crosscheckdeposited

“O Olhar de Quem Sabe Amar”: Aspectos da Teologia Ecumênica e Sociopolítica de Milton Schwantes

DOI: http://dx.doi.org/10.15603/2176-3828/caminhando.v17n2p95-106

https://www.metodista.br/revistas/revistas-ims/index.php/CA 

downloadpdf

Claudio O. Ribeiro

 

Resumo: Este ensaio pontua aspectos eventualmente relevantes para futuras pesquisas sobre o pensamento teológico de Milton Schwantes, com destaque para suas reflexões ecumênicas e de ênfases sociais e políticas. Tais reflexões estão articuladas com os esforços exegéticos que o autor efetuou ao longo de sua trajetória como pesquisador. Em torno da participação de Schwantes no Centro Ecumênico de Documentação e Informação (CEDI), em especial os escritos na renomada revista Tempo e Presença, estão indicadas algumas ênfases de seu pensamento, organizadas em três polos importantes para a revisão do método teológico. São eles: a tensão entre os pobres a as instituições eclesiais, a tensão ente as dimensões popular e acadêmica no tocante à leitura bíblica e a tensão entre racionalidade e subjetividade que tem marcado o debate teológico nos dias de hoje.

Palavras-chave: Schwantes; ecumenismo; fé e política; teologia social

 

Abstract: This essay points out some aspects that may be relevant for future research on the theological thinking of Milton Schwantes, especially his reflections on ecumenical, social, and political issues. Such reflections are articulated with the exegetical efforts that the author has made throughout his career as a research professor. Based on the participation of Schwantes in the affords of the Ecumenical Center for Documentation and Information (CEDI), especially those written in the renowned magazine Time and Attendance, (Tempo e presence) are indicated some of his emphasis. They are organized considering three major points for the revision of the theological method: the tension between the poor and the ecclesial institutions, the tension between the popular and academic dimensions of the the Bible reading and the tension between rationality and subjectivity which marks the theological debate today.

Key words: Schwantes, ecumenism, faith and politics, social theology

 

Literatura Citada

MESTERS, Carlos. Deus, onde estás? Belo Horizonte: Ed. Vega, 1971.

SCHWANTES, Milton. Escravidão na Bíblia. In: Tempo e Presença, n. 227, p. 32-34 (1988a).

SCHWANTES, Milton . Afluiu para ele grande multidão. In: Tempo e Presença, n. 228, p. 32-34 (1988b).

SCHWANTES, Milton. Entre vós não será assim. In: Tempo e Presença, n. 234, p. 33-34 (1988c).

SCHWANTES, Milton. Uma Bíblia que inquieta. In: Tempo e Presença, n. 235, p. 33-34 (1988d).

SCHWANTES, Milton . Tudo pelo social? In: Tempo e Presença, n. 239, p. 33-34 (1989a).

SCHWANTES, Milton . No conflito das interpretações. In: Tempo e Presença, n.242, p. 34-35 (1989b).

SCHWANTES, Milton. Toda a criação geme e suporta angústias. In: Tempo e Presença, n. 246, p. 29-30 (1989c).

SCHWANTES, Milton . O direito do órfão. Tempo e Presença, n. 247, p. 33-34 (1989d).

SCHWANTES, Milton. Movimento bíblico e pastoral. Tempo e Presença, n. 253, p. 23-25 (1990).