Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Capacitação Docente para a Comunicação do Conhecimento a Distância: Uma Análise Sobre Produção de Materiais Autodidáticos

DOI: http://dx.doi.org/10.15603/2175-7755/cs.v27n44p37-53

https://www.metodista.br/revistas/revistas-ims/index.php/CSO 

downloadpdf

Josias R. Hack1 & Marcelo M. Foohs2

 

Resumo: O artigo versa sobre uma experiência de capacitação docente em educação a distância no campus de Joaçaba da Unoesc - Universidade do Oeste de Santa Catarina. O programa de treinamento aconteceu no primeiro e segundo semestres de 2003 e 2004, envolvendo 79 docentes de diferentes áreas do saber. A interação entre as partes aconteceu através de aulas presenciais, da Plataforma Unoesc Virtual e do e-mail. As reflexões buscam inicialmente referenciais teóricos comunicacionais e educacionais que vislumbrem a utilização das Tecnologias da Informação e da Comunicação (TIC’s) – como mediatizadoras do acesso ao conhecimento. Em seguida analisa-se a experiência desenvolvida na Unoesc, avaliando-se algumas estratégias utilizadas: interação via e-mail, trabalho com fóruns de discussão on line, manuais passo-a-passo e planejamento e produção de materiais didáticos para EAD. Ao final de cada análise situam-se algumas conclusões advindas dos resultados obtidos com a experiência.

Palavras-chave: Educação a distância – Capacitação docente – Produção de materiais didáticos.

 

Abstract: This article reports the results of a teacher training program in distance learning at Unoesc – Universidade do Oeste de Santa Catarina – in Joaçaba. The training program took place during the first and second semesters of 2003 and 2004, involving 79 faculty members of different areas. The interaction between the instructors and participants was carried out through face-to-face workshops, virtual meetings, and email. The analysis starts with theoretical reflections on communication and education involving the use of instructional technology as a means of access to knowledge. Then, the experience developed at Unoesc-Joaçaba is analysed in relation to some strategies used: interaction via email, discussion forums online, step-by-step manuals, and planning/production of instructional materials for distance learning. At the end of each analysis, some conclusions are drawn based on the results of the experience at Unoesc.

Key words: Distance learning – Teacher training – Production of instructional materials.

 

1 Especialista em Educação a Distância pela Universidade Federal do Paraná(UFPR). Mestre e doutor em Comunicação Social pela Universidade Metodista de São Paulo (Umesp). Professor da Universidade do Oeste de Santa Catarina (Unoesc), em Joaçaba (SC). E.mail: hack@unoescjba.edu.br.
2 Especialista em Produção de Materiais Multimídia para fins educativos pela University of South Florida. Mestre em Língua Inglesa pela UFPR/Michigan State University. Doutorando em Informática na Educação na UFRGS. Professor da Unoesc, em Joaçaba (SC). E.mail: foohs@unoescjba.edu. br

 

Literatura Citada

ALVES, L. e NOVA, C. (orgs.). Educação a distância: uma nova concepção de aprendizado e interatividade. São Paulo: Futura, 2003.

BARKER, F. Integrating computer usage in the classroom curriculum through teacher training. (Ed. D.). Practicum Report, Nova Southeastern University. (ERIC Document Reproduction Service No. ED 372 751). Fort Lauderdale, Florida: NSU Press,1994.

BELLONI, M. L.. Educação a distância. Campinas: Autores Associados, 2001.

CARVALHO, C. P. de e BARBIERI, M. R. Formação de professores em tempos de informática. Revista Comunicação & Educação. São Paulo: Moderna, a. III, n. 9, p.18-22. maio/ago.1997.

GORDON, H. R. D. Analysis of the computer anxiety levels of secondary technical education teachers in West Virginia. (ERIC Document Reproduction Service No ED 357 218). West Virginia: Clearing House, 1993.

HACK, J. R. Novas tecnologias: democratização do acesso ao conhecimento e ensino superior a distância. Revista Roteiro. Joaçaba: Unoesc, v. 27, n. 1, p. 9-26, jan./jun. 2002.

