Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

História, Marxismo e Questão Social: Um Diálogo com Max Weber e Karl Marx

DOI: http://dx.doi.org/10.15601/1983-7631/rt.v2n3p61-73

http://www3.izabelahendrix.edu.br/ojs/index.php/tec 

downloadpdf

Daniela O. R. Passos1

 

Resumo: O campo de investigação tanto de Karl Marx quanto de Max Weber é o mesmo, ou seja, ambos estudam o caráter “capitalista” da moderna economia e sociedade, isto é, o capitalismo industrial e os desenvolvimentos sociais advindos deste. Porém, suas análises conclusivas são diferenciadas, e porque não, opostas. Marx via a ideologia como uma variável dependente no processo de transformação social. Weber, ao contrário, procurou mostrar que o caráter ideológico não deriva automaticamente da posição social, mas constitui um meio para explicar esta posição. Assim, conforme o exposto, o objetivo deste ensaio é o de tentar explicar os principais aspectos dos estudos de Max Weber e Karl Marx – um possível diálogo entre eles e suas principais diferenças - além de procurar entender a questão social nas obras de ambos.

Palavras-chave: Karl Marx; Max Weber; socialismo; economia; sociedade.

 

Abstract: The field of inquiry in such a way of Karl Marx how much of Max Weber it is the same, that is, both study “the capitalist” character of the modern economy and society, that is, the industrial capitalism and the happened social developments of this. However, its conclusive analyses are differentiated, and because not, opposing. Marx saw the ideology as a dependent variable in the process of social transformation. Weber, in contrast, looked for to show that the ideological character not drift automatically of the social status, but constitutes a way to explain this position. Thus, as the displayed one, the objective of this assay is to try to explain the main aspects of the studies of Max Weber and Karl Marx - a possible dialogue between them and its main differences - beyond looking for to understand the social matter in the workmanships of both.

Keywords: Karl Marx; Max Weber; socialism; economy; society

 

1 Mestranda em História pela Universidade Federal de Ouro Preto. Instituto de Ciências Humanas e Sociais

 

Literatura Citada

ANDRADE, Régis de Castro. Kant: a liberdade, o indivíduo e a república. In: WEFFORT, Francisco C. (Org.). Os clássicos da política. S.P.: Ática, 1989. v. 2, Cap. 3, p. 47-83/88-99 (inclusive extratos).

BERNSTEIN, Eduard. Socialismo Evolucionário. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed.: Instituto Teotônio Vilela, 1997. Primeira Parte: As doutrinas fundamentais do socialismo marxista. p. 31-46.

BIRNBAUM, Norman. Interpretações conflitantes sobre a gênese do capitalismo: Marx e Weber. In: GERTZ, René (org.). Marx Weber e Karl Marx. 2.ed. São Paulo: Hucitec, 1997. p.99-119.

COHN, Gabriel (org.). Weber. São Paulo: Ática, 1991. Introdução: p. 7-36.

COLLIOT-THÉLÈNE, Catherine. Max Weber e a história. São Paulo: Brasiliense, 1995. Cap. 2: Max Weber e o Marxismo. p. 39-72.

ENGELS, Friedrich. Carta a Bloch, 21/09/1890. In: MARX, Karl.; ENGELS, Friedrich. Obras escolhidas de Marx e Engels. São Paulo: Alfa-Ômega 1975. 3 V.

ENGELS, Friedrich. A situação da classe trabalhadora na Inglaterra. São Paulo: Global, 1985.

ENGELS, Friedrich; MARX, Karl. O manifesto do partido comunista. 13. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1998.

GERTZ, René (org.). Marx Weber e Karl Marx. 2.ed. São Paulo: Hucitec, 1997.

GIDDENS, Anthony. Marx, Weber e o desenvolvimento do capitalismo. In: GERTZ, René (org.). Marx Weber e Karl Marx. 2.ed. São Paulo: Hucitec, 1997. p.120-145.

HOBSBAWM, Eric. Sobre História. São Paulo: Cia das Letras, 1998. Cap. 10: O que os historiadores devem a Karl Marx? Cap. 11: Marx e a história. p.155-184.

LEFORT, Claude. As formas da história. 2.ed. São Paulo: Brasiliense, 1990. Cap. 11: Marx, de uma visão da história a outra. p. 211-250.

LÖWITH, Karl. Max Weber e Karl Marx. In: GERTZ, René (org.). Marx Weber e Karl Marx. 2.ed. São Paulo: Hucitec, 1997. p.17-31.

MARX, Karl. Introdução à crítica da filosofia do direito de Hegel. In:________________. A questão judaica. Rio de Janeiro: Laemmert, 1969.

MARX, Karl. O dezoito brumário de Luiz Bonarparte. In: MARX, Karl.; ENGELS, Friedrich. Obras escolhidas de Marx e Engels. São Paulo: Alfa-Ômega 1975. p. 199-285.

MOMMSEN, Wolfgang. Capitalismo e socialismo: o confronto com Karl Marx. In: GERTZ, René (org.). Marx Weber e Karl Marx. 2.ed. São Paulo: Hucitec, 1997. p.146-178.

REIS, José Carlos. A história entre a filosofia e a ciência. São Paulo: Ática, 1996. Cap. 3: O marxismo. p. 40-53.

SWEDBERG, Richard. Max Weber e a idéia de sociologia econômica. Rio de Janeiro:

Editora UFRJ; São Paulo: Beca Produções Culturais, 2005. 21-106.

WEBER, Max. Introducción metodologica. In:_______. Sociologia del trabajo industrial. Madri: Trotta, 2001.

WEBER, Max. As causas sociais do declínio da cultura antiga. In: COHN, Gabriel (org.). Weber. São Paulo: Ática, 1991. p. 37-57.

WEBER, Max. A “objetividade” do conhecimento nas ciências sociais. In: COHN, Gabriel (org.). Weber. São Paulo: Ática, 1991. p. 79-127.

ZANDER, Jürgen. O problema do relacionamento de Max Weber com Karl Marx. In: GERTZ, René (org.). Marx Weber e Karl Marx. 2.ed. São Paulo: Hucitec, 1997. p.70-98.