Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Impacto Científico e Social na Pesquisa

Capítulo 8: A Criminologia Crítica e Seus Limites Epistemológicos no Debate Sobre os Danos Causados pela Indústria da Carne no Brasil

DOI: http://dx.doi.org/10.18256/978-85-99924-83-9-8

 

downloadpdf 

Jenifer P. F. Bonatto1, Karine A. França2 & Marília De N. Budó3

 

978-85-99924-83-9

Resumo: O meio ambiente guarnece todas as condições necessárias para a sobrevivência e evolução das espécies; contudo, ao priorizar a lucratividade das atividades econômicas sem considerar o desenvolvimento sustentável, o ser humano tem provocado danos irreparáveis ao meio ambiente. Assim, utilizando o método dialético e a técnica de pesquisa exploratória bibliográfica, o presente trabalho tem por objetivo a exposição crítica desses danos e, sobretudo a análise da atuação do Estado, partindo do marco teórico da Criminologia Crítica. Parte-se de uma ruptura epistemológica que leve em consideração a necessidade de ampliação de seu objeto de estudo para os danos decorrentes de atividades danosas não consideradas legalmente como crimes.

Palavras-chave: Criminologia crítica. Agropecuária. Dano social. Sustentabilidade.

 

Abstract: The environment provides all the necessary conditions for the species survive and evolve, however, by prioritizing economic activities profits, and disregarding sustainable development, the human being has provoked irreparable harm to the environment. Thus, using the dialectical method, and the exploratory bibliographic research technique, this paper aims to critically expose these harm, and, especially, analyze the State action, starting from Critical Criminology theoretical march. It was initiated by the epistemological rupture considering the need of expand its study object for the harm from harmful activities that are not rightfully considered as crimes.

Key words: Critical Criminology. Agricultural. Social Harm. Sustainability.

 

1 Especialista em Direito Penal e Processual Penal pela Faculdade de Direito Damásio de Jesus. Pós-graduanda lato sensu em Direito Previdenciário pela Faculdade UNOPAR. Bacharela em Direito pela IMED, onde foi bolsista PROUNI. Advogada. E-mail: <jeniferbonatto@yahoo.com.br>
2 Acadêmica de Direito da IMED, onde é bolsista Probic/Fapergs vinculada ao grupo de pesquisa Criminologia e dano social: a efetivação da sustentabilidade para além do direito penal. E-mail: <karineagathaf@gmail.com>
3 Orientadora. Doutora em Direito na Universidade Federal do Paraná, com estágio sanduíche na Facoltà di Giurisprudenza da Università di Bologna, na Itália, com bolsa PDSE/CAPES. Mestre em Direito pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), onde foi bolsista Capes. Especialista em Pensamento Político Brasileiro pela UFSM. Graduada em Ciências Jurídicas e Sociais e em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), onde foi bolsista PIBIC/CNPq. Docente da Graduação e do Mestrado em Direito da IMED. E-mail: <adv.mdb@gmail.com>

 

Literatura Citada

AILLERY, Marcel; SCHEIBE, Glenn. Irrigation & Water Use. Background. United States Department of Agriculture Economic Research Service, 2015. Disponível em:<http://www.ers.usda.gov/ers-staff-directory/marcel-aillery.aspx>. Acesso em: 01 abr. 2015.

BARATTA, Alessandro. Criminologia Crítica e Crítica do Direito Penal: introdução à Sociologia do Direito Penal. 6. ed. Rio de Janeiro: Revan, 2011.

BERNAL, Camilo Ernesto; CABEZAS, Sebastián; FORERO, Alejandro; RIVERA, Iñaki; VIDAL, Iván. Un debate epistemológico sobre el daño social, los crímenes internacionales y los delitos de los mercados. In: RIVERA, Iñaki (Coord..). Delitos de los Estados, de los Mercados y daño social. Barcelona: Anthropos, 2014. p. 35-80.

DEMO, Pedro. Metodologia científica em ciências sociais. 2. ed. São Paulo: Atlas, 1989.

FERRAJOLI, Luigi. Criminología, Crímenes Globales y Derecho Penal. El Debate Epistemológico en la Criminología Contemporánea. In: RIVERA, Iñaki (Coord.). Delitos de los Estados, de los Mercados y daño social: Debates en Criminología crítica y Sociología jurídico-penal. Barcelona: Anthropos, 2014. p. 81-96.

GOODLAND, Robert; ANHANG, Jeff. Livestock and climate change: what if the key actors in climate change are... cows, pigs, and chickens? Word wacth, v. 22, n. 6, Nov./Dec. 2009. Disponível em: <http://www.worldwatch.org/files/pdf/Livestock%20and%20Climate%20Change.pdf>. Acesso em: 11 out. 2015.

