Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

As Contribuições da Metodologia WebQuest para Elevação do Grau de Letramento de Alunos do Ensino Fundamental

DOI: http://dx.doi.org/10.18247/1983-2664/educaonline.v8n2p102-130

http://www.latec.ufrj.br/revistas/index.php?journal=educaonline 

downloadpdf

Rodrigo V. do Nascimento1

 

Resumo: Este artigo aborda as diversas possibilidades que as mídias na educação poderão desenvolver em sala de aula quando utilizadas de forma orientada, sob a perspectiva da metodologia WebQuest para a elevação do grau de letramento nas séries iniciais do ensino fundamental, apresentando para os alunos uma vasta gama de caminhos educacionais para se trilhar pela qual as novas tecnologias da informação e comunicação vem se desenvolvendo por todo o Brasil. No presente contexto político-econômico em nosso país, os professores, facilitadores do saber deverão buscar formas de se apropriarem à estas novas ferramentas, programas e aplicativos educacionais, demonstrando assim que os muros da escola não são mais os limites entre o ensino-aprendizado, cativando nossos alunos para uma educação envolvente que estimule a parceria professor-aluno para a aquisição de noções necessárias à formação de sujeitos críticos e participativos de uma sociedade cada vez mais globalizada e tecnologicamente competitiva.

Palavras-chave: mídias educacionais, parceria professor-aluno, sujeitos críticos

 

Abstract: This article discusses the various possibilities that media education may develop in the classroom when used in a targeted way, from the perspective of WebQuest methodology for raising the level of literacy in the early grades of elementary school students for presenting a wide range educational paths to tread through which the new technologies of information and communication has been developing throughout Brazil. In the present political-economic context in our country, teachers, facilitators of learning should seek ways of appropriating to these new tools, educational programs and applications, which demonstrate that the walls of the school are not the boundaries between teaching and learning, captivating our students for an engaging education that encourages teacher-student partnership to acquire notions necessary for the formation of critical and participatory subject of an increasingly globalized and technologically competitive society.

Key words: educational media - teacher-student partnership - critical subjects

 

1 Licenciado em Pedagogia (2009) pela Universidade Federal de Alagoas, Especialista em Gestão Educacional (2012) pelo Centro de Ensino Superior Arcanjo Mikael de Arapiraca, Mestrando em Ciências da Educação pela Universidad Autónoma del Sur. É Vice-Diretor do Colégio Monte Sinai (Maceió-AL), realizando atividades extra curriculares com os discentes através de estudos e projetos a partir da introdução à astronomia, astronáutica e robótica na escola, sendo professor representante da Olimpíada Brasileira de Astronomia, Mostra Brasileira de Foguetes e Olimpíada Brasileira de Robótica. Tem experiência com atividades escolares voltadas às TICs.

 

Literatura Citada

BRASIL, Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN) temas transversais. Disponível em: <http://portal.mec.gov.br/>. Acesso em: 23 de março 2013.

DODGE, Bernie. Paladín del aprendizaje basado em internet. Disponível em: http://eduteka.org/>. Acesso em: 07 de março de 2014.

JUSBRASIL. Lei nº 9.394 de 20 de dezembro de 1996. Disponível em: http://jusbrasil.com.br/>. Acessado em: 05 de fevereiro de 2014.

FERREIRO, Emilia. O ingresso na escrita e nas culturas do escrito: seleção de textos de pesquisa. Tradução Rosana Malerba. São Paulo: Cortez, 2013.

FREIRE, Paulo. Pedagogia do Oprimido. Rio de Janeiro, Paz e Terra. 44. ed. 2005.

KLEIMAN, Ângela B. Os significados do letramento: uma nova perspectiva sobre a prática social da escrita. Campinas: Mercado das letras, 1995.

MARCUSCHI, Luiz A. Letramento e oralidade no contexto das práticas sociais e eventos comunicativos. In: SIGNORINI, Inês (org.). Investigando a relação oral/escrita e as teorias do letramento. Campinas: Mercado das letras, 2001.

MERCADO, Luis Paulo Leopoldo (org.). Vivências com aprendizagem na Internet. Maceió: EDUFAL, 2005.

MERCADO, Luis Paulo Leopoldo; VIANA, Maria Aparecida Pereira. Projetos utilizando a Internet: a metodologia webquest na prática. Maceió: Q Gráfica/Marista, 2004.

MORAN, José Manuel; MASETTO, Marcos T.; BEHRENS, Marilda Aparecida. Novas tecnologias e mediação pedagógica. 8 ed. Campinas, SP: Papirus, 2000.

NASCIMENTO, Rodrigo Vanderlan. As contribuições da internet na educação para o processo de ensino-aprendizagem em sala de aula. 47f. Monografia (Especialização em Gestão Educacional) - Centro de Ensino Superior Arcanjo Mikael de Arapiraca, Arapiraca, 2013.

NICOLE-DA-COSTA, Ana Maria. Cabeças digitais: O cotidiano na era da informação. São Paulo: PUC-Rio, 2006.

ROSA, Sanny S. Construtivismo e mudança. 4. ed. São Paulo: Cortez, 1996.

SILVA, Marco. Formação de professores para docência online. São Paulo: Edições Loyola, 2012.

SOARES, Magda. Letramento: um tema em três gêneros. 4. ed. Belo Horizonte: Autêntica, 2010.

TEBEROSKY, Ana. Aprender a ler e a escrever: uma proposta construtivista. Porto Alegre: Artmed, 2003.

TFOUNI, Leda. Letramento e alfabetização. São Paulo: Cortez, 1995.

TORRES, Carlos Alberto. Diálogo com Paulo Freire. 3. ed. São Paulo: Loyola, 2003.

VYGOTSKY. In: Psicologia da Educação: O desenvolvimento das funções psicológicas superiores, o ponto de vista de Vygotsky. Porto Alegre: Artemed, 1999.