Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Novas Mídias e Partidos Políticos: Ação Política das Instituições Partidárias Brasileiras na Internet

DOI: http://dx.doi.org/10.15603/2176-0934/aum.v17n17p209-221

https://www.metodista.br/revistas/revistas-ims/index.php/AUM/index 

downloadpdf

Leonardo C. Rocha1 & Sérgio S. Braga2

 

Resumo: Este trabalho tem como objetivo elaborar um modelo de análise com o intuito de compreender em que sentido os partidos políticos brasileiros estão utilizando seus websites e páginas nas redes sociais em períodos não-eleitorais. A importância deste estudo tem base no crescimento do papel da internet dentro do processo comunicativo algo que deve ser considerado pelos partidos, ainda mais em um contexto de falta de legitimidade destes junto à população. Para tanto nos referenciaremos no trabalho de mesmo teor de Silva (2012), tendo como norte quatro dimensões de análise: difusão da informação, mobilização, interação e sofisticação, submetendo dois partidos de diferentes configurações à análise. Os resultados apontam para uma utilização voltada à difusão da informação e poucas diferenças de uso entre partidos e ferramentas estudadas.

Palavras-chave: Partidos políticos; Internet; TICs; Websites; Redes Sociais

 

1 Mestrando do Programa de Pós-Graduação em Ciência Política da Universidade Federal do Paraná. Integrante do grupo de pesquisa Instituições, Comportamento Político e Novas Tecnologias (GEIST) da UFPR. Bolsista da Capes.
2 Doutor em Desenvolvimento Econômico pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e Professor da Universidade Federal do Paraná (UFPR).

 

Literatura Citada

BACHINI, N. ; PENTEADO, C. ; MARTINHO, S. ; AVANZI, C. . Curtiu? O uso do Facebook nas eleições municipais de São Paulo em 2012. In: V Congresso da Compolítica, 2013, Curitiba. Anais do V Congresso da Compolítica. Curitiba: 2013. Disponível em: http://www.compolitica.org/home/wp-content/uploads/2013/05/GT04-Internet-e-politica-NatashaBachini.pdf. Acesso em: 15 set, 2013.

BRAGA, S. S.; BECHER, A. R. O uso das mídias sociais é um bom preditor do sucesso eleitoral dos candidatos? Uma análise das campanhas on-line dos vereadores das capitais das regiões sul, sudeste, e nordeste do Brasil no pleito de outubro de 2012. In: V Congresso da Associação Brasileira de pesquisadores em Comunicação e Política (Compolitica), 2013, Curitiba. Anais do V Congresso da Associação Brasileira de Pesquisadores em Comunicação e Política (Compolitica). Curitiba: 2013.

BLANCHARD, G. O uso da internet a serviço da comunicação do partido. Líbero, São Paulo, n.18, p. 9-19, dez. 2006.

BRAGA, Sérgio Soares; FRANÇA, Andressa Silvério Terra ; NICOLAS, María Alejandra . Os partidos políticos brasileiros e a internet: uma avaliação dos websites dos partidos políticos do Brasil. Revista de Sociologia e Política, Curitiba, v. 17, p. 183-208, 2009. http://dx.doi.org/10.1590/S0104-44782009000300013

BRAGA, M. S. S.; PIMENTEL, J. Jr. Os partidos políticos brasileiros realmente não importam? Opinião Pública, Campinas, vol. 17, nº 2, p.271-303, nov. 2011. http://dx.doi.org/10.1590/S0104-62762011000200001

BUDGE, I. The New Challenge of Direct Democracy. Oxford : Polity, 1996.

CASTELLS, M. A galáxia internet: reflexões sobre a internet, os negócios e a sociedade. Rio de Janeiro: Zahar, 2003.

COSTA, M. I. S.; RAMIREZ, P. Espaços e Fronteiras na Política Brasileira: site/territórios dos partidos políticos. In: Congresso Anual da Associação Brasileira de Pesquisadores de Comunicação e Política, 2006, Salvador. Anais do Congresso Anual da Associação Brasileira de Pesquisadores de Comunicação e Política. Salvador: 2006, p.21.

DADER, José Luis. Ciberpolítica en los websites de partidos Políticos: la experiencia de las elecciones de 2008 en españa ante las tendencias transnacionales. Revista de Sociologia e Polítítica, Curitiba, v. 17, n. 34, p. 45-62, out. 2009. http://dx.doi.org/10.1590/S0104-44782009000300005

DALTON, R.; WATTENBERG, M. Parties Without Partisans: Political Change in Advanced Industrial Democracies. Oxford: Oxford University. 2000.

EISENBERG, J. Internet, Democracia e República. Revista Dados, Rio de Janeiro, v. 46, n. 03, p.491- 511, 2003.

GIBSON, R.; WARD. S. Proposed Methodology for Studying the Function and Effectiveness of Party and Candidate Web Sites. Social Science Computer Review. Fall. vol. 18. n. 3. p. 301-319. 2000.

