Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Teores de NPK na Cultura do Meloeiro Irrigado com Águas de Diferentes Salinidades em Solos do Agropólo Mossoró-Assú1

DOI: http://dx.doi.org/10.12702/iii.inovagri.2015-a042

 

downloadpdf

L. L. de P. Oliveira1, J. L. de A. Silva2, J. F. de Medeiros3, I. B. do Nascimento4. S. S. V. Alves4

 

Resumo: O melão (Cucumis melo L.) é uma hortaliça conhecida no mundo todo, que vem tendo aumento significativo de área cultivada, em virtude disto o objetivo do trabalho foi verificar o efeito da salinidade da água de irrigação nos teores de nitrogênio, fósforo e potássio na planta, em diferentes solos. O experimento foi desenvolvido em casa de vegetação da Universidade Federal Rural do Semiárido – UFERSA, localizada no município de Mossoró – RN, em delineamento experimental em blocos ao acaso, arranjados em esquema fatorial 5 x 6, com três repetições. Os tratamentos resultaram da combinação de cincos tipos de solos com seis níveis de salinidade da água. Antes do plantio realizou-se adubação, de acordo com a exigência nutricional da cultura, e durante o experimento foram aplicados nutrientes via fertirrigação. Observou-se que o teor de Fósforo no tecido foliar apresentou comportamento linear nos diferentes solos, exceto para o Cambissolo Hápico. Em relação ao teor de potássio no tecido foliar, foi observada resposta linear crescente em todos os solos. Observando os teores de nutrientes na folha do meloeiro percebeu-se que cresceram com o incremento da salinidade na água de irrigação e o feito respondeu de forma diferenciada em relação aos tipos de solos.

Palavras-chave: Estresse salino, nutrientes, Cucumis melo L.

 

Abstract: The melon (Cucumis melo L.) is a vegetable known worldwide, which has had significant increase in acreage, because the goal of this work was to evaluate the effect of irrigation water salinity on nitrogen, phosphorus and potassium the plant in different soils. The experiment was conducted in a greenhouse at the Federal Rural University of the Semi-Arid - UFERSA, in the municipality of Mossoró - RN, in experimental design of randomized blocks, arranged in a factorial 5 x 6, with three replications. The treatments resulted from the combination of five soil types with six levels of salinity of the water. Before planting was held fertilization, according to the nutritional requirement of the crop, and during the experiment nutrients through fertigation were applied. It was observed that the phosphorus content in the leaf tissue showed a linear behavior in different soils, except for the Cambisol Hápico. Regarding the potassium content in leaf tissue was observed growing linear response in all soils. Watching the nutrient content in melon leaf realized that grew with the increase of salinity in irrigation water and made responded differently in relation to soil types.

Key words: Salt stress, nutrients, Cucumis melo L.

 

1 Trabalho executado com recursos do INCTSal/CNPq
2 Mestranda, PPGMSA- DCAT da Universidade Federal Rural do Semiárido, Caixa Postal 137, CEP 59628-680, Mossoró, RN, E-mail: leticia_lissia@hotmail.com;
3 Mestrando, PPGESA- LEB da Escola Superior de Agricultura “Luíz de Queiroz”, Universidade de São Paulo, ESALQ/USP, E-mail: jose_leoncio@usp.br;
3 Engenheiro Agrônomo da Universidade Federal Rural do Semiárido, Mossoró, RN; E-mail: jfmedeir@ufersa.edu.br;
4 D.Sc em Fitotecnia, UFERSA, E-mail: iarajane@hotmail.com; agrosan29@hotmail.com; iarajane@hotmail.com

 

Literatura Citada

BERNADI, A.C.C.de.; TAVARES, S.R.L.de.; CRISÓSTOMO, L.A.de. Alteração da fertilidade de um Neossolo Qaurtzarênico em função da lixiviação de nutrientes. Irrigação, Botucatu, v. 12, n. 4, p. 429-438, out./dez. 2007.

BOARETTO, A. E. et al. Amostragem, acondicionamento e preparação das amostras de plantas para análise química. In: SILVA, F.C. Manual de análises químicas de solos, plantas e fertilizantes. Rio de Janeiro: Embrapa Solos; Brasília: Embrapa Comunicação para Transferência de Tecnologia, 1999. p.51-73.

BRAGA SOBRINHO, R.; GUIMARÃES, J.A.; FREITAS, J. de A.D. de; TERAO, D. 2008. Produção integrada de melão. Fortaleza: Banco do Nordeste do Brasil, 338p.

CARVALHO, L. C. C. de, Evapotranspiração e Coeficientes de Cultivo do Melão Sob Diferentes Lâminas de Irrigação. 2006. 73f. Dissertação (Mestrado em Irrigação e Drenagem) - CCA, UFC, Fortaleza-CE.

COSTA, M. da C. Efeitos de diferentes lâminas de água com dois níveis de salinidade na cultura do meloeiro. Irriga, Botucatu – SP, v. 5, n. 1, 200.

GURGEL, M. T.; GHEYI, H. R.; OLIVEIRA, F. H. T. de; FERNANDES, P. D.; SILVA, F. V. Nutrição de cultivares de meloeiro irrigadas com águas de baixa e alta salinidade. Revista Caatinga, v.21, p.36-43, 2008.

JONES JUNIOR, J. B.; WOLF, B.; MILLS, H. A. Plant analysis handbook: a practical sampling, preparation, analysis and interpretation guide. Athens: MicroMacro, 1991. 213 p.

LACERDA, C. F. Efeitos da salinidade no desenvolvimento e composição mineral do feijão-de-corda (vigna unguiculata (l.) walp.) e utilização do ca2+ como meio para minorar tais efeitos. Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2010.

LOCASCIO, S. J. Cucurbits: Cucumber, Muskmelon and Watermelon. In: BENNETT, W. F. (Ed). Nutrient deficiencies and toxicities in crop plants. St. Paul, USA. APS Press: The American Phytopathological Society. 1993. p.123-130.

MALAVOLTA, E.; VITTI, G. C.; OLIVEIRA, S.A. Avaliação do estado nutricional das plantas: princípios e aplicações. Piracicaba: Potafos, 1997. 319p.

MEDEIROS, J. F. DE.; LISBOA, R. DE A.; OLIVEIRA, M. DE ET AL. Caracterização das águas subterrâneas usadas para irrigação na área produtora de melão da chapada do apodi. Revista brasileira de engenharia agrícola e ambiental, CAMPINA GRANDE, PB, V.7, N.3, P. 46-472, SET/DEZ. 2003.

MEDEIROS, J. F. DE; DIAS, N. DA S.; BARROS, A. D. DE. Manejo da irrigação e tolerância do meloeiro a salinidade da água de irrigação. Revista Brasileira de Ciências Agrárias, v.3, p.242-247, 2008. http://dx.doi.org/10.5039/agraria.v3i3a264. http://dx.doi.org/10.5039/agraria.v3i3a264

RIBEIRO JUNIOR, J.I. 2001. Análises estatísticas no SAEG. UFV. Viçosa. 250 p.

RICHARDS, L. A. (Ed.). Diagnosis and improverment of saline and álcali soils. Washington DC: U. S. Salinity Laboratory, 1954. (USDA. Agriculture Handbook, 60).