Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Formação Específica ou Generalista do Administrador? Uma Pesquisa com Alunos e Empresas do Grande ABC Paulista

DOI: http://dx.doi.org/10.15603/2176-9583/refae.v6n1p170-198

https://www.metodista.br/revistas/revistas-ims/index.php/ReFAE/index 

downloadpdf

Luciano Venelli-Costa1 & Douglas M. Siqueira2

 

Resumo: O curso de Bacharelado em Administração é o que mais tem alunos em todo o país, desde a primeira década do milênio. O objetivo desta pesquisa foi investigar como a Resolução CNE/CES 4/2005, que eliminou as formações específicas no título dos cursos de Administração, vem sendo praticada pelo mercado, tanto pela preferência dos alunos quanto das empresas. Foram enviados questionários online a alunos de uma universidade privada e a empresas do Grande ABC Paulista. Responderam 137 alunos de Administração Geral e 112 alunos do curso de Administração na Linha de Formação Específica em Comércio Exterior, além de 20 empresas. Os resultados apontaram que cerca de metade dos alunos de Comércio Exterior procurariam outra faculdade caso o curso não fosse mais oferecido nessa; somente 16% dos alunos de Administração Geral continuariam na formação generalista se fossem oferecidas outras formações específicas; nas preferências das empresas, a ordem foi a seguinte: 1. Administrador com formação específica; 2. Administrador generalista; 3. Os formados em outros cursos; 4. Tecnólogos. A pesquisa revelou que a resolução 4 ainda não é prática do mercado de trabalho nesta região, apesar das limitações de instrumento e quantidade de respostas.

Palavras-chave: bacharelado em administração, formação do administrador, curso superior de tecnologia, mercado de trabalho.

 

Abstract: The Bachelor in Business Administration Program is the one that has the biggest number of students enrollment across the country since the first decade of the millennium. The objective of this research was to investigate how the CNE / CES 4/2005 resolution, which eliminated specific training courses, has been practiced by the market, regarding the preference of students and enterprises. Online questionnaires were sent to students at a private university and companies in the ABC Paulista. Participants were 137 students majoring General Administration and 112 students of majoring in Foreign Trade, in addition to 20 companies. The results showed that about half of the students of Foreign Trade would seek another college if the specific formation was not offered at the instituition they were enrolled; only 16% of General Administration students would continue in general education if they were offered other specific formations; regarding the preferences of the companies, the order was as follows: 1. Administrator with specific training; . 2 Generalist Administrator; . 3 Graduates in other courses; 4. Technologists. The survey revealed that Resolution 4 is not practical in the labor market in this region, despite the limitations of the instrument and quantity of responses.

Key words:  bachelor's degree in administration, formation of the administrator, senior technology course, labor market

 

1 Doutor em Administração pela FEA-USP. Mestre em Administração, Administrador e Engenheiro. Professor do Programa de Pós-Graduação em Administração e Diretor da Faculdade de Administração e Economia da Universidade Metodista de São Paulo.
2 Mestre em Administração na linha de Gestão de Pessoas pela Universidade Metodista de São Paulo. Doutorando em Administração de Empresas, pela Universidade Nove de Julho . Pós Graduado em Sócio Psicologia, pela Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo. MBA em Gestão Empresarial pela Fundação Getúlio Vargas. Professor universitário nos temas: liderança empresarial, gestão de pessoas, gestão de serviços, estrutura organizacional e teorias da administração em cursos presenciais e de Educação a Distância.

 

Literatuta Citada

BRASIL. LEI n. 4.769, de 9 de setembro de 1965. Dispõe sobre o exercício da profissão de Administrador e dá outras providências. Disponível em: <http://www.cfa.org.br/institucional/legislacao/leis/1965/Lei4769.pdf>. Acesso em 16 jul. 2014.

BRASIL. Conselho Federal de Educação. Resolução CFE n. 2, de 4 de outubro de 1993. Estabelece o currículo pleno e permite a criação de habilitações pela intensificação dos estudos em uma área da Administração, 1993.

BRASIL. LEI n. 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Disponível em: < http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l9394.htm>. Acesso em 16 jul. 2014.

BRASIL. Conselho Nacional de Educação. Câmara de Educação Superior. Resolução CNE/CES n. 1, de 2 de fevereiro de 2004. Institui as Diretrizes Curriculares Nacionais do Curso de Graduação em Administração, Bacharelado, e dá outras providências. Disponível em: <http://portal.mec.gov.br/cne/arquivos/pdf/rces01_04.pdf>. Acesso em 16 jul. 2014.

BRASIL. Conselho Nacional de Educação. Câmara de Educação Superior. Resolução CNE/CES n. 4, de 13 de julho de 2005. Institui as Diretrizes Curriculares Nacionais do Curso de Graduação em Administração, bacharelado, e dá outras providências. Disponível em: < http://portal.mec.gov.br/cne/arquivos/pdf/rces004_05.pdf>. Acesso em 16 jul. 2014.

CFA. Conselho Federal de Administração. Administração. Disponível em: <http://www.cfa.org.br/administracao>. Acesso em 16 jul. 2014.

INEP. Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira. Evolução - 1980 a 2007. Evolução 1980 – 1998, planilha p17. Disponível em: <http://portal.inep.gov.br/web/censo-da-educacao-superior/evolucao-1980-a-2007>. Acesso em 16 jul. 2014.

SANTOS, D.; NOGUEIRA, F.; FAJARDO, V. Confira os dez cursos de graduação com maior número de alunos no país. Portal G1, São Paulo, 13 jan. 2011. Disponível em: <http://g1.globo.com/educacao/noticia/2011/01/confira-os-dez-cursos-de-graduacao-commaior-numero-de-alunos-no-pais.html>. Acesso em 16 jul 2014.