Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Resposta da Irrigação por Aspersão na Produtividade de Biomassa de Cana-de-Açúcar no Noroeste Paulista

DOI: http://dx.doi.org/10.12702/iii.inovagri.2015-a114

 

downloadpdf

L. S. Vanzela1, R. A. de Souza2, A. P. Barbosa3, E. de P. Prando4 & R. C. V. de Souza5

 

Resumo: O conhecimento da resposta da cana-de-açúcar à irrigação por aspersão é imprescindível para o Noroeste Paulista, considerando que a região sofre com longos períodos de déficits hídricos. Assim, este trabalho teve como objetivo avaliar a resposta da irrigação por aspersão na produtividade de cinco variedades de cana-de-açúcar na região Noroeste Paulista, no primeiro ano de cultivo (cana planta). Para isto, foi implantando na Fazenda de Ensino e Pesquisa da UNICASTELO em Fernandópolis (SP), um experimento fatorial 4x5, sendo 4 níveis de reposição da necessidade de irrigação (NI) por aspersão (100%, 86%, 21% e sequeiro) em 5 variedades de cana-de-açúcar (RB867515, RB855453, CTC2, SP81-3250 e RB835486) e 3 repetições. A variável analisada foi produtividade de biomassa, a partir da colheita manual das duas linhas centrais de cada parcela. A análise dos resultados consistiu em análise de variância dos fatores isolados e combinados, seguida de regressão para o fator reposição de água via irrigação e teste de Tukey para variedades. De acordo com os resultados, a irrigação com a reposição de 100% da NI via irrigação por aspersão em cana planta foi a que proporcionou, em média, maior produtividade de biomassa. Na reposição de 100% da NI (236,3 t ha-1), a produtividade de biomassa foi 44,4% superior ao sequeiro (163,7 t ha-1). A variedade CTC2 obteve a maior média de produtividade de biomassa (227,26 t ha-1) superando em 29,3% as variedades RB835486 e RB855453, mas não diferenciando das variedades SP81-3250 e RB867515. A interação entre os fatores foi significativa para todas as variedades, sendo que a reposição de 100% da NI proporcionou maior produtividade de biomassa dentro de todas as variedades avaliadas.

Palavras-chave: manejo da irrigação, bioenergia, evapotranspiração, variedades de cana-de-açúcar

 

Abstract: The knowledge of sugarcane response to sprinkler irrigation is essential for the Northwest São Paulo, considering that the region suffers from long periods of water stress. This paper aimed to evaluate the response of sprinkler irrigation on yield of five varieties of cane sugar in the Northwest São Paulo, in the first year of cultivation (plant cane). For this, it was implemented in the Teaching and Research Farm of UNICASTELO in Fernandópolis (SP), a factorial design 4x5, with 4 levels for replacement of irrigation needs (IN) by sprinkler irrigation (100%, 86%, 21% and dryland) in 5 varieties of sugarcane (RB867515, RB855453 CTC2, SP81-3250 and RB835486) and 3 repetitions. The variable analyzed was biomass productivity, from the manual harvest of the two central rows of each part. The analysis consisted of variance analysis of the individual and combined factors, followed by regression to water replacement factor through irrigation and Tukey test for varieties. According to the results, irrigation with the replacement of 100% of IN by sprinkler irrigation in plant proportioned, on average, higher productivity of biomass. The highest average adjusted by the model was provided by the replacement of 100% of IN (236.3 t ha-1) and 44.4% higher than dryland (163.7 t ha-1). The CTC2 variety had the highest average yield (227.26 t ha-1) surpassing in 29.3% the RB835486 and RB855453 varieties, but not differentiating from the varieties SP81-3250 and RB867515. The interaction between the factors was significant for all varieties, and the replacement of 100% of IN provided the highest productivity in all tested varieties.

