic treatment and the maturing face. Angle Orthod, v.36, n.2, p.121-35, Apr.1966.

GARBIN, A.J.I. Análise das proporções divinas de fibonacci, em telerradiografias de perfil em pacientes dotados de oclusão normal. Piracicaba, 1997. 142f. Dissertação (Mestrado em Ortodontia) - Faculdade de Odontologia de Piracicaba, Universidade Estadual de Campinas.

GHYKA, M. The geometry of life. In:___. The geometry of art and life. New York: Dover, 1977. Cap.6, p.87-110

GIL, C.T.L.A. Estudo da proporção áurea na arquitetura do crânio de indivíduos com oclusão normal, a partir de telerradiografias laterais, frontais e axiais. São José dos Campos, 1999. 183f. Tese (Doutorado Odontologia – Área de concentração Radiologia Odontológica) – Faculdade de Odontologia de São José dos Campos, Universidade Estadual Paulista.

GIL,C.T.A.; MEDICI FILHO, E. Estudo da proporção áurea na arquitetura craniofacial de indivíduos adultos com oclusão normal, a partir de telerradiografias axiais, frontais e laterais. Ortodontia, v.35 p.69-85, abr./jun. 2002.

HOUSTON, W.J.B. The analysis of errors in orthodontic measurements. Am J Orthod, v.83, n.5, p.382-90, May 1983. https://doi.org/10.1016/0002-9416(83)90322-6

INTERLANDI, S. Ortodontia: bases para a iniciação. 4.ed. São Paulo: Artes Médicas, 1999.769p.

JACOBSON, A. Radiographic cephalometry: from basics to videoimaging. Chicago: Quintessence, 1995. 322p.

JOHNSON, J. S. A new approach to cephalometric analysis of the dental base relationship. Angle Orthod, v.48, n.1, p.23-31, Jan.1978.

LANGLADE, M. Diagnóstico ortodôntico. 2.ed. São Paulo: Santos, 2002. 742p.

LEVIN, E. The golden proportion, beauty and dental aesthetics. Disponível em: http://goldenmeangauge.co.uk Acesso em: 19 Dez. 2003.

LOMBARDI, R.E. The principles of visual perception and their clinical application to denture esthetics. J Prosthet Dent, v.29, n.4, p.358-82, Apr. 1973. https://doi.org/10.1016/S0022-3913(73)80013-7

MARTINS, M.V. Avaliação da proporção áurea em indivíduos com oclusão normal, por meio de radiografias cefalométricas laterais. São José dos Campos, 2003. 108f. Dissertação (Mestrado em Biopatologia Bucal Área de concentração – Radiologia Odontológica) – Faculdade de Odontologia de São José dos Campos, Universidade Estadual Paulista.

MOYERS, R.E. Ortodontia – Robert E. Moyers. Rio deJaneiro:Guanabara Koogan, 1991.483p.

NIELSEN I.L. Vertical malocclusions: etiology, development, diagnosis and some aspects of treatment. Angle Orthod, v.61, n.4, p.247-60, Winter.1991. Review.

PECK, H; PECK, S. A concept of facial esthetics. Angle Orthod, v. 40, n.4, p.284-319, Oct. 1970.

PISELLI, L.G.O. Aplicação da proporção áurea na avaliação vertical e horizontal de pacientes com Classe II, 1ºdivisão, submetidosa tratamento ortodôntico. Piracicaba, 2003. 128f. Dissertação (Mestrado em Radiologia Odontológica) - Faculdade de Odontologia de Piracicaba, Universidade Estadual de Campinas.

PRESTON, J.D. The golden proportion revisited. J Esthet Dent, v.5, n.6, p.247-51, Aug.1993. https://doi.org/10.1111/j.1708-8240.1993.tb00788.x

PROFFIT, W.R.; SIELDS JUNIOR, H.W. Ortodontia contemporânea. 2.ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 1995. p.589

RAKOSI, T.; JONAS I.; GRABER T.M. Ortodontia e ortopedia facial. Porto Alegre: Artmed, 1999. p.272

RICKETTS, R.M. Planning treatment on the basic of the facial pattern and estimate of its growth. Angle Orthod, Appleton, v.27, n.1, p.14-37, 1957.

RICKETTS, R.M. A principle of arcial growth of the mandible. Angle Orthod, v.42, n.4, p.366-8, Oct., 1972.

RICKETTS, R.M. The golden divider. J Clin Orthod, v.15, n.11, p.752-9, Nov. 1981.

RICKETTS, R.M. The biologic significance of the divine proportion and Fibonacci series. Am J Orthod, v.81, n.5, p.351-70, May, 1982. https://doi.org/10.1016/0002-9416(82)90073-2

RIEDEL, R.A. The relation of maxillary structures to cranium in malocclusion and normal occlusion. Angle Orthod, v.22, n.3, p.142-5, July 1952

RIEDEL, R.A. An analysis of dento facial relationships. Am J Orthod, v.43, n.2, n.103-19, Feb.1957.

SALGADO et al. Avaliação do ângulo nasolabial, em radiografias cefalométricas laterais, dividido em ângulo superior e inferior, por uma linha paralela ao plano de Frankfort, em indivíduos portadores de má-oclusão Classe II e Classe III de Angle. Cienc Odontol Bras, v.6, n.3, p.40-9, jul./set. 2003.

SILVA, M.A.S. Estudo da proporção divina na arquitetura de crânio de indivíduos com oclusão em Classe II de Angle, a partir de radiografias cefalométricas laterais. São José dos Campos, 2003. 105f. Dissertação (Mestrado em Biopatologia Bucal - Área de concentração em Radiologia Odontológica) – Faculdade de Odontologia de São José dos Campos, Universidade Estadual Paulista.

SNOW, S.R. Esthetic smile analysis of maxillary anterior tooth width: the golden percentage. J Esthet Dent, v.11, n.4, p.177-84 1999. https://doi.org/10.1111/j.1708-8240.1999.tb00397.x

SUGUINO, R. et al. Análise Facial. Rev Dent Press Ortod Ortop, v.1, n.1, p.86-107, set./out. 1996.

TORRES, R. Crescimiento armonioso y la divina proporcion. Divulg Cult Odontol, v.162, p.3-13, mar./abr. 1970.