Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Interagindo com os Números Complexos

DOI: http://dx.doi.org/10.18250/2179-2933/ensinodeciencias.v5n2p45-63

http://www.latec.ufrj.br/revistas/index.php?journal=ensinodeciencias 

downloadpdf

Cassiano S. Puhl1 & Isolda G. de Lima2

 

Resumo: O conjunto dos números complexos é um tópico de conhecimento importante para os estudantes de cursos de Engenharia. Sem este conhecimento, a aprendizagem de conceitos relacionados à eletricidade, por exemplo, fica restrita ou de difícil compreensão. Em entrevistas realizadas com docentes dos diversos cursos de Engenharia, concluiu-se que a aprendizagem mecânica prevalece, quando a disciplina necessita do conhecimento deste tipo de número. Preocupando-se com a educação matemática, propõe-se a criação de um objeto de aprendizagem que permita ao estudante interagir com o conhecimento, de uma forma ativa e exploratória, visando à aprendizagem significativa. O estudo proposto com tal recurso serve apoio às disciplinas que onde os números complexos são conhecimentos prévios para a construção de novos conceitos, especialmente para estudantes de Engenharia. Com o objeto de aprendizagem, espera-se auxiliar estudantes e seus professores, pois o propósito é favorecer a compreensão dos conceitos e operações com números complexos, e também propiciar que o estudante seja ativo no processo de aprendizagem.

Palavras-chave: aprendizagem significativa; objeto de aprendizagem; números complexos; lacunas e defasagens.

 

Abstract: The complex numbers form a topic very important knowledge for students of Engineering courses. Without this knowledge, learning concepts related to electricity, for example, is restricted or difficult to understand. In interviews with teachers of the various Engineering courses, it was concluded that mechanical learning prevails, when discipline requires the knowledge of this type of number. Concerned with mathematics education, proposes the creation of a learning object that allows the student to interact with the knowledge of an active form and exploratory, aimed at significant learning. The study proposed with such a feature becomes a support for disciplines where the complex numbers are previous knowledge to the construction of new concepts, especially for engineering students. With the object of learning, is expected to assist students and their teachers, because the purpose is to promote the understanding of concepts and operations with complex numbers, and also encourages the student to be active in the learning process.

Key words: meaningful learning; learning object; complex numbers; knowledge gaps and lags.

 

1 Aluno do Programa de Pós-Graduação do Mestrado Profissional de Ensino de Ciência e Matemática pela Universidade de Caxias do Sul. Possui graduação em Licenciatura em Matemática pela Universidade de Caxias do Sul (2012). Atualmente é professor contratado do Estado do Rio Grande do Sul.
2 Doutora em Informática na Educação e Mestre em Matemática Aplicada, pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul e graduada em Licenciatura Plena em Matemática pela Universidade de Caxias do Sul. Atua na Universidade de Caxias do Sul como professora de Matemática nos cursos de graduação de Engenharia e Computação, em disciplinas com ênfase em Cálculo Diferencial e Integral, e em disciplinas e estágios do curso de Licenciatura em Matemática. No pós-graduação, é professora e orientadora do Mestrado Profissional em Ensino de Ciências e Matemática nas linhas Tecnologias, Recursos e Materiais Didáticos para o Ensino de Ciências e Matemática e Fundamentos e Estratégias Educacionais no Ensino de Ciências e Matemática. Integra o Núcleo de Inovação e Desenvolvimento: Ambientes de Aprendizagem na Educação Superior: Docência, Tecnologia e Educação a Distância, com pesquisas nas áreas de Educação Matemática e de Informática Educativa, em temas relacionados ao ensino e à aprendizagem de Matemática, a aplicações da Matemática na Engenharia e à utilização de recursos tecnológicos em ambientes virtuais de aprendizagem. Integra as equipes dos projetos Engenheiro do Futuro e UCS-Promopetro: Novos desafios para o Engenheiro do Futuro, vinculados ao Núcleo de Pesquisa e Desenvolvimento: Ensino de Ciências Exatas e Tecnologia, da Universidade de Caxias do Sul. Integra a equipe de coordenação da EaD na UCS e atua também na Programa para Formação de Professores da UCS em seminários para atuação em EaD e em oficinas para o uso pedagógico de recursos tecnológicos.

 

Literatura Citada

ARAÚJO, E. M. et al. Proposta de uma metodologia para avaliação de objetos de aprendizagem em curso de graduação em engenharia. Anais do XXXV COBENGE. Curitiba: Unicenp, 2007.

AUSUBEL, D.; NOVAK, J.; HANESIAN, H. Psicologia Educacional. Trad. NICK, E., RODRIGUES, H., PEOTTA, L., FONTES, M. A. e MARON, M. G. Rio de Janeiro: Editora Interamericana, 1980.

BARIN, C. S.; BASTOS, G. D.; MARSHALL, D. A elaboração de material didático em ambientes virtuais de ensino-aprendizagem: o desafio da transposição didática. In: Renote, Porto Alegre, v. 11, n. 1, jul 2013.

BATISTA, S. C. F. SoftMat: Um Repositório de Softwares para Matemática do Ensino Médio - Um Instrumento em Prol de Posturas mais Conscientes na Seleção de Softwares Educacionais. Dissertação de Mestrado em Ciências de Engenharia. Campos dos Goytacazes, RJ, Universidade Estadual do Norte Fluminense – UENF, 2004.

FERNANDEZ, R.; RIGO, S. J. Avaliação da promoção da aprendizagem em Educação a Distância através do uso de um Objeto de Aprendizagem. In: Renote, Porto Alegre, v. 10, n. 3, dez 2012.

GRAVINA, M. A. Geometria Dinâmica: uma nova abordagem para o aprendizado da Geometria. In: Anais do VII Simpósio Brasileiro de Informática na Educação, v. 1, p. 1-13, 1996.

MELLO, S. Q.; SANTOS, R. P. O ensino de Matemática e a educação profissional: a aplicabilidade dos números complexos na análise de circuitos elétricos. In: Acta Scientiae, Canoas, v. 7, n. 2, p.51-64, jul/dez 2005.

MORAN, J. M.; MASETTO, M. T.; BEHRENS, M. A. Novas Tecnologias e mediação pedagógica. Campinas: Papirus, 2000.

MOREIRA, M. A.; MASINI, E. F. S. Aprendizagem Significativa. A Teoria de David Ausubel. São Paulo: Centauro, 2001-2011. 2a. Reimpressão.

NOBRE, W. R. Números complexos e algumas aplicações. 2013. 54 f. Dissertação (Mestrado) - UFF, Niterói, 2013.

REATEGUI, E.; FINCO, M. D. Proposta de diretrizes para avaliação de objetos de aprendizagem considerando aspectos pedagógicos e técnicos. In: Renote, Porto Alegre, v. 8, n. 3, dez 2010.

RIO GRANDE DO SUL/ SE – Secretaria de Educação do Estado do Rio Grande do Sul. Proposta pedagógica para o ensino médio politécnico e educação profissional integrada ao ensino médio - 2011-2014. 2011. Disponível em: <http://www.educacao.rs.gov.br/dados/ens_med_proposta.pdf>. Acesso: 28 out. 2013.

TAROUCO, L. Avaliação de objetos de aprendizagem. Disponível em: <http://penta2.ufrgs.br/edu/objetosaprendizagem/>. Acesso: 30 out. 2013.

WILEY, D. The instructional use of learning objects. On-line version. 2000. Disponível em: <http://reusability.org/read/>. Acesso: outubro de 2013.