Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Cinefilia Contemporânea: a Mostra Internacional de Cinema de São Paulo e seu Público

DOI: http://dx.doi.org/10.15603/2175-7755/cs.v36n1p33-58

https://www.metodista.br/revistas/revistas-ims/index.php/CSO 

downloadpdf

Marina S. Jorge1

 

Resumo: Este artigo tem como objetivo apresentar os resultados de uma pesquisa realizada entre 2010 e 2012 com espectadores da Mostra Internacional de Cinema de São Paulo e metodologicamente inspirada pelo trabalho de Pierre Bourdieu e Alain Darbel, O amor pela arte: os museus de arte na Europa e seu público (2007). Nossa intenção é compreender o “amor pelo cinema” na contemporaneidade ou, em outras palavras, entender como os cinéfilos relacionam-se com a arte que amam em um mundo no qual a sala de cinema perdeu grande parte de sua “aura” e a cinefilia parece estar se manifestando principalmente por meio do home-viewing.

Palavras-chave: cinema. cinefilia. mostra de cinema de São Paulo. público de cinema

 

Abstract: This paper presents the results of a research performed between 2010 and 2012 with members of the audience of the International Film Festival of São Paulo. The research is methodologically inspired by the work of Pierre Bourdieu and Alain Darbel: The love of art: European art museums and their public. Our intention is to understand the contemporary “love of cinema” or, in other words, to understand how film buffs relate to their beloved art in a world where movie theaters have lost much of their “aura” and cinephilia seems to manifest itself primarily through home-viewing.

Key words: cinema. cinephilia. São Paulo Internacional Film Festival. audience

 

1 Socióloga. Doutora em Sociologia pela USP, SP, Brasil. É membro do grupo de pesquisa: Sociologia da Arte e Cinema Latino-Americano e Vanguardas Artísticas – Diálogos entre Construção, Expressão e Espacialidade- pela UNIFESP, Universidade Federal de São Paulo. É professora adjunto III, do departamento de História da Arte, da Escola de Filosofia Letras e Ciências Humanas, da UNIFESP, SP, Brasil. E-mail: marina.soler@unifesp.br Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/5763073820553220

 

Literatura Citada

BALCERZAK, Scott and Sperb, Jason (ed.). Cinephilia in the age of digital reproduction. London e New York: Wallflower Press, 2009.

BEHLIL, M. Cinephilia, Internet and online film communities. In: de VALCK, M.; HAGENER, M. (Eds.). Cinephilia: movies, love and memory. Amsterdam: Amsterdam University Press, 2007.

BOURDIEU, P.; DARBEL, A. O amor pela arte: os museus de arte na Europa e seu público. São Paulo/Porto Alegre: Edusp/Zouk, 2007.

FABE, M. Closely watched films: An introduction to the art of narrative technique. Los Angeles: University of California, 2004.

MORIN, E. O cinema ou o homem imaginário. Lisboa: Moraes, 1970.

ROSENBAUM, Jonathan. DVDs – A New Form of Collective Cinephilia. Cineaste, Summer 2010, pp.15-16.

PANOFSKY, E. Sobre o problema da descrição e interpretação do conteúdo de obras das artes plásticas. In: LICHTENSTEIN, J. A Pintura 8: descrição e interpretação. São Paulo: Editora 34, 2005.

DE VALCK, Marijke; Hagener, Malte (ed.). Cinephilia: movies, love and memory. Amsterdam: Amsterdam University Press, 2005. http://dx.doi.org/10.5117/9789053567692