Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

O Desafio do Pedagogo nos Espaços de Educação Não Formal

DOI: http://dx.doi.org/10.15603/1982-8993/ml.v4n2p131-133

https://www.metodista.br/revistas/revistas-ims/index.php/ML/index 

downloadpdf

Tatiane F. W. Meireles

 

Literatura Citada

AFONSO, Almerindo Janela. A crise da escola e a educação não-escolar. In: Jornal A Página da Educação, ano 11, n. 10, março de 2002, p. 27. Disponível em: <http://www.a-pagina-da-educacao.pt/>. Acesso em: 12/10/2009.

AFONSO, Almerindo Janela. Sociologia da Educação não-escolar: reactualizar um objecto ou construir uma nova problemática? In: Esteves, J. e Stoer, S. R. (orgs.). A sociologia na escola: professores, educação e desenvolvimento. Porto: Afrontamento, 1992.

AFONSO, Almerindo Janela. Os lugares da educação. In: SIMSON, O. R. de M.; VON PARK, M. B.; FERNANDES, R. S. (orgs.). Educação não-formal – cenários da criação. Campinas, SP: Editora da Unicamp/ Centro de Memória, 2001. ALBUQUERQUE, Antônio Carlos Carneiro de. Terceiro setor: história e gestão das organizações. São Paulo: Summus, 2006.

BARROS, V. C.; SANTOS, I. M. dos. Além dos muros da escola: a educação não formal como espaço de atuação da prática do pedagogo. Disponível em: <http://dmd2.webfactional.com/media/anais/ALEM-DOS-MUROS-DA-ESCOLA-A-EDUCACAO-NAO-FORMAL-COMO-ESPACO-DE-ATUACAO-DA-PRATICA-DO-PEDAGOGO.pdf>. Acesso em: 02/03/2011.

BRANDÃO, Carlos Rodrigues. O que é educação? São Paulo: Brasiliense, 1995.

BRASIL. Ministério da Educação. Conselho Nacional de Educação. Conselho Pleno. Resolução CNE/CP n. 5, de 13 de dezembro de 2005. Diretrizes Curriculares Nacionais para o Curso de Pedagogia. Disponível em: <http://portal.mec.gov.br/cne>. Acesso em: 13 out. 2009.

BRASIL. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional: Lei n. 9394, de 20 de dezembro de 1996. Rio de Janeiro: Casa Editorial Pargos, 1997.

DELORS, J. Educação: um tesouro a descobrir. 2a. ed. São Paulo: Cortez, 2003.

DURAN, Marília Claret Geraes & SANTOS NETO, Elydio. Processos formativos em narrativas de educadores no campo da educação não escolar. VI Encontro de Pesquisa em Educação da Região Sudeste: Política, Conhecimento e Cidadania, 2004.

FERNANDES, R. S.; GARCIA. V. A. Educação não-formal: campo em formação. Disponível em: <http://revistajuridica.uniube.br/index.php/rpd/article/viewFile/94/101>. Acesso em: 08/04/2001.

FIREMAM, M. D. O trabalho do pedagogo na instituição não escolar. 2006. 116 s. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal de Alagoas, Maceió, 1985.

GADOTTI, Moacir. A questão da educação formal/não-formal. Sion: Institut Internacional des Droits de 1º Enfant, 2005.

GARCIA, V. A. O papel do social e da educação não-formal nas discussões e ações educacionais. Disponível em: <http://www.am.unisal.br/pos/stricto-educacao/pdf/mesa_8_texto_valeria.pdf>. Acesso em: 12/03/2011.

GARCIA, V. A. A educação não-formal e a questão social. 2º. Seminário Nacional Estado e Políticas Sociais no Brasil (UNIOSTE). Disponível em: <http://cac-php.unioeste.br/projetos/gpps/midia/seminario2/trabalhos/educacao/medu05.pdf>. Acesso em: 14/04/2011.

GOHN, Maria da Glória. Educação não-formal e cultura política. 4a. ed. São Paulo: Cortez, 2008.

GOHN, Maria da Glória. Educação Não-formal, participação da sociedade civil e estruturas colegiadasnas escolas. Ensaio: Avaliação de Políticas Públicas. Educ. Rio de Janeiro, v. 14, n. 50, p. 27-38, jan./mar.: 2006.

LIBÃNEO, José Carlos. Pedagogia e pedagogos, para quê? 4a. ed. São Paulo: Cortez, 2001.

QUINTEIRO, Eudosia Acuña. Um sensível olhar sobre o terceiro setor. (org.). São Paulo: Summus, 2006.

TRILLA, Jaume. Educação formal e não-formal: pontos e contrapontos. (org.). São Paulo: Summus, 2008.

ZUCCHETT, D. T.; MOURA, E. P. G. Educação não escolar e universidade: necessárias interlocuções para novas questões. Disponível em: <http://www.anped.org.br/reunioes/30ra/trabalhos/GT06-3417--Int.pdf>. Acesso em: 12/03/2011.