Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Ensaio sobre Psicologia e Religião: Uma Questão do Olhar

DOI: http://dx.doi.org/10.15603/2176-0969/pi.v14n14p171-180

https://www.metodista.br/revistas/revistas-ims/index.php/PINFOR/index 

downloadpdf

José J. M. Zacharias1

 

Resumo: Psicologia e religião são duas áreas que apresentam íntima relação, principalmente no contexto do atendimento analítico na praxis clínica. A par da história da ciência e sua tradição positivista, a psicologia como ciência tende a excluir a experiência religiosa do paciente ou reduzi-la a influências puramente psicossociais. Isto se deve ao fato de que a psicologia, assim como a cultura contemporânea, atribui o status de verdade aos postulados que podem ser demonstrados nos moldes da metodologia científica convencional. No entanto, a ciência é apenas um dos campos de conhecimento, ao lado da religião, das artes e da filosofia. Nenhum destes campos tem a verdade final. O fenômeno pode ser acessado por diversos olhares a partir destes campos, mas não há a superioridade de um olhar sobre o outro. A experiência da vida humana realiza-se neste quatérnio de campos fenomênicos e o diálogo entre a ciência psicológica e estes outros campos da experiência, via a prática analítica, conduzirá a análise para uma compreensão mais profunda da vida humana.

Palavras-chave: religião, religiosidade, prática analítica, psicologia da religião

 

Abstract: Psychology and religion are two areas that present an intimate relationship in the analytical context of the clinical práxis. According to the positive tradition, Psychology as a branch of science tends to exclude the patient’s religious experiences or to consider them as the sole product of psychosocial influences. In our contemporary culture the status of truth is given just to the postulates that can be demonstrated in a conventional scientific methodology. However, science is one source of knowledge, just as religion, arts and philosophy and none has the ultimate truth. The phenomenon can be accessed by different visions, but there isn’t a better vision. The life experience happens in this quaternary phenomenal field, including Psychological science, Art, Philosophy and Religion and the comprehension of this relation in the process of the analysis will lead to a deeper comprehension of human life.

Key words: religion; religiosity; analytical practice; religion psychology

 

1 Psicólogo, mestre em psicologia escolar e doutor em psicologia social pela USP. Especializado em psicologia junguiana pela Santa Casa de Misericórdia de São Paulo. Analista trainee pelo Instituto de Psicologia Analítica de Campinas – IPAC da Associação Junguiana do Brasil. Autor de obras em tipologia e psicologia da religião. Docente universitário e organista. Contato: zacharias@terra.com.br

 

Literatura Citada

FOUCAULT, M. História da loucura. São Paulo: Perspectiva, 1972.

JUNG, C. G. A natureza da psique. CW v. VIII. Petrópolis: Vozes, 1991.

JUNG, C. G. Memórias, sonhos, reflexões. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1975.

JUNG, C. G. Presente e futuro. CW v. X. Petrópolis: Vozes, 1988.

JUNG, C. G. Psicologia da religião oriental e ocidental. CW v. XI. Petrópolis: Vozes, 1980.

JUNG, C. G. Psicologia do inconsciente. CW v. VII. Petrópolis: Vozes, 1987.

ZACHARIAS, J. J. M. Ori axé, a dimensão arquetípica dos orixás. São Paulo: Vetor, 1998.