GUNTHER, Michel. As mudanças climáticas. 2005. Disponível em: <http://www.wwf.org.br/natureza_brasileira/reducao_de_impactos2/clima/mudancas_climaticas2/.>. Acesso em: 10 out. 2015.

HEINRICH BÖLL FOUNDATION; FRIENDS OF THE EARTH EUROPE. Meat atlas 2014: facts and figures about the animals we eat. Disponível em: <https://www.foeeurope.org/sites/default/files/publications/foee_hbf_meatatlas_jan2014.pdf>. Acesso em: 10 out. 2015.

HILLYARD, Paddy; TOMBS, Steve. Más allá de la criminología. Crítica penal y poder, Barcelona, n. 4, p. 175-196, mar. 2013.

LOURENÇO, Daniel Braga; OLIVEIRA, Fábio Corrêa Souza de. Sustentabilidade, economia verde, direito dos animais e ecologia profunda: algumas considerações. Revista Brasileira de Direito Animal, v. 7, n. 10, jan./jun. 2012. Disponível em: <http://www.portalseer.ufba.br/index.php/RBDA/article/view/8403/6021>. Acesso em: 20 out. 2015.

MARGULIS, Sérgio. Causas do Desmatamento da Amazônia Brasileira. Brasília: Banco Mundial, 2003. Disponível em: <http://www.amazonia.org/AmazonForest/Deforestation/MargulisWorldBank0703.pdf>. Acesso em: 13 out. 2015.

OLIVEIRA, Fábio Corrêa Souza de. Direitos da natureza e direitos dos animais: um enquadramento. Ano 2, n. 10. 2013. Disponível em: <http://scholar.googleusercontent.com/scholar?q=cache:UMY_q-reDGAJ:scholar.google.com/&hl=pt-BR&as_sdt=0,5>. Acesso em: 20 out. 2015.

OPPENLANDER, Richard. The World Hunger-Food Choice Connection: A Summary. Comfortably Unaware, 2012. Disponível em:<http://comfortablyunaware.com/blog/the-world-hunger-foodchoice-connection-a-summary/. Acesso em: 02 abr. 2015.

ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS. Declaração da Conferência das Nações Unidas sobre o Meio Ambiente Humano. 1972. Disponível em: <http://www.onu.org.br/rio20/img/2012/01/estocolmo1972.pdf>. Acesso em: 01 abr. 2015.

PAVARINI, Massimo. Control y dominación: teorías criminológicas burguesas y proyecto hegemónico. Argentina: Siglo XXI, 2002.

RIVERO, Sérgio et al. Pecuária e desmatamento: uma análise das principais causas diretas do desmatamento na Amazônia. Nova econ., Belo Horizonte, v. 19, n. 1, jan./apr. 2009. Disponível em: <http://dx.doi.org/10.1590/S0103-63512009000100003>. Acesso em: 12 out. 2015.

SOUZA, Jenifer Sifuentes de. O impacto ambiental atribuído à pecuária. Conselho Regional de Medicina Veterinária – CRMV/PR. 2010. Disponível em: <http://www.crmv-pr.org.br/?p=imprensa/artigo_detalhes&id=65>. Acesso em: 13 out. 2015.

STEINFELD, Henning et al. Livestock’s long shadow: environmental issues and options. Food and Agriculture Organization of the United Nations, Roma, 2006. Disponível em: <ftp://ftp.fao.org/docrep/fao/010/a0701e/a0701e.pdf>. Acesso em: 14 out. 2015.

THORTON, Philip; HERRERO, Mario; ERICKSEN, Polly. Livestock and climate change. Issue Brief, 2011. Disponível em: <https://cgspace.cgiar.org/bitstream/handle/10568/10601/IssueBrief3.pdf>. Acesso em: 12 out. 2015.

WHITE, Rob. Climate Change, ecocide and crimes of the poweful. In: BARAK, Gregg. The Routledge Internacional Handbook of the Crimes of the Powerful. USA: Routledge, 2015.

WWF. Impact of habitat loss on species. Disponível em: <http://wwf.panda.org/about_our_earth/species/problems/habitat_loss_degradation/>. Acesso em: 1 out. 2015.

______. Pegada hídrica incentiva o uso responsável da água. Disponível em: <http://www.wwf.org.br/?27822/Pegada-Hdrica-incentiva-o-uso-responsvel-da-gua>. Acesso em: 14 out. 2015.

  

Dados Catalográficos do Livro

Título: Impacto Científico e Social na Pesquisa (download livro completo)
Editora: Faculdade Meridional IMED
Idioma: Português
Ano: 2016
Páginas: 80
ISSN: 978-85-99924-83-9