Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Apontamentos Sobre as Práticas Corporais como Manifestação de Lazer na Contemporaneidade

DOI: http://dx.doi.org/10.15600/2236-9767/impulso.v24n61p7-16

https://www.metodista.br/revistas/revistas-unimep/index.php/impulso/index 

downloadpdf

Cinthia L. da Silva1 & Emerson L. Velozo2

 

Resumo: Este artigo tem como objetivo analisar as práticas corporais como manifestação de lazer na contemporaneidade. Aspectos característicos da contemporaneidade, como o individualismo e o excesso, transformam-se em elementos que alteram as relações dos indivíduos com as práticas corporais. Como procedimento metodológico, foi realizada revisão de literatura, a partir de autores da Educação Física e do lazer. Chegou-se à conclusão de que é necessária uma profunda reflexão sobre a lógica que orienta os sujeitos na contemporaneidade e que provoque revisão dos valores e sentidos sobre as práticas corporais.

Palavras-chave: educação física e treinamento; corpo humano; atividades de lazer; cultura.

 

Abstract: This study aims at analyzing body practices as manifestations of leisure in contemporary times. Some characteristic features, as individualism and excessive behavior, have become elements that alter the way individuals relate to body practices. The methodological procedure consisted of literature review from authors of Physical Education and Leisure. As a result, we conclude that it is important to perform a deeper reflection on the logic that guides the subjects in contemporary times, in order to trigger a revision of values and meanings about body practices.

Key words: physical education and training; human body; leisure activities; culture.

 

1 Universidade Metodista de Piracicaba (Unimep) cinthialsilva@uol.com.br.
2 Universidade Estadual do Centro-Oeste (Unicentro) emersonvelozo@yahoo.com.br.

 

Literatura Citada

BRACHT, V. Sociologia crítica do esporte: uma introdução. 3. ed. Ijuí: Unijuí, 2005.

CAMARGO, L. O. L. O que é lazer? São Paulo: Círculo do Livro, 1986. (Coleção Primeiros Passos, v. 2)

DUMAZEDIER, J. Valores e conteúdos culturais do lazer. São Paulo: Sesc, 1980.

HARVEY, D. A condição pós-moderna: uma pesquisa sobre as origens da mudança cultural. São Paulo: Loyola, 1989.

FALEIROS, M. I. L. Repensando o lazer. Perspectivas, v. 3, p. 51-65, 1980.

ISAYAMA, H. F. Recreação e lazer como integrantes dos currículos de graduação em Educação Física. 2002. Tese (Doutorado em Educação Física) – Programa de Pós Graduação em Educação Física, Universidade de Campinas, Campinas, São Paulo.

LAZZAROTTI FILHO, A. et al. O termo práticas corporais na literatura científica brasileira e sua repercussão no campo da Educação Física. Movimento, Porto Alegre, v. 16, n. 1, p. 11-29, 2010.

LIPOVETSKY, G. Os tempos hipermodernos. São Paulo: Barcarolla, 2004.

LYOTARD, J-F. A condição pós-moderna. 7 . ed. Rio de Janeiro: José Olympio, 2002.

MARCELLINO, N. C. Lazer e educação. Campinas: Papirus, 1987.

ORTIZ, R. Um outro território: ensaios sobre a mundialização. 2. ed. São Paulo: Olho D’água, 1999.

SCHWARTZ, G. M. O conteúdo virtual do lazer: contemporizando Dumazedier. Licere, Belo Horizonte, v. 6, n. 2, p. 23-31, 2003.

SEVERINO, A. J. Metodologia do trabalho científico. 23. ed. São Paulo: Cortez, 2007.

VELOZO, E. L. Cultura de movimento e identidade: a educação física na contemporaneidade. 2009. Tese (Doutorado em Educação Física) – Faculdade de Educação Física, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, São Paulo.