Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Análise Clínica da Avaliação Cognitiva de Crianças com Inibição Intelectual

DOI: http://dx.doi.org/10.15603/2176-0969/pi.v12n12p53-71

https://www.metodista.br/revistas/revistas-ims/index.php/PINFOR/index 

downloadpdf

Maria S. L. Paulo1

 

Resumo: O objetivo principal deste estudo foi investigar a relação dos distúrbios emocionais com as dificuldades de aprendizagem escolar em crianças com inteligência normal, por meio de uma avaliação compreensiva integrando o funcionamento intelectual e a organização da personalidade. A fundamentação teórica psicanalítica sustenta que processos psíquicos patológicos podem diminuir a função da curiosidade e causar sintomas de inibição intelectual. O presente estudo utilizou o WISC III e o CAT-A em cinco crianças, de 8 a 10 anos, encaminhadas à avaliação psicológica devido a dificuldades de aprendizagem escolar. O resultado do WISC-III revelou nível intelectual médio-superior. A avaliação qualitativa mostrou oscilação interna entre os subtestes e desempenho instável indicando a presença de fatores emocionais interferindo nos processos cognitivos. A análise do CAT revelou principalmente produção empobrecida, fragilidade das funções egóicas, mecanismos de defesa imaturos e dificuldades na elaboração de conflitos. Os distúrbios presentes indicam um bloqueio temporário que interfere em sua habilidade de utilizar o potencial intelectual na aprendizagem. A produção do CAT também foi utilizada como procedimento facilitador das intervenções do psicodiagnóstico interventivo.

Palavras-chave: Psicodiagnóstico compreensivo. Inteligência. WISC II. Técnicas projetivas. Psicanálise

 

Abstract: The purpose of this research was to investigate the emotional disturbances of normal intelligence children who suffer from learning disabilities. The psychoanalytical approach sustains that psychopathology can reduce curiosity and the intellect. Through a comprehensive assessment of intellectual functioning and personality organization, this study used the WISC III and the CAT-A to assess five children, with their age ranging from 8 to 10, and all referred to be psychologically evaluated due to difficulties in leaning at school. The WISC III results revealed intellectual level high average, with sufficient learning resources. The qualitative evaluation showed oscillation between the subtests and unstable performance, indicating interference of the emotional aspects in the cognitive processes. The analysis of the CAT-A showed diminished production, frailties of the ego’s functions, immature defense mechanisms and incapability of solving conflicts. The emotional disturbances indicate a temporary inefficiency of mental functions that interfere with the children’s academic capacity and achievement. The histories obtained by CAT-A were also used as contact facilitators and mediators of the intervening work.

Key words: Comprehensive assessment. Intelligence. WISC-III. Projectives techniques. Psychoanalysis

 

1 Psicóloga, doutora em Psicologia pela Universidade de São Paulo (USP), docente do Curso de Graduação em Psicologia da Universidade Metodista de São Paulo (Umesp)

 

Literatura Citada

ARZENO, M. E. Psicodiagnóstico clínico: novas contribuições. Porto Alegre: Artes Médicas, 1995. p. 127-147.

BENCZIK, E. B. P. Crianças com Transtorno de Déficit de Atenção/Hiperatividade: um estudo dos aspectos psicodinâmicos a partir de Teste de APERCEPÇÃO INFANTIL – CAT-A. 2005. Tese (Doutorado) – Instituto de Psicologia, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2005.

COOPER, S. The clinical use and interpretation of the Wechsler Intelligence Scale for children – Third Edition. Springfield: C. Thomas Publisher, 1995.

FERNANDEZ, A. A inteligência aprisionada: abordagem psidopedagógica clínica da criança e sua família. 2. ed. Porto Alegre: Artes Médicas, 1991.

FIGUEIREDO, V. L. M. WISC III - Manual da Escala de Inteligência Wechsler para Crianças. Adaptação de uma amostra Brasileira. 3. ed. São Paulo: Casa do Psicólogo, 2002.