Key words: irrigation management, bioenergy, evapotranspiration, sugarcane variety

 

1 Doutor, Professor, PPGCA/UNICASTELO – Fernandópolis – São Paulo. Email: lsvanzela@yahoo.com.br
2 Mestre, PPGCA/UNICASTELO - Fernandópolis - São Paulo. Email: rosangelabio@yahoo.com.br
3 Engenheira Agrônoma, UNICASTELO – Fernandópolis – São Paulo. Email: apb_barbosa@hotmail.com
4 Mestre, PPGCA/UNICASTELO – Fernandópolis – São Paulo. Email: eduardoprando@yahoo.com.br
5 Engenheiro Agrônomo, CTC - Piracicaba – São Paulo. Email: rafael_ciol@hotmail.com

 

Literatura Citada

ALLEN, R.G.; PEREIRA, L.S.; RAES, D.; SMITH, M. Crop evapotranspiration: guidelines for computing crop water requirements. Roma: FAO, 1998. 300p.

FERREIRA, C. F.; VANZELA, L. S.; OLIVEIRA, G. S. de; SILVA, M. R. R. da; APARECIDO FILHO, A. C. Análise espacial da deficiência hídrica da cana-de-açúcar no município de Fernandópolis - SP. In: XVI CONGRESSO NACIONAL DE IRRIGAÇÃO E DRENAGEM, Luís Eduardo Magalhães, BA, 2013. Anais... Brasília: ABID, 2013. (CD-ROM).

INPE – INSTITUTO NACIONAL DE PESQUISAS ESPACIAIS. CANASAT: Monitoramento da cana-de-açúcar via imagens de satélite. São José dos Campos, SP: INPE. 2015. Disponível em: <http://www.dsr.inpe.br/laf/canasat/>. Acesso em: abr. 2015.

LARCHER, W. Ecofisiologia Vegetal. São Carlos: RiMa, 2000. 531p.

LIMA, F. B. de; VANZELA, L. S.; MARINHO, M. A.; SANTOS, G. O. Balanço hídrico climatológico normal ponderado para o município de Fernandópolis - SP. In: XVI CONGRESSO BRASILEIRO DE AGROMETEOROLOGIA, 2009, Belo Horizonte. Anais... Porto Alegre: SBA, 2009. (CD-ROM).

OLIVEIRA, J. B.; CAMARGO, M. N.; ROSSI, M.; CALDERANO FILHO, B. Mapa pedológico do Estado de São Paulo: legenda expandida. Campinas: Instituto Agronômico/ EMBRAPA Solos. Campinas. 1999. 64p.

PATROCINIO, V. G.; VANZELA, L. S.; TEZZIN, K. V. M.; SILVA, M. R. R. da. Influência da irrigação e cobertura de palhada do solo sobre a produtividade de forragem de milho na região Noroeste do Estado de São Paulo. In: III ENCONTRO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E I ENCONTRO DE PESQUISADORES DA UNICASTELO, 2009, São Paulo. Anais... São Paulo: Unicastelo, 2009. (CD-ROM).

PEREIRA, A. R.; ANGELOCCI, L. R.; SENTELHAS, P. C. Agrometeorologia: fundamentos e aplicações práticas. Guaíba: Agropecuária, 2002. 478p.

RESENDE, R. S.; ANDRADE JÚNIOR, A. S. de. Cana-de-açúcar: irrigação. Brasília: EMBRAPA, 2007.

ROLIM, G. de S.; CAMARGO, M. B. P. de; LANIA, D. G.; MORAES, J. F. L. de. Classificação climática de Koppen e de Thornthwaite e sua aplicabilidade na determinação de zonas agroclimáticas para o Estado de São Paulo. Bragantina, Campinas, v.66, n.4, p.711-720, 2007. http://dx.doi.org/10.1590/s0006-87052007000400022

Silva, V. de P. R. da; Borges, C. J. R.; Albuquerque, W. G. de. Necessidades hídricas da cana-de-açúcar cultivada em clima tropical. Semina: Ciências Agrárias, Londrina, v. 35, n. 2, p. 625-632, 2014. http://dx.doi.org/10.5433/1679-0359.2014v35n2p625

UNICA – UNIÃO DA INDÚSTRIA DE CANA-DE-AÇÚCAR. Relatório final da safra 2013/2014: Região Centro-Sul. São Paulo: ÚNICA, 2014. 32p.