Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Análise Econômica e Socioambiental da Piscicultura Utilizando Rejeito Salino

DOI: http://dx.doi.org/10.12702/iii.inovagri.2015-a319

 

downloadpdf

A. C. M. Souza1, N. da S. Dias2, O. N. de Sousa Neto3, R. B. de Lira4 & I. S. R. de Queiroz5

 

Resumo: O semiárido do Brasil tem um histórico de desafios e resistência aos fatores climáticos naturais, sobretudo, no tocante à escassez de recursos hídricos. O Programa Água Boa do Governo Federal vem instalando, em várias comunidades rurais, estações de tratamento de água por osmose reversa como alternativa para a obtenção de água potável para as famílias por meio da dessalinização da água salobra de poços. Entretanto, no processo de dessalinização se gera, além da água potável, um rejeito altamente salino e de poder poluente elevado. Para minimizar os impactos ambientais negativos gerados pelo descarte do rejeito dessas estações de tratamento foi instalado um experimento na comunidade de Bom Jesus, Campo Grande/RN, com o objetivo de investigar a viabilidade econômica e socioambiental do uso do rejeito salino para o cultivo de tilápias em viveiro. O subsistema criação de peixes ocupa a segunda menor área entres as atividades desenvolvidas na comunidade e o mais eficiente referente à produtividade; as ações da pesquisa apresentaram viabilidade econômica desse processo para a produção agrícola familiar, com vistas à segurança alimentar, geração de renda e conservação ambiental.

Palavras-chave: Reúso da água, piscicultura, análise econômica, conservação ambiental.

 

Abstract: The semi-arid region of Brazil has a history of challenges and resistance to natural weather conditions, especially regarding the scarcity of water resources. The Good Water program of the Federal Government has been installing in various rural communities, water treatment plants by reverse osmosis as an alternative for the production of drinking water for households through the desalination of brackish water wells. However, in the desalination process is generated in addition to the drinking water, a reject high salt and high pollutant power. To minimize the negative environmental impacts generated by the waste disposal of these treatment plants was installed an experiment in community Bom Jesus, Campo Grande / RN, in order to investigate the economic and environmental viability of using saline waste for growing tilapia in nurseries. The subsystem fish farming occupies the second smallest area entres the activities in the community and the most efficient related to productivity; Search the shares have economic viability of the process for family agricultural production, with a view to food security, income generation and environmental conservation.

Key words: Reuse of water, fish farming, economic analysis, environmental conservation.

 

1 Doutoranda em Manejo de Solo e Água, Universidade Federal Rural do Semi-Árido (UFERSA), Mossoró - RN. E-mail: anaclaudia.gambiental@hotmail.com
2 Professor Adjunto IV do Departamento de Ciências Ambientais e Tecnológicas, UFERSA, Mossoró - RN. E-mail: nildo@ufersa.edu.br
3 Doutorando em Engenharia de Sistemas Agrícolas, ESALQ/USP, Piracicaba - SP. E-mail: sousaneto@usp.br
4 Doutorando em Manejo de Solo e Água, UFERSA, Mossoró - RN. E-mail: ranierejunco@gmail.com
5 Mestrando em Manejo de Solo e Água, UFERSA, Mossoró - RN. E-mail: italosorac@hotmail.com

 

Literatura Citada

BRASIL. Ministério da Pesca e Aquicultura (MPA). O potencial brasileiro para a aquicultura. Brasília: MPA, 2011. Disponível em: <http://www.mpa.gov.br/aquiculturampa/informacoes/potencial-brasileiro>. Acesso em: 22 set. 2013.

BRASIL. Secretaria de Estado de Desenvolvimento Regional, Abastecimento e Pesca (SEDRAP). Brasil sedia Conferência Mundial da Tilápia. Rio de Janeiro: SEDRAP, 2013. Disponível em: <http://www.rj.gov.br/web/sedrap/exibeconteudo?article-id=1760513>. Acesso em: 22 set. 2013.

ELER, M. N.; MILLANI, T. J. Métodos de estudos de sustentabilidade aplicados a aquicultura. Revista Brasileira de Zootecnia, Brasília, v. 36, Suplemento Especial, p.33-44, 2007.

FAO. Food and Agriculture Organization. Fisheries and Aquaculture Department Statistics, 2009. Disponível em: <http://www.fao.org/fishery/statistics/en>. Acesso em: 21 set. 2013.

GARCIA FILHO, D. P. Análise diagnóstico de sistemas agrários: Guia metodológico. In: GUANZIROLI, C.; CARDIM, S. (coord.). Brasília: Convênio INCRA/FAO, 2005.

KUBITZA, F. Qualidade da água na produção de peixes – Parte II. Revista Panorama da Aqüicultura, Rio de Janeiro, v. 8, n. 46, p. 35-41, 1998.

KUBITZA, F. Tilápia em água salobra e salgada: uma boa alternativa de cultivo para estuários e viveiros litorâneos. Revista Panorama da Aqüicultura, Rio de Janeiro, v. 15, n 88, p. 14-18, 2005.

LIMA, A. P.; Basso, N.; Neumann, P. S. Administração da unidade de produção familiar: modalidades de trabalho com agricultores. 3 ed. Ijuí: Unijuí, 2005.

LIRA, R. B. Qualidade do solo e avaliação econômica do manejo sustentável da caatinga no projeto de assentamento Moacir Lucena, Apodi, RN. 2010. 64 f. Dissertação (Mestrado em Ciência do Solo). Departamento de Ciências Ambientais e Tecnológicas, Universidade Federal Rural do Semi-árido. Mossoró, 2010.

LUCCA, E. J.; SILVA, A. L. L. Análise e diagnóstico de uma unidade de produção agrícola familiar. Revista de Administração IMED, v. 2, n. 3, p. 172-184, 2012. http://dx.doi.org/10.18256/2237-7956/raimed.v2n3p172-184

PIRAUX, M.; BONNAL, P. Projetos coletivos de desenvolvimento territorial no entorno de Campina Grande (PB) – o elo faltante da multifuncionalidade da agricultura familiar. In: Agricultura familiar: multifuncionalidade e desenvolvimento territorial no Brasil. Cazella, A. A.; Bonnal, P.; Maluf, R. S. (org.). Rio de Janeiro: Mauad X, 2009.

SANTOS, A. B.; SANTANA, D.; ALMEIDA, E. G. Viabilidade econômico-financeira da piscicultura na região noroeste do estado de Mato Grosso. Revista Científica da Ajes, Mato Grosso, v. 4, n. 1, p. 1-9, 2011.

SCHNEIDER, S.; PERONDI, M. A.; GREGOLIN, A. Referências para o desenvolvimento de alternativas economicamente viáveis à produção de tabaco e à diversificação dos meios de vida dos agricultores. 2009. Disponível em:<http://portal.mda.gov.br/>. Acesso em: 15 set. 2013.

SILVA, E. M. Pluriatividade e renda familiar na região cacaueira: o caso do PASJ, Uruçuca/ Bahia. 2008. 203 f. Dissertação (Mestrado em Economia). Faculdade de Ciências Econômicas, Universidade Federal da Bahia. Salvador, 2008.

ZANIBONI-FILHO, E. O desenvolvimento da piscicultura brasileira sem a deterioração da qualidade de água. Revista Brasileira de Biologia, São Carlos, v. 1, n. 57, p. 3-9, 1997.