HIRSCH, S. B. O Teste de Apercepção Infantil (CAT) de L. e S. Bellak. In: OCAMPO, M. L. S. et al. O processo psicodiagnóstico e as técnicas projetivas. 8. ed. São Paulo: Martins Fontes, 1995. p. 147-166.

HIRSCH, S. B.; VERTHELYI, R. F.; RODRÍGUEZ, F. M. El CAT en el psicodiagnostico de niños. 2. ed. Buenos Aires: Nueva Vision, 1984.

KLEIN, M. Uma contribuição à teoria da inibição intelectual. In: ______. Contribuições à Psicanálise. São Paulo: Mestre Jou, 1981. (Original de 1931).

MIRANDA, A. C.; GOMES, G. M.; FURTADO, M.; FIGUEIREDO; V. L. Perfil intelectual de crianças com dificuldades de aprendizagem, avaliado pelo Teste WISC-III: um estudo exploratório. In: Congresso Nacional da Soc IEDADE Bras ILEIRA de Rorschach e Métodos Projetivos , 3., 2004. Anais ... Porto Alegre: Sociedade Brasileira de Rorscharch, 2004. p. 132.

OLIVEIRA, L. G. M.; SANTIAGO, M. D. E. Abordagem clínica da inteligência. In: ANCONA-LOPEZ, M. (Org.). Avaliação da inteligência I. São Paulo: EPU, 1987. p. 96-108.

PAIN, S. Diagnóstico e tratamento dos problemas de aprendizagem. Porto Alegre: Artes Médicas, 1985.

PAULO, M. S. L. L. A Influência dos aspectos emocionais nos distúrbios de Aprendizagem escolar. 1998. Dissertação (Mestrado) – Instituto de Psicologia, Universidade de São Paulo, São Paulo, 1998.

PAULO, M. S. L. L. Depressão e psicodiagnóstico interventivo: proposta de atendimento. São Paulo: Vetor, 2005.

SAFRA, G. A Escala Wechsler para crianças-WISC. In: ANCONA-LOPEZ, M. (Org.). Avaliação da inteligência II. São Paulo: EPU, 1987. p. 106-34.

SOUZA, A. S. L. A Entrevista familiar diagnóstica como instrumento auxiliar no estudo da influência dos psicodinamismos da família em crianças com inibição intelectual. 1993. 270 f. Tese (Doutorado) – Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 1993.

TARDIVO, L. S. P. C. Teste de Apercepção Infantil com Figuras de Animais (CAT-A) e Teste das Fábulas de Duss: estudos normativos e aplicações no contexto das técnicas projetivas. 1992. 2 v. Tese (Doutorado) – Instituto de Psicologia, Universidade de São Paulo, São Paulo, 1992.

TARDIVO, L. S. P. C.; PAULO, M. S. L. L. Estudo da dinâmica emocional de meninos com dificuldades de aprendizagem através das pranchas 5, 6 e 7 do CAT-A. Revista Marco, São Paulo, v. 6, p. 35-46, 1992.

TARNOPOLSKY, B. E. E. As técnicas projetivas no diagnóstico das dificuldades de aprendizagem. In: OCAMPO, M. L. S. et al. O processo psicodiagnóstico e as técnicas projetivas. 8. ed. São Paulo: Martins Fontes, 1995. p. 395-418.

VERTHELYI, R. F. Temas en evaluación psicológica. Buenos Aires: Lugar Editorial, 1993.

WINNICOTT, D. W. Consultas terapêuticas em psiquiatria infantil. Rio de Janeiro: Imago, 1984. (Original de 1971).

WINNICOTT, D. W. O gesto espontâneo. São Paulo: Martins Fontes, 1990. (Original de 1987).

YOSHIDA, E. M. P. Questões metodológicas e éticas da pesquisa em clínicas-escola. In: Encontro de Serviços -Escolas de Psicologia do Estado de São Paulo : Perspectivas Clínicas : Desafios e Articulações , 16., 2008. Anais... São Paulo: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, 2008.