INCONTRI, D. Multimídia na educação. Revista Comunicação & Educação. São Paulo: Moderna, a. III, n. 7, p. 16-20, set./dez. 1996.

KING, P. K. How technology education transforms teachers’ perspectives of their profession. ANNUAL MEETING OF THE AMERICAN EDUCATIONAL RESEARCH ASSOCIATION. Montreal, Canada, April 19-23, 1999. (ERIC Document Reproduction Service No ED 429 586).

LAASER, W. (org.). Manual de criação e elaboração de materiais para educação a distância. Brasília: Editora UnB, 1997.

LITWIN, E. (org.). Educação a distância: temas para o debate de uma nova agenda educativa. Porto Alegre: Artmed, 2001. 

MACLEOD, L. G. & MORRISON, G. R. Narrative versus step-by-step instructions for computer procedures. In: MAUSHAK, N. J. et al. (eds.). Proceedings of selected research and development presentations at the National Convention of the Association for Educational Communications and Technology. p. 255-259. (ERIC Document Reproduction Service No. ED 423 819). St. Louis, Missouri: Maushak, 1998.

MARCHESSOU, F. Estratégias, contextos, instrumentos, fórmulas: a contribuição da tecnologia educativa ao ensino aberto e a distância. Revista Tecnologia Educacional. Rio de Janeiro: ABT, v. 25, n.139, p. 6-15, nov./dez. 1997.

MCNAMARA, S. & PEDIGO, M. L. Development of an individualized computer training model for classroom teachers. Clearinghouse: Teacher Education. (ERIC Document Reproduction Service No. ED 384 596). West Virginia: Clearinghouse,1995.

MORAN, J. M., MASETTO, M. T. e BEHRENS, M. A. Novas tecnologias e mediação pedagógica. 6a. ed. Campinas: Papirus, 2003.

MORRIS, J. M. Computer training needs of older adults. Educational Gerontology, n. 20, v. 6. p. 541-555, 1994. http://dx.doi.org/10.1080/0360127940200601

NISKIER, A. Educação a distância, a tecnologia da esperança: políticas e estratégias para a implantação de um sistema nacional de educação aberta e a distância. 2a. ed. São Paulo: Loyola, 2000.

NOGUEIRA, L. L. Educação a distância. Revista Comunicação & Educação. São Paulo: Moderna, a. II, n.5, p.34-9, jan./abr. 1996.

O’DONNELL, K. Computer laboratory assistant interactions with communication students. ANNUAL MEETING OF THE SPEECH COMMUNICATION ASSOCIATION. Miami Beach, November 18-21, 1993. (ERIC Document Reproduction Service No ED 368 010).

THIRLWAY, M. Writing software manuals. Cambridge, United Kingdom: Prentice-Hall, 1994.

THURLOW, J. P. Teachers as technologists: professional development for technology integration. ANNUAL MEETING OF THE INTERNATIONAL READING ASSOCIATION. San Diego, CA, May 2-7, 1999. (ERIC Document Reproduction Service No ED 429 581).

VAN DER MEIJI, H. A closer look at visual manuals. Journal of Technical Writing and Communication, v. 26, n. 4, p. 371-383, 1996.

VIGNERON, J. A universidade aberta e o trabalhador estudante. In: KUNSCH, Margarida M. Krohling (org.) Comunicação e educação: caminhos cruzados. São Paulo: Loyola, 1986. p.355-359.

VIGNERON, J. e PERROTTI, E. M. B. (orgs.). Novas tecnologias no contexto educacional: reflexões e relatos de experiências. São Bernardo do Campo: Umesp, 2003.

VOPAL, J. R. A study of the correlation between in-house computer training and middle school teacher’s use of computers in the classroom. (ERIC Document Reproduction Service No ED 414 876). New Jersey: 1997.

WEISS, E. H. How to write useable user documentation. 2nd. ed. Phoenix, AZ: Oryx Press, 1991.