GIBSON, R.; NIXON P.; WARD S.; Political Parties and the Internet: Net gain?. London and New York: Routledge, 250 p. 2003. http://dx.doi.org/10.4324/9780203391419

GOMES, Wilson; FERNANDES, Breno; REIS, Lucas; SILVA, Tarcizio. “Politics 2.0”: a campanha on-line de Barack Obama em 2008. Revista de Sociologia e Política. Curitiba. v. 17, n. 34, p. 29-43, out. 2009.

LYNCH, K.; HOGAN, J. How Irish Political Parties are Using Social networking Sites to Reach Generation Z: An insight into a new online social network in a small democracy. Irish Communications Review. Dublin. vol. 13. 2012. Disponível em: http://dit.ie/icr/media/diticr/documents/6%20Lynch. pdf. Acesso em: 04 jun, 2013.

MARGOLIS, Michael; RESNICK, David. Politics as Usual: The “Cyberspace Revolution”. Thousand Oaks, CA: Sage Publications, 2000. 246 pp.

MARQUES, Francisco Paulo Jamil Almeida. Sobre a comunicação político-partidária na Internet: um estudo dos informativos digitais do PT e do PSDB. Revista Galáxia. São Paulo, n.10, p. 129-146, dez. 2005.

MARTINS, Adriane Figuerola. Modelo organizacional de partidos políticos na Internet: Um estudo sobre o Partido dos Trabalhadores. In: IV Encontro da Compolítica, 2011, Rio de Janeiro. Anais do IV Encontro da Compolítca. Rio de Janeiro: Compolítca, 2011. Disponível em: http://www.compolitica.org/home/wp-content/uploads/2011/03/AdrianeMartins.pdf. Acesso em: 14 set, 2013.

NORRIS, P. Virtual Circle. Cambridge: Cambridge University Press, 2000. http://dx.doi.org/10.1017/CBO9780511609343

NORRIS, P. Preaching to the converted? Pluralism, participation and party websites. Party Politics, v.9 n.1 p. 21-45, 2003. http://dx.doi.org/10.1177/135406880391003

PADRÓ-SOLANET, Albert; CARDENAL, A. S. Partidos y política en Internet: Un análisis de los websites de los partidos políticos catalanes. Revista de Internet, Derecho y Política. n. 6. p. 46-64, 2008.

PENTEADO, Claudio L. de Camargo. Facebook e campanha eleitoral digital. Revista Em Debate. Belo Horizonte: v.4, n.4, p.41-53, jul. 2012.

RAMO, Joaquim Lopez del. Típologia, visibilidad y funcionamiento de los recursos participativos en los sites de los partidos políticos portugueses: análisis preliminar. In: SERRA, Paulo; CAMILO, Eduardo;

GONÇALVES, Gisela (orgs.). Participação Política e Web 2.0. Covihão: LabCom Books, 2013, pp. 243-272.

ROCHA, L. C.; NICOLAS, M. A. Juventudes partidárias e internet: Repertórios de ação política nos websites das juventudes partidárias do Paraná. V Congresso da Associação Brasileira de Pesquisadores em Comunicação Política – COMPOLITICA. 2013, Curitiba. In: Anais do V Congresso da Associação

Brasileira de Pesquisadores em Comunicação Política – COMPOLITICA. Curitiba: Compolitica, 2013. Disponível em: http://www.compolitica.org/home/wp-content/uploads/2013/05/GT-06-Cultura-pol%C3%ADtica-comportamento-e-opini%C3%A3o-p%C3%BAblica-Leonardo-Caetano-da-Rocha.pdf. Acesso em: 30 ago, 2013.

ROMMELE, A. Political Parties, Party Communication and New Information and Communication Technologies. Party Politics, London, v. 9, n. 1, p. 7-20, 2003. http://dx.doi.org/10.1177/135406880391002

SANTANA, Cátia Teresa Azevedo. A comunicação digital partidária em períodos não eleitorais. 2012, p. 123. Dissertação (Mestrado em Ciências da Comunicação) – Universidade do Porto, 2012.

SILVA, C. A comunicação partidária online: Os websites num contexto não eleitoral. 2012, p. 113. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) – Universidade de Aveiro, 2012.

VACCARI, Cristian. Research Note: Italian Parties Websites in the 2006 Elections. European Journal Communication. Los Angeles, London, New Delhi and Singapore, v. 23 , n. 1, p.69-77, 2008.

TEIXEIRA, J. A. Militância Virtual? Organizações de Juventudes Partidárias na Rede Mundial de Computadores. 33º Encontro da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em /Ciências Sociais (ANPOCS), 2009, Caxambu. In: Anais do 33º Encontro da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em /Ciências Sociais (ANPOCS). 2009, Caxambu, 2009, p. 28.