Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Todos a Bordo: Reflexões sobre Uma Escola para Todos

DOI: http://dx.doi.org/10.15600/2238-121X/comunicacoes.v17n2p93-102

https://www.metodista.br/revistas/revistas-unimep/index.php/comunicacao 

downloadpdf

Daniela C. Real1 & Elisabeth Rossetto2

 

Resumo: O presente artigo é um desdobramento da pesquisa A literatura infanto-juvenil nas águas da inclusão escolar: navegar é preciso, que foi realizada no Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, no período de março 2007 a março de 2009. O objetivo da referida pesquisa foi analisar a literatura infanto-juvenil em língua portuguesa, com destaque para os livros cujos personagens são sujeitos com deficiência, a partir da perspectiva da educação inclusiva e da estética da recepção na literatura infanto- juvenil, tratando das articulações e relações existentes entre os elementos constitutivos dos livros (texto verbal e não verbal) por meio de uma abordagem dialógica. Neste estudo, revisou-se as diferentes formas como foram nominadas as pessoas com deficiência ao longo dos anos no Brasil, tendo como base a fala de Januzzi (2005) e os textos de Baptista (2003) e Laclau (2006), entre outros, trazidos na pesquisa citada, o que poderá permitir uma série de conclusões a partir da criacáo da metáfora Um/uma navio/escola para todos.

Palavras-chave: educação especial; inclusão escolar; pessoas com deficiência

 

Abstract: This article is an offshoot of the research A literatura infanto-juvenil nas águas da inclusão escolar: navegar é preciso, developed at the Graduate Program in Education of the Federal University of Rio Grande do Sul, from March 2007 to March 2009. The aim of this study was to analyze children’s literature in Portuguese, with an emphasis on books whose characters are individuals with disabilities from the perspective of inclusive education and the aesthetics of reception in children’s literature, approaching the articulations and relations between the constituent elements of the books (verbal and nonverbal texts) through a dialogic approach. This study revised the different ways by which people with disabilities have been nominated over the years in Brazil, based on the discourse by Januzzi (2005) and texts by Baptista (2003) and Laclau (2006), among others, quoted in the study, which may allow a number of conclusions from the creation of the metaphor a ship / a school for all.

Key words: special education; school inclusion; people with disabilities

 

1 Universidade de Santa Catarina (UFSC) Santa Catarina danicortereal@terra.com.br
2 Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste) - Paraná lisath2006@yahoo.com.br

 

Literatura Citada

BAPTISTA, C. R. Diálogo e contratação na ação educativa: algumas reflexões sobreuma pedagogia das diferenças. Projeto – Revista de Educação: inclusão, Porto Alegre, Projeto, v. 5, n. 7, 2003. p. 25-30.

BAKHTIN, M. (V. N. Volochinov). Marxismo e filosofia da linguagem: problemas fundamentais do método sociológico na ciencia da linguagem. São Paulo: Editora Hucitec, 1995, 7 ed.

BRASIL, 2007. Política Nacional de Educação Especial na Perspectiva da EducaçãoInclusiva. Disponível em: <http://portal.mec.gov.br/seesp/arquivos/pdf/politica.pdf> Acesso em: 02 abr 2012.

EIZIRIK, M, 2006. A travessia da Felicidade. Disponível em: < http://www.projetopassofundo.com.br/principal.php?modulo=5&acao=detalhe&chaveConteudo=12888&nomeConteudo=A%20travessia%20da%20felicidade> Acesso em 02 abr 2012.

FREIRE, Paulo. A escola (poema). Disponível em: <http://www.scrapbookbrasil.com/comunidade/showthread.php?4218-A-Escola-Paulo-Freire> Acesso em 02 abr 2012.

JANUZZI, G. M. A Educação do Deficiente no Brasil: dos primórdios ao início do século XXI. Campinas, SP, 2004.

JANUZZI, G. M. Palestra de Encerramento. In: II Congresso Brasileiro de EducaçãoEspecial e II Encontro da Associação Brasileira de Pesquisadores em Educação Especial. São Carlos, novembro, 2005. Material preservado em gravação de aúdio.

JESUS, E. F. A importância da atividade de vida diária na educação e na reabilitação de deficientes visuais. s.d. Disponível em: <http://200.156.28.7/Nucleus/media/common/Nossos_Meios_RBC_RevMai1996_Artigo4.doc>. Acesso em: 17 abr. 2010.

LACLAU, E. Inclusão, Exclusão e a Construção de Identidades. In: AMARAL JR., A.; BURITY, J. (Org.) Inclusão social, identidade e diferença: perspectivas pós-estruturalistas de análise social. São Paulo: Annablume, 2006. p. 21-66.

REILY, L. Escola Inclusiva: linguagem e mediação. São Paulo: Papirus, 2004. - (Série Educação Especial).

RICKES, S. M. Educação e Inclusão: nós (im)possíveis. In: BAPTSISTA, C. (Org.). Inclusão e escolarização: múltiplas perspectivas. Porto Alegre: Mediação, 2006. p. 45-78.