Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

O Telejornalismo Global e suas Relações Discursivas a Partir de Foucault

DOI: http://dx.doi.org/10.15603/2176-3828/caminhando.v16n2p97-106

https://www.metodista.br/revistas/revistas-ims/index.php/CA 

downloadpdf

Hideíde B. Torres

 

Resumo: Este artigo aborda as relações discursivas entre telejornalismo, religião e ciência, a partir dos enunciados contidos na série especial “Os evangélicos”, levada ao ar pela rede Globo, no Jornal Nacional, entre os dias 26 a 29 de maio de 2009, à luz das obras “A ordem do discurso” e “Arqueologia do Saber”, de Michel Foucault. Temos como método a Análise de Discurso tal como Foucault a propõe. Algumas questões que nos instigam na reflexão são: quais as relações entre o saber religioso e outros saberes em sociedade? Como o discurso jornalístico aborda o saber religioso? Como a voz dos especialistas ganha roteiro neste discurso jornalístico?

Palavras-chave: Discurso; Foucault; telejornalismo; evangélicos; Jornal Nacional.

 

Abstract: This article discusses the discursive relations between TV journalism, religion and science,based on the statements contained in the special series “The Protestants,” produced by Rede Globo and exhibited at the Jornal Nacional, between the 26th and 29th of May 2009, in the light of the books: “The order of Discourse” and “Archaeology of Knowledge”, by Michel Foucault. Our method is the Discourse Analysis suggested by Foucault. Some issues that are compelling in this reflection are: what are the relations between religious knowledge and other forms of knowledge in society? How approaches the journalistic discourse religious knowledge? How the voices of the experts are transformed into the script of the journalistic discourse?

Key words: Discourse; Foucault; TV journalism; Protestants; Jornal Nacional.

 

Literatura Citada

AGUIAR, Leonel Azevedo de. Os valores-notícia como efeitos de verdade na ordem do discurso jornalístico. In: Intercom - Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação, XXX Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação, Santos, 29 de agosto a 2 de setembro de 2007. Disponível em <http://www.intercom.org.br/papers/nacionais/2007/resumos/R0832-2.pdf>. Acesso em: 19 jan. 2011.

ALVARENGA, Lídia. Bibliometria e arqueologia do saber de Michel Foucault: traços de identidade teórico-metodológica. Ci. Inf., Brasilia, v. 27, n. 3, Set. 1998. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-19651998000300002&lng=en&nrm=iso>. Acesso em: 20 jan. 2011.

CASTRO, Edgardo. Vocabulário de Foucault: um percurso pelos seus temas, conceitos e autores (tradução de Ingrid Müller Xavier). São Paulo: Belo Horizonte, 2009.

CORREIA, João Carlos e VIZEU, Alfredo Eurico. A construção do real no telejornalismo: do lugar de segurança ao lugar de referência. In: VIZEU, Alfredo (org.). A sociedade do telejornalismo. Petrópolis: Vozes, 2008.

FILHO, João Freire e MARQUES, Carla. Sob o domínio do medo: a construção de sujeitos temíveis e sujeitos temerosos na mídia. In: COUTINHO, Eduardo Granja, FREIRE FILHO, João e PAIVA, Raquel (org.). Mídia e poder: ideologia, discurso e subjetividade. São Paulo: Mauad X, 2008.

FOUCAULT, Michel. A arqueologia do saber. 6.ed. (tradução de Luiz Felipe Baeta Neves). Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2000.

FOUCAULT, Michel. A ordem do discurso. 5.ed. (tradução de Laura Fraga de Almeida Sampaio). São Paulo: Loyola, 1999.

HAGEN, Sean. Jornalismo, mito e linguagem: uma abordagem teórica dos apresentadores-estrela. In: VIZEU, Alfredo (org.). A sociedade do telejornalismo. Petrópolis: Vozes, 2008, p. 29-45.

PEREIRA, Fabio Henrique. O mundo dos jornalistas: aspectos teóricos e metodológicos. In: Intercom Revista Brasileira de Ciências da Comunicação. V.32, n.2, jul/dez 2009. São Paulo: Intercom, 2009, p. 217-235.

RESENDE, Fernando. O discurso jornalístico contemporâneo: entre o velamento e a produção das diferenças. In: Revista Galáxia, n. 14, p. 81-93, dez. 2007. São Paulo: PUC-SP, 2007.

ROCHA, Simone Maria; ALBUQUERQUE, Carolina Abreu e OLIVEIRA, Renata Carneiro de. Qual é a ‘cara’ da cultura brasileira apresentada pelo Jornal Nacional? O gênero televisivo como estratégia de enunciação. In: Comunicação Midiática: instituições, valores e cultura. Anais do 1º Colóquio em Comunicação e Sociabilidade,

UFMG, 12-14 de novembro de 2008. Disponível em: <http://www.fafich.ufmg.br/cis/pdfs/grispop/ROCHA_simone.pdf>. Acesso em: 20 jul. 2011.